Notícias

Relatório de avaliação realizado pelo MEC dá parecer positivo à implantação do curso de Medicina na Unijuí

Nos dias 10 e 11 deste mês de dezembro, a Unijuí recebeu a visita de avaliadores do Ministério da Educação (MEC), que fizeram o monitoramento in loco, com o objetivo de verificar as condições para funcionamento do curso de graduação em Medicina na Universidade. Esse é mais um passo referente ao Edital nº 01/2017, do qual a Unijuí participa e pelo qual foi selecionada para ofertar o Curso em Ijuí. O resultado dessa avaliação foi recebido pela Unijuí nesta terça-feira, dia 18, e, de acordo com o documento, a Universidade atende satisfatoriamente aos requisitos e está apta a ofertar o curso de Medicina.

O parecer recebido pela Unijuí envolve seis itens avaliados especificamente em relação à Instituição: o Projeto Pedagógico do Curso; o Plano de Formação e Desenvolvimento da Docência em Saúde; a infraestrutura da Instituição; o processo dos Programas de Residência que o Curso precisa oferecer; o Plano de Contrapartida da estrutura de serviços e ações e programas de saúde, vinculadas ao Sistema Único de Saúde (SUS); e a oferta de bolsas aos alunos. Esses seis itens avaliados possuem diferentes quesitos, que também são analisados, e a partir disso, foi constituído esse parecer. O parecer pode ter três processos de avaliação: “não atende”, “atende parcialmente” e “atende satisfatoriamente”. Nos seis itens avaliados, a Unijuí teve como resultado “atende satisfatoriamente”. Nesse sentido, o parecer atribuiu à Universidade a condição de oferta do curso de graduação em Medicina, por possuir todas as condições para sua implantação, pois os eixos dos projetos atendem satisfatoriamente, o que permite efetivamente, a partir desse parecer, aguardar somente o último item que está faltando para ser iniciado o processo seletivo, ou seja, a homologação da Portaria de Autorização do Curso.

Segundo a Reitora da Unijuí, professora Cátia Maria Nehring, a publicação da Portaria é aguardada para os próximos dias. “Entendemos que mesmo com a mudança de governo, considerando que este processo envolve o Edital que se iniciou em 2013, estamos bastante confiantes que terminamos este ciclo ainda no ano de 2018. Com a Portaria publicada, como a Instituição já está se preparando no mínimo há três anos para o processo de Vestibular, estamos já trabalhando com a equipe interna no sentido de materializar o edital, com lançamento da campanha, inscrições e período para iniciar efetivamente as atividades do Curso”, destaca a Reitora.

Após esses dois dias de visita, que envolveu não só a Universidade, mas também a avaliação do Sistema Único de Saúde a partir do município de Ijuí, dos hospitais que serão campos de prática e de estágios, como o Hospital de Caridade de Ijuí, Hospital Bom Pastor e Hospital de Panambi, foram demonstradas de fato todas as condições que o município de Ijuí e região tem para a oferta do curso de Medicina. “Então todo esse movimento que foi feito intensamente nesses dois dias, e com a Instituição materializando tudo o que já havia postado em termos de documentos, esse parecer vem para colaborar e ratificar todas as impressões que os avaliadores tiveram, e isso é resultado de um trabalho conjunto. O parecer coroa efetivamente todo o trabalho já realizado e coloca a Instituição, o município e os hospitais numa outra pauta de discussão, que é como efetivamente o Curso impacta no processo de formação e na saúde pública do nosso município, então começamos a pensar nas aulas, nos campos de estágios e de interação e nas relações que a Instituição terá que fazer com esses parceiros”, afirma a professora Cátia Nehring.


Unijuí alcança excelentes resultados em Indicadores de Qualidade do MEC

O Ministério da Educação divulgou o Índice Geral de Cursos (IGC) 2017 da Unijuí e os Conceitos Preliminares de Curso (CPC), dois importantes indicadores de qualidade de ensino das Instituições de Ensino Superior. Novamente a Unijuí atingiu excelentes resultados nestas avaliações.

 No Índice Geral de Cursos (IGC), que considera a média ponderada das notas dos cursos de graduação e de pós-graduação de cada instituição, a Unijuí ficou com a nota 4, numa escala de 1 a 5, o que é considerado muito bom.

