COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Direito (Bacharelado)

Estudantes de Direito receberam equipe do Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania

No dia 23 de junho, os estudantes da disciplina de Prática Jurídica Civil I, do Curso de Direito da Unijuí - Campus Ijuí, receberam a equipe de conciliadores/mediadores do CEJUSC/IJUÍ - Centro Judiciário de Soluções de Conflitos e Cidadania, para exposição das metodologias de conciliação e mediação aplicados nos tribunais do país. 

Conforme a Resolução nº 125 de CNJ, o artigo 165 do CPC e o artigo 24 da Lei de Mediação, os CEJUCs tornaram-se responsáveis pela realização de sessões e audiências de conciliação e mediação, pré-processuais e processuais, e pelo desenvolvimento de programas destinados a auxiliar, orientar e estimular a autocomposição. 

                    

Em Ijuí o órgão é coordenado pela Juíza Dra. Maria Luiza Polo Gaspary, com apoio da Oficial Escrevente Secretária do CEJUSC, Liane Bernardo Brencke, uma das painelistas da noite, e de uma estagiária. Além disso, integram a equipe da nossa comarca 8 conciliadores, sendo 4 servidores da justiça, e ainda 20 mediadores (regime voluntario).

Foi realizada, na ocasião, uma sessão de mediação simulada, com a participação de dois alunos, Juarez Hedlund de Souza e Maurício Fontana Filho, que fizeram o papel de advogados. Esta prática ocorre em sigilo, não podendo ser acompanhada por estudantes no dia-a-dia. Ocasião em que os alunos puderam vivencia-lá, observando a metodologia aplicada.


Proteção de Crianças e Adolescentes em discussão no 2º Congresso Nacional de Direito, em Santa Rosa

A primeira noite de palestras do 2º Congresso Nacional – Jurisdição, Democracia e Direitos Humanos, realizada nesta quarta-feira, 31 de maio, recebeu, no Campus Santa Rosa, os palestrantes Felipe Dias da Veiga e Rosane Leal da Silva. Ambos professores doutores na área do Direito.

As duas palestras, “A proteção de crianças e adolescentes na sociedade em rede: desafios para o século XXI”, de Rosane, e “Crimes Digitais contra crianças e adolescentes e as violações de direitos humanos”, de Felipe, foram mediadas pela professora Francieli Formentini. 

De acordo com Rosane, essa é uma temática desafiadora, pois cada vez mais cedo crianças e adolescentes estão fazendo uso da internet e dos mais variados aplicativos: “é sobre esses dilemas de hoje, envolvendo a família, a sociedade, o estado e suas insuficiências em proteger as crianças e os adolescentes”.

Antes, porém, na noite de terça-feira, 30, a programação do evento foi destinada a apresentação dos trabalhos inscritos. O evento faz parte das comemorações dos 25 anos do Curso de Direito em Santa Rosa. 


Estudantes de Direito realizam visita de estudos no Presídio Estadual de Santa Rosa


As turmas de Prática Jurídica Penal do curso de Direito da Unijuí - campus Santa Rosa realizaram uma visita de estudos, no dia 23 demaio, no Presídio Estadual de Santa Rosa. Acompanhados das professoras Patrícia Oliveski e Emmanuelle Malgarim, os estudantes puderam conhecer a realidade carcerária local, bem como constatar a importância dos projetos de reinserção dos detentos na sociedade.

O diferencial local está na existência efetiva de diversos Protocolos de Ação Conjunta (PAC), pelos quaisempresas de Santa Rosa e Região disponibilizam aos detentos a oportunidade de aprendizado e trabalho.

Os estudantes Daiane da Silva Carneiro e Christian Hermann perceberam na visita as possibilidades de reinserção dos apenados na sociedade. “Essa reinserção dos apenados à sociedade só é possível graças à contribuição/participação efetiva da comunidade, através da formação de um conselho comunitário implantado no Município de Santa Rosa". 


Congresso de Ciências Criminais e Direitos Humanos reúne mais de 500 participantes

O II Congresso Ciências Criminais e Direitos Humanos, promovido pelo Curso de Direito e pelo Programa de Pós-Graduação/Mestrado em Direitos Humanos da UNIJUÍ oportunizou uma intensa programação aos mais de 500 participantes, ouvintes e apresentadores de trabalhos, entre os dias 23 a 26 de maio.

Com a realização de workshops e painéis sobre temas contemporâneos das ciências criminais, como a Lei Maria da Penha, Tribunal do Júri, Delações Premiadas e Biopolítica, o evento se consolidou como um espaço de debates e reflexões qualificadas entre os eixos Ciências Criminais e Direitos Humanos, e a atualidade.

                

Segundo o Coordenador geral do evento, professor Dr. Maiquel Ângelo Dezordi Wermuth, a temática do evento é pertinente frente aos desafios que os Direitos Humanos apresentam para as Ciências Criminais na contemporaneidade. Ele também salientou a ampla participação de estudantes, professores e profissionais no evento. “Conseguimos alcançar todas as nossas metas para o evento em termos de palestrantes, programação científica e cultural. A avaliação é positiva. O evento teve uma programação de altíssima qualidade”, observa.

