Destaques do Comunic@

Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira, 02 de abril, entre a reitoria da Unijuí e a presidência do DCE Podemos (Ijuí, Panambi e Três Passos) e o DCE Paulo Freire (Santa Rosa), ficou estabelecido que: Para o mês de março (com vencimento até 07/04) haverá a manutenção da mensalidade integral, tendo em vista o cumprimento do calendário acadêmico e o alto custo que demandaria o cancelamento do envio dos boletos já gerados com as instituições financeiras. A reitoria vai buscar alternativas para atender aos anseios apresentados pela comunidade estudantil no que se refere ao pedido de desconto nas mensalidades em decorrência dos efeitos da crise do Covid19. Um novo encontro será realizado, de forma online, no dia 09 de abril, para debater essas alternativas, no sentido de apresentar a real solução econômica da instituição e também quanto aos retornos da Associação Brasileira das Universidades Comunitárias (Abruc), Ministérios da Economia e da Educação com os quais a Instituição está em constante debate na busca por alternativas para auxiliar os estudantes. A instituição permanece à disposição dos acadêmicos, especialmente aos que se encontram em situação de desemprego próprio ou de seus familiares, o que impacta diretamente no pagamento de sua mensalidade, com objetivo de encontrar alternativas que viabilizem a permanência e conclusão do Ensino Superior.


Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira, 02 de abril, entre a reitoria da Unijuí e a presidência do DCE Podemos (Ijuí, Panambi e Três Passos) e o DCE Paulo Freire (Santa Rosa), ficou estabelecido que: Para o mês de março (com vencimento até 07/04) haverá a manutenção da mensalidade integral, tendo em vista o cumprimento do calendário acadêmico e o alto custo que demandaria o cancelamento do envio dos boletos já gerados com as instituições financeiras. A reitoria vai buscar alternativas para atender aos anseios apresentados pela comunidade estudantil no que se refere ao pedido de desconto nas mensalidades em decorrência dos efeitos da crise do Covid19. Um novo encontro será realizado, de forma online, no dia 09 de abril, para debater essas alternativas, no sentido de apresentar a real solução econômica da instituição e também quanto aos retornos da Associação Brasileira das Universidades Comunitárias (Abruc), Ministérios da Economia e da Educação com os quais a Instituição está em constante debate na busca por alternativas para auxiliar os estudantes. A instituição permanece à disposição dos acadêmicos, especialmente aos que se encontram em situação de desemprego próprio ou de seus familiares, o que impacta diretamente no pagamento de sua mensalidade, com objetivo de encontrar alternativas que viabilizem a permanência e conclusão do Ensino Superior.


            Com a pandemia de coronavírus no mundo, empresas de diferentes setores estão disponibilizando seus serviços de modo online, com o objetivo de evitar que as pessoas saiam às ruas e facilitar o acesso a produtos básicos, nesse período de isolamento social. Em Ijuí, vários negócios já estão se adaptando a essa nova forma de comércio. Pensando nisso, a Unijuí FM organizou um guia telefônico com o contato de empreendimentos da cidade, de diversos segmentos, que estão realizando atendimento de forma virtual e entregando as compras dos consumidores em casa, como farmácias, lancherias, restaurantes, mercados e lojas. O guia telefônico é disponibilizado pela Unijuí FM nas redes sociais (Instagram e Facebook), com atualizações diárias. A emissora também está veiculando chamadas no rádio, divulgando gratuitamente o contato dessas empresas, como utilidade pública, em um momento em que percebe-se a necessidade de ações solidárias em prol do bem coletivo. Além disso, nossos materiais orientam consumidores que procuram por outros serviços que não constam no guia ou empresas de Ijuí que também está trabalhando de maneira online, a entrarem em contato com a rádio através do Whatsapp (55) 9 9131 5487 ou acessar o app GuiACI, que possui diversos empreendimentos cadastrados.


