COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Comunicação Social - Relações Públicas (Bacharelado)

Evento alusivo aos 20 anos do curso de Comunicação Social traz diversão e competição aos estudantes

 

Programação foi organizada por estudantes do 7º Semestre de Comunicação Social- Habilitação Relações Públicas, orientados pela professora Márcia Formentini.


Leia mais...

Acadêmicos da UNIJUÍ na plateia do Programa do Jô

 

Em viagem a São Paulo, acadêmicos do curso de Comunicação Social participam hoje da gravação do Programa do Jô, na TV Globo São Paulo

Desde sábado um grupo de estudantes do curso de Comunicação Social da UNIJUÍ participam de uma viagem de estudos para São Paulo. Organizado pelo professor Felipe Dorneles, o roteiro prevê visita em museus, participação da gravação do Programa do Jô, na TV Globo São Paulo, visita na central de jornalismo da TV Record São Paulo e na 30ª Bienal da capital paulista.

Os alunos partiram de Ijuí no sábado. Ao chegar em São Paulo, no domingo, visitaram o Instituto Moreira Sales (IMS), onde conferiram uma exposição do fotógrafo Horácio Copolla, com imagens da obra de Aleijadinho. Após a exposição, o grupo passeou pelo Parque Buenos Aires, área de lazer no centro da capital paulista. A próxima visita foi no Museu da Imagem e do Som (MIS). No local, uma visita guiada apresentou aos alunos um acervo vivo de câmeras fotográficas de dois séculos, além de outras exposições de novos fotógrafos e artistas brasileiros renomados.

O professor Felipe Dorneles destaca que o primeiro dia de viagem foi para um contato maior com a fotografia: “eles puderam relembrar o conteúdo já trabalhado em aula, sobre a história da fotografia e do fotojornalismo. Isto tudo, em duas das maiores entidades culturais do Brasil: IMS e MIS”.

Na tarde desta segunda-feira seguem para a TV Globo em São Paulo para a gravação de três edições do Programa do Jô. A primeira vai ao ar já na noite de hoje, e a gravação dos outros dois programas deve ser exibida em outros dois dias ainda nesta semana. “Nesta visita destaca-se a vivência nos bastidores do melhor programa de entrevistas da televisão brasileira”.

Na terça-feira o grupo participa de uma visita na TV Record, também em São Paulo. A agenda prevê visita na central de jornalismo da Record, Record News e Portal R7. Nesta visita o grupo irá vivenciar o sistema de produção de conteúdo de uma das maiores emissoras de televisão do Brasil: “eles vão acompanhar a correria do dia-a-dia em uma das maiores redações de telejornalismo do País, a Rede Record”. No Portal R7 vão presenciar o processo de produção multimídia, conteúdo que rege a nova ênfase do currículo do Curso. Também na terça-feira, o grupo visitará a 30ª Bienal de São Paulo, que ocorre no Parque Ibirapuera.

O grupo, que também é acompanhado pela secretária do Curso, Liane Van Der Ham Rapachi, chegará em Ijuí nesta quarta-feira.

Atrações do programa do Jô

No programa desta segunda-feira, 22, Jô Soares entrevistará Sheilla Castro, Marcelo Veronez e Jorge Kalil. Sheilla Castro foi campeã nas Olimpíadas de Londres deste ano pela seleção brasileira de vôlei feminino e está na edição de outubro da revista VIP em ensaio sensual. Nas imagens, aparece posando com uma bola e com as duas medalhas de ouro que ganhou com a seleção brasileira.

O poeta dos motoboys Marcelo Veronez vai falar sobre sua campanha em São Paulo, com orçamento de R$ 240 reais, para ser vereador. Ele não se elegeu e diz que nunca mais quer passar por essa experiência, mas tem muitas histórias engraçadas pra contar. O comitê foi numa padaria da Vila Brasilândia e ele desmanchou o próprio guarda-roupas para fazer as plaquinhas eleitorais. Com toda essa criatividade ele foi o sexto vereador mais bem votado do partido. Eram 28 candidatos.

Jorge Kalil é médico imunologista, diretor do Instituto Butantan e professor titular da faculdade de medicina da USP. Vai falar sobre as 7 vacinas e 12 tipos de soros que estão sendo fabricados no Instituto e também sobre as novas pesquisas para produzir vacinas aqui no Brasil.


Leia mais...

Curso é destaque em Congresso

 

O curso de Comunicação Social da UNIJUÍ teve 17 trabalhos selecionados para o XIII Congresso de Ciências da Comunicação na Região Sul, que aconteceu em Chapecó, Santa Catarina. Os acadêmicos apresentaram 16 artigos durante o evento e a fotografia ao lado concorreu na categoria "Melhor fotografia jornalística", do Prêmio Expocom.

O Intercom Sul reúne pesquisadores, profissionais e estudantes da área de Comunicação. São debatidos tópicos em Jornalismo, Relações Públicas, Publicidade, Rádio, Televisão, Cinema, Políticas Públicas de Comunicação, Produção Editorial e de Conteúdo para Mídias Digitais, entre outros.