A Professora Joice Nielsson, também Coordenadora do evento, ressaltou a importância de se criarem espaços de discussão como o que foi proporcionado pelo evento na última semana. “Precisamos de espaços como este para avançarmos diante das dificuldades que o atual cenário nacional apresenta. Nesse sentido, acredito que o evento se constituiu em um importante meio de crítica aos retrocessos observados no campo das Ciências Criminais na atualidade. Esperamos que ele renda bons frutos entre todos os participantes, diante da profundidade das reflexões realizadas”, avalia.

A Coordenadora Científica do evento, Prof. Anna Zeifert, referiu que o evento atingiu um número significativo de trabalhos nas bancas de apresentações, contando com a participação, além de alunos da graduação e do Mestrado da UNIJUÍ, de outras instituições da região noroeste e também da região metropolitana do Estado.

Os trabalhos apresentados no evento irão integrar um livro que será lançado em breve em versão eletrônica (e-book). A próxima edição do Congresso Nacional Ciências Criminais e Direitos Humanos está prevista para 2018.

Ouça a avaliação do professor Maiquel Wermuth:


Noite para celebrar os 15 anos do curso de Direito - Campus Três Passos

Para celebrar os 15 anos do curso de Direito – Campus Três Passos, a Unijuí programou uma semana especial aos estudantes, professores e comunidade regional. Na abertura, na noite desta segunda-feira, foi realizado o evento “15 anos em uma noite”.

Com a apresentação da Unijuí FM, convidados que ajudaram a construir a história do curso subiram ao palco do auditório do Campus para conversar com o público. A noite teve, ainda, muita música com a banda Criptogramas e o músico Serginho.

               

Para abrir a noite, o público assistiu a um vídeo com imagens da história do curso e do Campus, com texto do professor Paulo Fensterseifert e locução de Talita Mazzola. Logo após, a Ex-Reitora Eronita Silva Barcelos, que estava à frente da Instituição na época da criação do curso, deu o seu depoimento. Ela destacou a importância da área na construção de uma sociedade mais democrática.

Elvídia Zamin, Ex-Pró-Reitora do Campus, foi a próxima a subir ao palco. Emocionada, ela salientou a luta da comunidade para a concretização do campus e a implantação do curso, também fez questão de salientar a importância dos professores e técnicos-administrativos para o sucesso do projeto.

Da plateia, também falaram o egresso do curso e atualmente aluno do Mestrado em Direitos Humanos da Unijuí, Willian Heineck, a técnica-administrativa, Carla Spanemberg, o estudante e presidente do Centro Acadêmico do curso, André Castro e o prefeito de Três Passos, José Carlos Amaral.

Atual coordenador do curso, o professor Joaquim Henrique Gatto salientou os desafios da Instituição e do corpo docente. “Temos o foco em atender com qualidade a comunidade, nosso curso está voltado para ela”, observou.

Ao final da sua participação, o professor Joaquim foi surpreendido com uma homenagem dos estudantes, que leram mensagem ao público e passaram um vídeo destacando fotos dos anos em que ele está na coordenação do curso.

Para finalizar a noite de depoimentos, a Reitora da Unijuí, Cátia Maria Nehring, destacou desafios do curso e da Instituição, entre eles manter os egressos do Campus atuando em Três Passos e região, atuando pelo desenvolvimento regional.

 

Semana dos 15 anos do curso de Direito

Nesta terça-feira, o grupo Peabiru fará uma apresentação musical intitulada “Humanidades e Cultura Missioneira”. Na quarta, ocorre a 1ª Mostra Acadêmica de Artigos Científicos, que vai discutir temas relacionados aos Direitos Humanos, a partir de trabalhos realizados por estudantes do curso.

E, na quinta e sexta-feira, ocorre o 1º Seminário de Direito do Consumidor. Na tarde de quinta-feira, os gestores municipais e vereadores da região foram convidados para debater a importância dos Procons nos municípios. 


Três Passos: Direito realizará Semana dos 15 anos do curso

A partir da próxima segunda-feira, 29 de maio, o Campus Três Passos vai realizar a “Semana dos 15 anos do curso de Direito”, com uma vasta programação, contemplando o resgate da história do curso, atividades culturais, a 1ª Mostra Acadêmica de Artigos Científicos e o 1º Seminário de Direito do Consumidor.

As atividades serão realizadas no auditório do Campus, a partir das 19h. “Vamos comemorar os 15 anos do curso, que está consolidado na região, com uma grande inserção social”, avalia o professor Joaquim Henrique Gatto, coordenador do curso de Direito – Campus Três Passos.

             

Na segunda-feira, na abertura do evento, será realizada a atividade “15 anos em uma noite”, com apresentação da Unijuí FM. Serão revividos momentos do curso desde a sua instalação, com a presença da Reitoria que estava à frente da Instituição na época e também com a presença da atual Reitoria da Universidade.

Já na terça-feira, o grupo Peabiru fará uma apresentação musical intitulada “Humanidades e Cultura Missioneira”. Na quarta, ocorre a 1ª Mostra Acadêmica de Artigos Científicos, que vai discutir temas relacionados aos Direitos Humanos, a partir de trabalhos realizados por estudantes do curso.

E, na quinta e sexta-feira, ocorre o 1º Seminário de Direito do Consumidor. De acordo com o coordenador do curso, no turno da tarde de quinta-feira, os gestores municipais e vereadores da região foram convidados para debater a importância dos Procons nos municípios. 

Confira a Programação completa