    Em atenção aos decretos publicados pelo Estado e pelos municípios da região de abrangência da FIDENE/UNIJUÍ nos últimos dias, com o objetivo de definir ações de contenção da pandemia de Coronavírus, o Comitê Institucional de Prevenção, informa as novas medidas de prevenção a serem adotadas. Considerando que os decretos definem medidas que evitam a aglomeração de pessoas, entre elas a suspensão de sistemas públicos de transporte, fica definido o seguinte:1 - As aulas dos cursos de graduação da modalidade Presencial serão mantidas na forma ONLINE até o dia 06/04/2020.2 - A Instituição mantém o atendimento em regime de plantão, por e-mail e telefone, nas cidades de Ijuí, Panambi, Três Passos e Santa Rosa até o dia 06/04/2020, em virtude da continuação das atividades acadêmicas na Modalidade Presencial de forma ONLINE e da manutenção, sem alteração, da Modalidade EaD. Isso significa que a universidade mantém o funcionamento de suas atividades sem atendimento presencial ao público. 3 - Os estudantes que necessitarem de auxílio para a realização das atividades acadêmicas devem priorizar o contato por meio dos canais online de comunicação, especialmente os e-mails institucionais.4 - A Unijuí, por meio de seus canais institucionais nas redes sociais, está proporcionando uma Rede de Ajuda online aos acadêmicos que tiverem dúvidas na realização das atividades das disciplinas de graduação e pós-graduação.5 - A Unijuí Saúde, que realiza atendimento à comunidade externa, em acordo com as normas para prevenção ao coronavírus, mantém suspensos os atendimentos clínicos eletivos.6 - O Hospital Veterinário continua com o atendimento de casos de urgência e emergência. Não haverá marcação de consultas, nem cirurgias eletivas e os animais internados não receberão visitas.7 - O Laboratório de Análises Clínicas (Unilab) mantém atendimento normal, cuidando e monitorando o acúmulo de pessoas. Para informações contate: unilab@unijui.edu.br ou ligue (55) 3332-0554 - Ramal: 3216. 8 - A Farmácia Escola está atendendo normalmente, produzindo, inclusive álcool gel, produto recomendado para a higienização das mãos. Para informações e encomendas, contate: faruniversitaria@unijui.edu.br ou ligue (55) 3332-0518 ou Ramal: 3213.ATUALIZAÇÃO9 - A Central Analítica e o Biotério estão funcionando normalmente. 10 – A Central de Recebimento de Amostras, Laboratório de Sementes, Solos e Bromatologia continua com o atendimento à comunidade em regime de plantão. Informações pelo telefone 3332-0200, Ramal 3312.A FIDENE/UNIJUÍ entende que vivemos um momento que exige prevenção e cautela. A Instituição está atenta e seguindo todas as medidas de prevenção e orientações definidas pelos decretos federal, estadual e municipais,


              Como surgiu? De que forma nos infectamos? Como se espalha pelo mundo? Quais os efeitos em nosso corpo? Qual o melhor tratamento? Teremos uma vacina? Todas essas e muitas outras são perguntas fundamentais para entender e agir diante da pandemia de Coronavírus. Se existe uma certeza neste cenário horrível, com milhares de mortes, colapsos em sistemas de saúde e efeitos nefastos na economia é que as respostas vão vir  de uma forma: por meio da ciência! O Brasil é um dos países na linha de frente deste enfrentamento, graças à dedicação dos cientistas e instituições de ensino deste país, públicas ou privadas. Aqui o genoma do vírus foi sequenciado em tempo recorde - 48 horas - enquanto outros países levaram 15 dias para chegar ao mesmo resultado, por exemplo. Além disso, outras atividades em Universidades estão em andamento, desenvolvendo tecnologias fundamentais, como um ventilador pulmonar para emergências, barato e rápido de produzir e até uma vacina. Fundamental também neste cenário é a cooperação entre diferentes Universidades, e suas respectivas áreas de pesquisa, com órgãos governamentais para estudar o novo Coronavírus. A Unijuí irá participar de um estudo que vai mapear diversas cidades gaúchas, com o objetivo de estimar o percentual de pessoas infectadas no estado, conhecer a velocidade que o vírus se alastra e identificar o percentual da população assintomática.  Novidades Segundo o professor Thiago Heck, coordenador do Mestrado em Atenção Integral à Saúde, pesquisador ligado ao Departamento de Ciência das Vida da Unijuí (DCVida), muitas questões pertinentes ao enfrentamento de uma pandemia já foram estudados em outros momentos, a partir de outras pandemias históricas, como a necessidade de isolamento social para conter as infecções. “O que tem de avanço, hoje, sem dúvida é a comunicação científica e a tecnologia capaz de avançar rapidamente no diagnóstico e tratamento. As ações que vemos no mundo inteiro sobre a busca por métodos de diagnósticos não só mais rápidos, mais sensíveis, mais específicos possíveis, que possam trabalhar dentro de uma margem de segurança aceitável, que possam atingir um grande número de pessoas com suspeitas de terem se infectado, as ações na busca de laboratórios em acharem métodos de diagnóstico mais acessíveis e rápidos e de serem factíveis de produção em larga escala, é sim ponto de investimento na pesquisa no mundo inteiro”, salienta.  Além disso, complementa o professor, se investiga muito possíveis novos tratamentos com base em medicamentos que já são


