COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Cultura

“Precisamos achar uma alternativa para apoiar o povo indígena"

No Dia do Índio, relatos revelam que ainda falta muito para alcançarmos a igualdade de direitos

         

No início do mês, o Museu Antropológico Diretor Pestana MADP/Unijuí, que funciona em conjunto com a Universidade, abriu a exposição “Povos Indígenas – Identidade, Diversidade e Direitos”. Na ocasião, o cacique Kaingang, Adilson Policena, falou sobre a necessidade de se debater a situação dos indígenas na sociedade: “precisamos achar uma alternativa para apoiar o povo indígena. Temos orgulho do nosso povo estar aqui vendendo artesanato, mas queremos que ele tenha o mínimo de apoio, condições mínimas de humanidade para viver. Não há ninguém melhor para levantar essas questões do que a Universidade e nós apoiamos e estamos dentro dela. A Universidade tem o papel de fazer a juventude ter esses questionamentos e lembrar que a questão indígena tem que ser discutida a qualquer hora”. De fato, é preciso falar sobre isso. 

Um relatório da Organizações das Nações Unidas, entregue no ano passado, revelou que a situação de violência enfrentada pelos indígenas no Brasil é a pior desde 1988. Segundo o assessor do Conselho de Missão entre Povos Indígenas – COMIN, Sandro Luckmann, a discriminação e o preconceito são grandes aqui na região Sul também: "os indígenas estão, inclusive, fazendo denúncias no Ministério Público para buscar soluções jurídicas para essas situações de violência, que se dão por preconceito, e com a ideia de invisibilizar e tirar o direito do indígena de ter seu papel como membro participativo da sociedade. Assim são negados seus direitos e são deixados vivendo em beiras de estrada, sem acesso à politicas públicas". 

Atualmente, no Brasil, existem mais de  300 povos indígenas, que falam mais de 200 línguas. De acordo com Luckmann, o Brasil tem uma posição de destaque na América Latina, pois é o país que tem a maior sociodiversidade entre povos indígenas e o Rio Grande do Sul é o Estado com a 10ª maior concentração indígena no país. "Precisamos incluir essa população e deixar percepções erradas, como a de que o índio é atrasado, ou que se usa celular não é mais índio, essas são percepções que dificultam o diálogo aberto e não permitem ver a riqueza da diversidade que temos", destaca.

Indígenas na Universidade - Luckmann aponta que há mais de uma centena de indígenas frequentando Universidades. A nutricionista Leda Sales, de origem Kaingang, graduou-se na Unijuí e hoje se dedica a cuidar do seu povo. Leda nasceu na Tribo Palikur, às margens do Rio Uaçá, em Oiapoque-AP, divisa com a Guiana Francesa, mas cursou a sua graduação em Ijuí. Clique aqui e conheça a história dela.

Exposição no MADP - A Sala de Exposições Temporárias do MADP recebe até o dia 26 de maio a Exposição “Povos Indígenas – Identidade, Diversidade e Direitos”. A Exposição é composta por fotos cedidas pelo Conselho de Missão entre Povos Indígenas – COMIN e por atividades que permitem compreender na prática a realidade vivida pelos povos indígenas. Segundo Belair Stefanello, educadora do MADP, a função do Museu também é fazer questionar, “fazer com que a população sinta um pouco do que o povo indígena sentiu”. A exposição acontece com o apoio da 36ª Coordenadoria Regional de Educação - CRE e Secretaria Municipal de Educação de Ijuí - SMEd Ijuí. 

Foto: Acervo MADP


Coral realiza apresentação surpresa no campus Ijuí

Quem circulou pelo prédio da Biblioteca Mario Osorio Marques no início da noite desta segunda-feira, dia 10, teve uma surpresa. De repente, palmas e vozes começaram a tomar conta dos corredores, um grupo que conversava, começa a cantar e, assim, se fez o espetáculo. As poucas músicas interpretadas pelos integrantes do Coral da Unijuí surpreenderam quem passava e deixaram um gosto de quero mais. A ação marca o começo de uma série de atividades que visam celebrar os 25 anos de atividade do Coral. Confira um pedaço da apresentação:


Museu promove a exposição “Povos Indígenas – Identidade, Diversidade e Direitos”

O Museu Antropológico Diretor Pestana – MADP, juntamente com o Conselho de Missão entre Povos Indígenas – COMIN e apoio da 36ª Coordenadoria Regional de Educação - CRE e Secretaria Municipal de Educação de Ijuí - SMEd Ijuí, realiza, no período de 11 de abril a 26 de maio de 2017, na Sala de Exposições Temporárias do MADP, a Exposição “Povos Indígenas – Identidade, Diversidade e Direitos”.

A temática indígena, tradicionalmente abordada pelo MADP, neste ano contará com material fotográfico dos povos Kaingang e Guarani das regiões sul e sudeste, cedido pelo COMIN.

A exposição pretende ampliar a discussão sobre as comunidades indígenas, no contexto da sociedade brasileira, com ênfase para a identidade, diversidade cultural e lutas pela garantia e ampliação de direitos.

