Direitos Humanos

NEIDH realiza atividades durante o mês de novembro

O Núcleo de Educação e Informação em Direitos Humanos – NEIDH – que desenvolve suas atividades no Mestrado em Direitos Humanos da UNIJUÍ realizou duas atividades inseridas em sua programação para encerrar o mês de novembro: o NEIDH Café & Conversa e a Oficina Direitos Humanos e Cidadania.

Na última sexta-feira, dia 24, o NEIDH Café & Conversa recebeu a professora do Curso de Comunicação Social, Habilitação Publicidade e Propaganda, Nilse Maldaner, para uma conversa sobre a temática Publicidade e Consumo. O debate foi mediado pelo Professor Daniel Cenci.

A publicidade exerce o papel de mediar as informações entre a empresa e o cliente, operando uma relação que por muitas vezes acaba por “mascarar” situações. Nilse comenta que o consumismo já é algo inserido em nosso cotidiano e que não é a publicidade que irá induzir ao consumo exagerado.

                 

“O consumo é inerente a nós, porém, hoje acabamos por discuti-lo na forma do consumismo, que é a ideia do consumo exagerado, do consumo supérfluo. A publicidade induz ao consumismo numa grande maioria sim, mas não é só ela. Vários estudiosos colocam que o consumismo, hoje, é um atributo da sociedade, pois ele está inserido em todos os aspectos dela. Então, talvez a publicidade seja muito criticada por ser a face mais visível desse consumismo e aí a comunicação publicitária é vista como vilã”, explica Nilse Maldaner.

Daniel Cenci salientou a relação entre o ato de consumir, a agressão ao meio ambiente e a noção equivocada de desenvolvimento: “A ideia do desenvolvimento e a ideia do bem-estar precisa mudar.” A primeira, segundo ele, está ligada a produção e dela não precisamos mais: “Precisamos distribuir aquilo que tem”, afirma o professor. Em relação ao bem-estar, ele explica que a satisfação pessoal e o consumo pelo prazer denotam uma relação de poder, ou seja, quem consome algo sem necessidade, mas que está na moda, sente-se mais reconhecido socialmente.

O próximo NEIDH Café & Conversa será realizado dia 07 de dezembro, das 15 às 16h, no Mestrado em Direitos Humanos e a convidada é a professora Doutora Maria Simone Vione Schwengber, do Programa de Doutorado em Educação das Ciências da UNIJUÍ. Ela vai discutir, baseada em sua trajetória de pesquisa sobre políticas públicas de inclusão social e transversalidades de gêneros: ênfases, tensões e desafios atuais. A programação é aberta à participação da comunidade.

Oficinas de Direitos Humanos

Uma das propostas do Núcleo é promover a formação da cultura dos direitos humanos e por isso tem realizado diversas oficinas com estudantes de Ijuí e região. No dia 22 de novembro, dentro dessa perspectiva e concretizando a proposta do convênio “Direitos Humanos e(m) Comunidade” com a Comissão de Direitos Humanos da OAB Ijuí, foi realizada a oficina de Direitos Humanos e Cidadania em Ijuí. A contemplada com a atividade foi a Escola Municipal Soares de Barros. As turmas do nono ano da Escola, sob a coordenação da professora Jaqueline Roberto, participaram das atividades propostas e se envolveram na discussão de temas voltados à temática dos direitos humanos. As mestrandas Bianca Strücker e Pâmela Copetti Ghisleni ministraram a oficina com o apoio da mestranda Kaoanne Krawczak e das bolsistas do projeto de Pesquisa Mídia e Sociedade: o direito à informação, Rafaela Mallmann e Marjorie Bock. A atividade foi acompanhada por Luana Borchardt, da OAB, e Vera Raddatz, coordenadora do NEIDH.

Durante a Oficina os alunos tiveram oportunidade de discutir em grupos como resolveriam oito situações do quotidiano em sua escola, a partir da perspectiva do respeito aos direitos humanos. “É muito importante criar oportunidades para ouvir os estudantes sobre situações complexas do dia a dia e que dizem respeito a tomadas de atitudes tendo em vista descontruir concepções de preconceito”, declara a Profª Vera Raddatz. 