                         Um estudo sobre o avanço do Coronavírus no Rio Grande do Sul será desenvolvido nas próximas semanas em cidades estratégicas do Estado. A pesquisa é uma iniciativa da Secretaria de Saúde do RS, da Vigilância Epidemiológica e do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, em parceria com universidades gaúchas. A pesquisa será aplicada em Pelotas, cidade da Universidade Federal de Pelotas, que coordenará o estudo, Santa Maria, Uruguaiana, Ijuí, Passo Fundo, Caxias do Sul, Santa Cruz do Sul, Lajeado e Grande Porto Alegre. O estudo incluirá quatro inquéritos populacionais realizados a cada duas semanas por meio de visitas domiciliares, quando os participantes serão submetidos a um teste rápido para o vírus da Covid-19. Os kits de testes serão fornecidos pelo Governo do Estado. O objetivo do estudo é estimar o percentual de pessoas infectadas no Estado, conhecer a velocidade com que o vírus se alastra e identificar o percentual da população assintomática. Além de auxiliar o governo do Estado e demais organismos na definição das estratégias de enfrentamento à pandemia da Covid-19. Serão 18 mil testes, divididos em quatro rodadas a serem implementados com intervalo de duas semanas, com coletas nas residências. A cada etapa, novas pessoas serão diagnosticadas. Estudantes podem participar do estudo Para auxiliar na execução deste estudo, a Unijuí está selecionando 25 alunos para atuar como entrevistadores voluntários. Perfil do entrevistador voluntário para o Estudo Covid-19: - Ser ligado à área da saúde; - Não ser do grupo de risco (não ter nenhuma doença pré-existente); - Ter noções, ter tido aulas sobre procedimentos de segurança em condutas sanitárias. Se for possível, estar em semestres mais avançados. - Ter veículo e carteira de habilitação; - Ter disponibilidade de horários durante os três dias do projeto (um de treinamento e dois de coleta). - Preferencialmente, ter nº de PIS; - Preferencialmente, ter celular com sistema Android. O celular deve ter memória livre, pois irá fotografar os dez exames realizados em cada dia e baixar o APP da pesquisa. Serão dois dias de coleta, com 10 entrevistas por dia. O aluno aplicará um questionário de 35 perguntas digitais (via celular) e o teste. O estudo é composto por quatro ondas, um inquérito a cada 15 dias. A ideia é que o mesmo entrevistador se mantenha nas quatros ondas e fale com a mesma comunidade sorteada (setor). O que o entrevistador irá receber de apoio - Todos os EPIs; - Treinamento para aplicação do questionário (que será aplicado


1

Baixe o aplicativo Unijuí FM

Fale conosco

Ícone Whatsapp 55 99131 5487
Ícone Skype radio@unijui.edu.br