Além das fotos, a exposição trará uma dinâmica interativa com o público visitante, abordando especialmente os conceitos de território e territorialidade, tão importantes para compreender a grave situação que estão enfrentando os povos indígenas atualmente.

A programação inclui ainda projeções de vídeos e duas palestras com o tema: “Povos Indígenas – Identidade, Diversidade e Direitos”, que serão proferidas por Douglas da Rosa, Kaingang da Comunidade Goj Veso, de Iraí/RS, mestrando em Antropologia pela UFRGS, a serem realizadas na quarta-feira, 12 de abril, em dois momentos, às 10h e às 19h30, no Auditório da Sede Acadêmica. As falas serão direcionadas aos estudantes do ensino médio, universitários e professores.

E exposição pode ser visitada das 8h às 11h30min e das 13h30min às 17h. Mais informações e agendamentos de grupos podem ser feitas pelos telefones (55) 3332-0257 ou e-mail: madp@unijui.edu.br.


Canto dos Livres: uma homenagem a Cenair Maicá

Cenair Maicá, tronco missioneiro, expoente da música gaúcha ao lado de nomes como Jaime Caetano Braun, Noel Guarany e Pedro Ortaça, será homenageado no Salão de Atos Argemiro Jacob Brum, no dia 12 de abril. O show, intitulado Canto dos Livres, terá entrada franca, porém, o acesso será garantido mediante a apresentação de convite, que está disponível na recepção do Campus Ijuí na Coordenadoria de Marketing da Unijuí.

     
   

Na programação, às 16h será realizada uma oficina de violão. E, às 20h, show com a Família Maicá. 

Sobre o show

Inspirados na história e no legado da Família Maicá, apresentamos o projeto “Canto dos Livres - Homenagem a Cenair Maicá”. Serão 05 shows, em 05 municípios diferentes, onde a nova geração da Família homenageia seus antepassados, perpetuando a história da nossa música regional através da arte. Como contrapartida de interesse público, ainda será oferecida uma Oficina de violão, em cada uma das cidades por onde o projeto irá passar. 


“Catastroika, a Privatização da Democracia” e “Horton e o Mundo dos Quem” serão exibidos no Museu

O CINE AIPAN exibe, nesta quarta e sexta-feira, dois filmes com temática socioambiental. Os filmes são exibidos, gratuitamente, às 19h30min, no Auditório do Museu Antropológico Diretor Pestana. 

Na quarta, o filme “Catastroika, a Privatização da Democracia” relatará o impacto da privatização massiva de bens públicos e sobre a ideologia neoliberal. Na sexta-feira o filme “Horton e o Mundo dos Quem” conta as aventuras do elefante Horton. 

A promoção é do Museu Antropológico Diretor Pestana – MADP e a Associação Ijuiense de Proteção ao Ambiente Natural - AIPAN, com o apoio do Sinpro Noroeste e o SindiComerciários Ijuí. 


EFA realiza gincana na AFFI

No último sábado, 01/04, o Grêmio Estudantil Chico Mendes (GECOM) da EFA, realizou a sua tradicional gincana, para as turmas dos anos finais e ensino médio da Escola.

       

A manhã de atividades na Associação de Funcionários da Fidene (AFFI), começou com as turmas montando seus QGs, que seguiram a temática “desenhos infantis”. Para esta atividade, além dos locais a caracterização dos personagens foi avaliada pelos organizadores. Em seguida a manhã de atividades transcorreu com diversas provas envolvendo dança, criatividade e muito movimento.

Além dos professores e direção da Escola, o evento contou com a participação de diversas famílias. Os resultados da Gincana serão divulgado nos próximos dias.


Museu Antropológico Diretor Pestana capta recursos para revitalização

O projeto de captação de recursos para a projeto de Revitalização do Sistema de Climatização do Museu Antropológico Diretor Pestana foi prorrogado até 31 de dezembro deste ano. 

           

Os recursos captados serão investidos na aquisição e instalação de climatizadores, desumidificadores, películas e persianas que reduzem a incidência de luz solar e raios ultravioletas. O projeto ainda prevê a atualização do software de gerenciamento de temperatura e umidade. 

No ano passado a ação captou uma verba de R$ 107.220,00. Neste ano o objetivo é arrecadas R$ 192.183,72, valor total previsto no projeto. Para contribuir basta destinar uma parcela do imposto de renda para o Museu. 

A Pessoa Física que optar pela declaração de renda, através do formulário completo, pode contribuir com até 6% do imposto devido, e a Pessoa Jurídica com até 4%. Para a Pessoa Física a dedução do valor doado será de 100%, uma vez que o projeto se enquadra na Lei de Incentivo, que autoriza essa dedução. 

Quem tiver interesse em contribuir é necessário preencher o Formulário de Autorização de desconto do Mútuo e encaminhá-lo por e-mail, malote ou diretamente no Museu Antropológico Diretor Pestana. 


Internet das coisas: bem-vindos à quarta onda

Internet das coisas chega para revolucionar a forma como vivemos e foi tema do Rizoma dessa semana.

