COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Acadêmico de Direito participa de programa da Universidade de Harvard

Acadêmico do 5º semestre do curso de Direito da Unijuí, Iury Batista dos Santos é um dos participantes do Crossroads Emerging Leaders Program, iniciativa da Universidade de Harvard com o instituto Mittal, que busca apoiar e incentivar jovens líderes de países em desenvolvimento. Voltado a estudantes que sejam a primeira geração de sua família a entrar na universidade, o programa oferece uma série de benefícios aos seus candidatos.

“O motivo pelo qual me inscrevi foi a possibilidade de ter contato e até criar network com professores, membros e ex-alunos de Harvard, mas a interação com os outros participantes do projeto também é algo muito enriquecedor. Tem muita gente da área do Direito, mas também de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática, além de outros nichos. Toda essa interação é muito produtiva”, destaca o jovem, que submeteu sua inscrição em março. Ele recebeu auxílio do Escritório de Relações Internacionais (ERI) da Unijuí, setor da Instituição que incentiva ações para fortalecer o relacionamento com outras instituições de ensino.

“Primeiro, havia um formulário com informações básicas, como nome, escolaridade e residência. Tivemos que anexar nosso histórico acadêmico e o currículo, além de outros dados. Quem foi aceito, passou para a primeira fase.”

Na primeira fase, em que Iury está, o participante ganha um curso de extensão gratuito de Harvard na plataforma Edx e participa de uma prova para testar conhecimentos gerais. “Participei do curso Entrepreneurship in Emerging Economies, do professor Tarun Khanna, da Harvard Business School; prestei o Amcat, que é uma prova de conhecimentos gerais; e tive a oportunidade de participar de um meet com os outros participantes. Está sendo uma experiência muito gratificante, especialmente pela interação com pessoas do mundo todo. Temos um grupo de WhatsApp onde ajudamos e conversamos e é super legal, pois, por questão do fuso horário, às vezes eu estou indo dormir e algum colega do outro lado do mundo manda foto de ‘bom dia’, com várias paisagens deslumbrantes. É muito engrandecedor.”

Na segunda fase, o participante tem acesso à mentoria com ex-alunos da Harvard e líderes da indústria, discussões em pequenos grupos sobre materiais do curso e afinidades acadêmicas, oportunidades de estágios (remunerados ou não) e participação em evento regional de ex-alunos. Já na terceira fase, acontece o acesso a um programa intensivo, com estudo de caso baseado em currículo, possibilidade de bolsa de 1.500 dólares para estágios ou cursos de curta duração na sua região e possibilidade de participação em competição, com fundo de 10 mil dólares para projetos inovadores.

“Independente de quem se classificar para a segunda e terceira fases, todos que foram aceitos continuam no programa até o fim. E ainda tem uma possibilidade, que os organizadores estão cogitando devido à pandemia, de uma viagem a Dubai com os finalistas em 2022”, comenta o acadêmico, que aguarda o resultado da próxima fase até o dia 7 de maio. “Independente do resultado, vou continuar participando dos eventos, porque o que mais me animou nesse projeto foi a interação com os outros membros”, reforçou.




Compartilhe!