Em 2012, a Unijuí levou 17 trabalhos para o evento superando a marca de nove da edição passada. Nas Divisões Temáticas a professora Vera Raddatz vai apresentar “A comunicação e a expressão oral no rádio” e a professora Nilse Maria Maldaner leva “Branding no Twitter: case Polar”. 

Confira os trabalhos apresentados:

- As mídias e as tecnologias no processo de produção do conhecimento - Patricia Laura Kuhn, André da Costa e Bruna Danelli.

- Fotojornalismo e tecnologia: a produção e o uso da imagem digital - Gislaine Windmöller, Patricia Kuhn, Marizandra Rutilli e Daniele dos Santos

- A instantaneidade fotográfica na cobertura de fatos jornalísticos: Caso dos mineiros soterrados no Chile – Kassieli de Mello, Deisi Fabrim, Andressa Streicher e Pâmela Moraes

- Kony 2012: Um olhar sobre a publicidade e a produção de conteúdos midiáticos na internet – Rafaela Heming

- Publicidade e persuasão: O papel social da comunicação publicitária – Caroline de Oliveira Santos

- Onde estamos? Análise do posicionamento de mercado nas agências de publicidade da  Cidade do Porto/por e Ijuí/br- Naiara Back de Moraes

- Rádio na escola: Educomunicação para a cidadania – Daniele dos Santos

- Na trilha do fotógrafo Eduardo Jaunsem (1896-1977) – Rodrigo Klahr e Rafael Meinecke.

- Rádio difusão comunitária na fronteira noroeste do Rio Grande do Sul - João Pedro Pacheco Van Der Sand

- Como a geração Y se comporta no Twitter – Michelle Tjäder

- As redes sociais na interface com o jornalismo- Marília Machado Munareto

- Convergência das mídias: Um estudo de como os jovens ouvem rádio – Elenise de Oliveira Carneiro

- Brincando de ser fotógrafo (a) no projeto Câmara Escura: Histórias e práticas fotográficas – Araciele Maria Ketzer

- Estudo de caso: Oficina de jornal escola do programa mais educação na Escola Estadual de Ensino Fundamental São Francisco - Ramone Luzia Pacheco


Leia mais...

Vídeo do Curso

Vídeo produzido por alunos do curso de Comunicação Social, em comemoração aos 15 anos do curso, na UNIJUÍ.


Vídeo do Curso

Vídeo produzido por acadêmicos do curso de Comunicação Social - Habilitação Relações Públicas, no componente curricular "Planejamento de Eventos".


Intercâmbio

Um angolano na UNIJUÍ

Daniel Carlos Pereira Ndala, da Angola, é aluno na Unijuí, no Curso de Comunicação Social - Relações Públicas, por meio do Programa PEC-G – Programa Estudante Convênio Graduação

 

"O intercâmbio está sendo uma experiência muito boa. Tudo começou em Angola, quando eu ainda fazia o ensino médio, daí apareceu uma proposta de fazer faculdade fora do país, mais tinha que ter boas notas nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, para ganhar a bolsa de estudo. Então terminei o ensino médio, me esforcei ao máximo e ganhei a bolsa. Quando se ganha a bolsa ou quando se concorre à vaga tem que escolher o país, e eram várias as opções: Portugal, China, Japão, Rússia, Romênia e vários países africanos que eu nunca conheci.

Mas como eu sempre quis conhecer o Brasil, e ele estava dentre as opções, fiz a minha escolha. Também em função da língua e da cultura, não há muita diferença com a angolana. Quando se escolhe o país, também tem que escolher a cidade, e a minha opção foi Porto Alegre. Quando sai de Angola estava na minha cabeça que iria para o Brasil e a cidade seria Porto Alegre. Nunca imaginei que a cidade seria Ijuí, até porque nunca tinha ouvido falar da mesma.

Cheguei ao Brasil em fevereiro do ano passado, fiquei no Rio de Janeiro, com outros angolanos, sem saber que o meu destino seria Ijuí. Quando chegou o dia de distribuir todos os estudantes é que fiquei sabendo qual seria meu destino.

Saímos do Rio de Janeiro para Porto Alegre, e de lá para
Santo Ângelo, e foi aí que “minha ficha caiu”. Eu disse pra mim mesmo: - meu Deus, onde é que estou.

Na vinda para Ijuí, de táxi, eu só via muita coisa verde. Bateu o medo e a vontade de voltar para casa. Cheguei durante as férias, e me senti bem perdido, até conhecer o Carlos, meu colega de Cabo Verde. Depois de algum tempo começaram as aulas, daí fui conhecendo mais gente, e também outros colegas africanos que já estudavam na Unijuí.

Posso dizer que no principio foi muito ruim, morar em um lugar que você nunca conheceu, nem ouviu falar, é muito difícil. A parte mais difícil foi quando chegou o inverno, eu nunca senti tanto frio na minha vida. Se acostumar ao clima não foi nada fácil.

Mas tive muito apoio da Unijuí e de todos os meus professores, que deram muita força, e também tive a sorte de ter colegas maravilhosos. A Unijuí é uma boa faculdade, os professores são muito bons, o ensino é muito bom. E tenho a companhia de outros colegas africanos, somos todos parceiros".                  


Leia mais...