               

Se você acredita que já estamos numa era de ápice de tecnologia e comunicação prepare-se para um novo salto. Não é uma nova rede social, nem um novo aplicativo, mas vai literalmente transformar todas as coisas. Aliás, essa é a palavra, coisas. Associe coisas e internet e você terá um mundo novo, nunca visto antes. E isso não é uma promessa, já é realidade.

O assunto que pode ser pensado para o futuro, é tema do presente, e foi abordado no Rizoma por profissionais que já atuam na área e que estudam o que já está acontecendo sobre “Internet das Coisas”.  

A ideia de trazer esse tema para o Rizoma vem justamente com o primeiro convidado do programa, o professor Edson Luiz Padoin que, na semana anterior, conversou brevemente sobre o assunto durante  uma entrevista à Unijuí FM. Já falando no Rizoma, o professor conceituou o tema. “A ideia de internet das coisas, ou (IoT), é um ambiente. É um meio onde objetos que possuem um identificador único usam a estrutura de rede para se comunicar. É o que muitos autores chamam de a ‘Quarta Onda’. É um mundo onde não apenas as pessoas vão utilizar a internet e sim as coisas, os objetos”, explicou ele.

Confira a entrevista na íntegra

Já atuando numa área diretamente ligada a Internet das Coisas, o sócio-proprietário da Brain house, empresa de automação de Ijuí, Igor Butignol, falou da sua percepção sobre o assunto e de um sistema já utilizado nos Estados Unidos e que deve chegar em breve ao Brasil. “A Nest é uma automação que vai chegar ao Brasil ainda, mas já é muito utilizada nos EUA. A Nest é um termostato que trabalha juntamente com uma ‘inteligência artificial’. Ela capta o teu cotidiano, colhendo informações da hora que você acorda, que vai dormir, a temperatura que você utiliza, e vai se adaptando a essa tua rotina e vai automaticamente reproduzir esse padrão nos próximos dias”, explica Igor, que salienta ainda a expectativa de um crescimento significativo no ramo de automação residencial nos próximos anos, justamente pelo acesso facilitado à tecnologia.  (*A Nest foi fabricante do termostato Nest Learning Thermostat e o detector inteligente de fumaça Nest Protect, fundada e comandada pelo antigo líder do iPod. Ela foi recentemente adquirida pela Google).

Egresso do curso de Ciência da Computação e com atuação em grandes empresas de tecnologia, Felipe Rhode, foi o terceiro convidado do Rizoma. O impacto da Internet das Coisas no cotidiano social foi uma das análises que ele fez, contando um caso da cidade de Quebec. “Muitas cidades já estão convergindo para ter uma comunicação maior sobre a internet das coisas. Um caso bem legal é o de Quebec, no Canadá, que impacta  no bem-estar das pessoas. O sistema de semáforos de lá utiliza informações capturadas por smartphones, do google, e dos próprios veículos, analisando padrões, criando estatísticas, para manter o fluxo de veículos e evitar congestionamentos”, exemplificou Felipe. 

O Rizoma da Unijuí FM trabalha semanalmente temas sobre diversos assuntos com convidados e informações. O programa vai ao ar de segunda a sexta, das 9h às 12h. Nas redes sociais da Unijuí FM você pode acompanhar também trechos das entrevistas em vídeo.  


Estão à venda ingressos para a apresentação da Orquestra da Georgia (EUA)

Está à venda o primeiro lote de ingressos para a apresentação da orquestra da Georgia (EUA), que ocorrerá no Salão de Atos Argemiro Jacob Brum no dia 28 de maio, às 19h30min, ao valor de R$ 20. A atração é viabilizada através de uma parceria entre Unijuí, Sesc e Prefeitura de Ijuí.

       
Pontos de venda: Unijuí (nos campi Ijuí, Panambi, Três Passos e Santa Rosa), Literatus Xok’s e Kika Moda Íntima, em Ijuí. Dúvidas e informações pelos seguintes canais: cultura@unijui.edu.br ou (55) 3332-0334. 

Egressos, estudantes e idosos tem 50% de desconto na compra do ingresso. Um Segundo lote terá o valor de R$ 30. 

A Orquestra

A Orquestra de Câmara ARCO foi fundada em 1989 por Levon Ambartsumian no mundialmente renomado Conservatório Tchaikovsky de Moscou, onde ele atuou como Professor de Violino. Seus membros foram cuidadosamente selecionados dentre instrutores, alguns de seus estudantes, e músicos recém-formados no Conservatório. Quase imediatamente as performances da ARCO foram reconhecidas em toda a Europa, chamando a atenção da crítica especializada e tendo grande reconhecimento por parte do público. 

Tem como repertório principal a música russa e contemporânea, mas também apresenta vasto repertório, que inclui as obras de compositores de todos os períodos da música, bem como estreias mundiais de obras de compositores atuais. O grupo também lançou diversos CDs, e fez gravações para transmissão no rádio e na televisão. 

            


Domingo no Campus terá atrações para toda a família

 
 

Evento promovido por UNIJUÍ e UNIJUÍ FM será neste domingo.


Leia mais...