O NEIDH/Unijuí está programando para 2018 a continuidade deste trabalho, tanto das oficinas quanto do Neidh Café & Conversa, bem como do Projeto Descongele Suas Ideias, conhecido pelas Geladeirotecas instaladas no Campus Ijuí e Santa Rosa.

Por: Marjorie Barros Bock, estudante de Jornalismo e bolsista do NEIDH.


Curso de Mestrado em Direitos Humanos realiza aula aberta em Santa Rosa

Na última sexta-feira, dia 10, o Curso de Mestrado em Direitos Humanos, com o apoio da Coordenação do Curso de Graduação em Direito do Campus Santa Rosa, realizou a sua primeira Aula Aberta.

O tema principal da aula foi Os Direitos Humanos e sua Ambivalência na Geopolítica Mundial: Entre o Cosmopolitismo e as Visões Regionais. Participaram da aula o Coordenador do Curso de Mestrado em Direitos Humanos, Gilmar Antonio Bedin, a mestranda Aline Michel Pedron Leves e o professor externo Mohammed Nadir, nascido no Marrocos e atualmente vinculado à Universidade do Porto.

A mestranda Aline apresentou a sua as suas reflexões atuais sobre a proposta cosmopolita de direitos humanos desenvolvida pelo sociólogo alemão Ulrich Beck e suas implicações. O professor Mohammed refletiu sobre os direitos humanos do ponto de vista africano. A análise foi feita a partir da ambivalência que o tema adquire quando analisado do ponto de vista do poder mundial estabelecido e dos interesses geopolíticos envolvidos. O professor Bedin falou sobre a visão latino-americana dos direitos humanos.

A Coordenadora do Curso de Graduação em Direito, professora Francieli Formentini, ressaltou a importância da atividade realizada em conjunto e reforçou a necessidade da constante integração entre os Cursos de Graduação em Direito e de Mestrado em Direitos Humanos.

 


Curso de Mestrado em Direitos Humanos está com inscrições abertas

O Programa de Pós-Graduação em Direito da Unijuí está com inscrições abertas para o Processo Seletivo de Ingresso no Curso de Mestrado em Direitos Humanos, turma de 2018. As inscrições seguem até o dia 22 de novembro. 

São 20 vagas oferecidas para profissionais formados em Direito e áreas afins. O processo seletivo consiste na realização de uma Prova Escrita, Análise do Curriculum Lattes, Análise do Projeto Preliminar de Dissertação e Entrevista.

As inscrições podem ser feitas na página do programa. Para confirmar a inscrição o candidato deve entregar o projeto preliminar de dissertação; cópia autenticada do Diploma de Graduação ou do comprovante de conclusão do curso e do Histórico Escolar da graduação; curriculum vitae modelo Lattes CNPq documentado; uma foto 3x4; cópia dos documentos de identificação (CI, CPF e Registro Civil de Nascimento ou Casamento) e o comprovante de pagamento da taxa de inscrição.

O Curso de Mestrado em Direitos Humanos da Unijuí é autorizado pela CAPES e recentemente subiu para o Conceito 4 na avaliação Quadrienal da CAPES. A carga horária é de 450 horas, com duração de 24 meses.

Mais informações na Secretaria do Programa de Pós-Graduação em Direito, pelo telefone 55 3332-0200 – Ramal 3510, pelo e-mail ppgd@unijui.edu.br ou ainda no Portal do programa www.unijui.edu.br/ppgd


Direitos Humanos e(m) Comunidade realiza primeira oficina

Com o objetivo de inserir conceitos sobre cidadania e democracia dentro do âmbito escolar, foi realizado na última terça-feira, dia 19 de setembro, a oficina intitulada “Diálogo aberto sobre democracia: exercício da cidadania” na Escola Municipal Fundamental Soares de Barros. A conversa foi conduzida pela Presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB/RS, Luana Borchart e mediada pela Professora Jaqueline Roberto.

Luana explanou aos alunos sobre a importância do compromisso democrático, da participação e fiscalização na política. “Temos a intenção de trabalhar com esse pré eleitor para que sejamos capazes de mudar essa cultura de votar e achar que é o suficiente, queremos implementar no cotidiano de cada jovem o compromisso de ser cidadão em buscar informações corretas, acompanhando os políticos e o gasto público”, comenta.

                  

Os alunos foram instigados a compreender o compromisso democrático e, desde cedo, perceber a importância da cidadania ativa. Luana trouxe exemplos de sites que podem servir para fiscalização do orçamento público e do que está acontecendo nas questões políticas do Brasil.

Além dos conceito teóricos a presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB/RS convidou os alunos presentes para fazer parte da próxima sessão da Câmara de Vereadores de Ijuí onde terão a possibilidade de acompanhar votações, fazer reclamações e presenciar o ambiente político do município. “O foco principal é alimentar a cultura da cidadania ativa, que possamos formar cidadão comprometidos com um todo, com senso de coletividade”, complementa Luana.

A atividade faz parte do termo de mútua cooperação -  Direitos Humanos e(m) Comunidade - da Subseção de Ijuí da OAB/RS através da comissão de Direitos Humanos e a Universidade do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUÍ), através do Departamento de Ciências Jurídicas e Sociais (DCJS). A oficina foi a primeira ação do convênio que visa à formação de um grupo de estudos, discussões e proposições com vistas ao exercício da cidadania.


Mestrado em Direitos Humanos abre inscrições para Alunos Especiais

O Programa de Pós-Graduação em Direito – Curso de Mestrado em Direitos Humanos da UNIJUÍ divulgou edital para admissão de Alunos Especiais, para o segundo semestre de 2017. O edital com todas as informações está disponível no site do Programa: www.unijui.edu.br/cursos/mestrado-e-doutorado/direitos-humanos 

As inscrições poderão ser feitas até o dia 29 de junho, junto à Secretaria do Mestrado em Direito, no Prédio Beta do Campus Ijuí, das 8h às 11h30min e das 13h30min às 17 horas, mediante entrega da documentação exigida para a inscrição. 

                   

A divulgação da lista dos candidatos será feita até o dia 03/07/2017, no site do Programa de Mestrado em Direito:  http://www.unijui.edu.br/estude/mestrado-e-doutorado/direitos-humanos 

A matrícula dos alunos selecionados será realizada no dia 12/07/2017, na Secretaria Acadêmica, Prédio da Biblioteca Unijuí do Campus Ijuí, no horário de expediente (nos turnos manhã ou tarde). A não efetivação da matrícula pelo candidato selecionado, no prazo indicado, implicará na perda da vaga. 

Mais informações na Secretaria do Programa de Mestrado em Direito, pelo fone 55-3332-0200 Ramal 3510, pelo e-mail ppgd@unijui.edu.br  e no site do Programa.


Descongele suas ideias: música e literatura marcam o lançamento do Projeto

 
 

A comunidade ofereceu o seu apoio e agora as geladeiras estão recheadas com livros que vão ser disponibilizados ao público nesta quinta.


Leia mais...

Descongele suas ideias: Projeto estimula a leitura e a sensibilidade no campus Ijuí

 
 

Quem circular pelo campus pode ler enquanto estiver próximo a um dos locais das geladeiras e depois devolver o livro à geladeiroteca. 


Leia mais...

Livro: "O impacto das tecnologias nas vidas é a discussão mais importante nesse momento"

 
 

Professores do Mestrado em Direitos Humanos lançam, hoje, o livro “Direitos Humanos, Tecnologia e Sociedade”.


Leia mais...

“O Futuro do Estado de Direito” será tema de Seminário Internacional na Unijuí

 
 

O evento acontece de 26 a 28 de outubro no Salão de Atos do Campus Ijuí e também agrega a IV Mostra de Trabalhos Científicos.


Leia mais...

Mestrado em Direitos Humanos da Unijuí divulga edital para Processo Seletivo

 
 

A Unijuí está disponibilizando 20 vagas para a turma 2017.


Leia mais...