 Já nos Conceitos Preliminares de Curso (CPC), nota que leva em conta o desempenho dos estudantes no Enade e, também, no valor agregado pelo processo formativo e em insumos referentes às condições de oferta – corpo docente, infraestrutura e recursos didático-pedagógicos, dos cursos da Unijuí avaliados, sete atingiram a nota 4 e dois deles – Letras Inglês e Português e Matemática – ficaram com a nota máxima, o conceito 5. Confira todas as notas a seguir. As avaliações são referentes ao ano de 2017 e complementam a informação divulgada pelo MEC em 8 de outubro, quando foram publicados os conceitos do ENADE e do IDD.

 

Segundo a Vice-Reitora de Graduação da Unijuí, professora Cristina Pozzobon, estes resultados indicam que são cumpridas as mais exigentes normas de ensino. Estamos com a sensação de missão cumprida, pois a qualidade que possuímos e já é historicamente reconhecida pelas pessoas e comunidades da nossa região, mais uma vez foi confirmada através de um procedimento avaliatório oficial do MEC. A nota reflete o nosso foco na excelência acadêmica, o resultado de uma dedicação conjunta, e nos fortalece enquanto Instituição que tem como propósito participar do desenvolvimento da nossa região com muita qualidade.

Notas CPC

 

CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Ijuí / RS

CPC: 4

 

CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

Santa Rosa / RS

CPC: 4

 

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

Ijuí / RS

CPC: 4

 

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

Ijuí / RS

CPC: 4

 

EDUCAÇÃO FÍSICA

Ijuí / RS

CPC: 4

 

EDUCAÇÃO FÍSICA

Ijuí / RS

CPC: 3

 

EDUCAÇÃO FÍSICA - SR

Santa Rosa / RS

CPC: 3

 

ENGENHARIA CIVIL

Santa Rosa / RS

CPC: 3

 

ENGENHARIA CIVIL

Ijuí / RS

CPC: 3

 

ENGENHARIA ELÉTRICA

Ijuí / RS

CPC: 3

 

ENGENHARIA ELÉTRICA

Santa Rosa / RS

CPC: 3  

 

ENGENHARIA MECÂNICA

Panambi / RS

CPC: 3

 

HISTÓRIA - EAD

Ijuí / RS

CPC: 4

 

LETRAS - INGLÊS

Ijuí / RS

CPC: 5

 

MATEMÁTICA

Ijuí / RS

CPC: 5

 

PEDAGOGIA

Ijuí / RS

CPC: 4

 

PEDAGOGIA - SR COM HABILITAÇÃO EM PEDAGOGIA - SR

Santa Rosa / RS

CPC: 4

Fonte: Comunica/UNIJUÍ 


MEC avaliou estruturas para autorização final do curso de Medicina em Ijuí e na Unijuí

No início desta semana, Ijuí e a Unijuí receberam a visita de avaliadores do MEC para a autorização final do curso de Medicina. Uma equipe do Ministério da Educação esteve, na segunda e terça-feira, avaliando o Projeto de Melhorias do município e as estruturas da rede de saúde, do Hospital de Caridade de Ijuí, do Hospital Bom Pastor e da Unijuí. Esta é a última etapa antes da homologação do curso e da autorização para a oferta do Vestibular, que ainda não tem data para ser realizado.

Foram visitadas estruturas da Rede de Atenção Básica do Município, estrutura hospitalar, biblioteca, estruturas laboratoriais, além de diversas reuniões com as instituições e o poder público, que estão envolvidos na  implantação do curso em Ijuí e região. “Agora estamos aguardando a Portaria do MEC que nos autorizará a abertura do curso. Saímos da visita com muitos elogios e observações, no sentido de que estamos organizados e possibilitados à ofertar o curso. Esperamos que, em breve, tenhamos a resposta do MEC e possamos dar prosseguimento ao processo”, observa a Reitora da Unijuí, professora Cátia Nehring.

A Unijuí já esteve, ao longo dos últimos meses, em intensa preparação para a implantação do curso. Diversas reuniões foram realizadas em preparação à visita e à implantação do Curso. Nelas, a Unijuí e a Secretaria de Saúde do Município de Ijuí buscaram definir as Unidades Básicas de Estratégia de Saúde da Família que serão campo de práticas nos três primeiros anos do Curso e que foram visitadas pelos avaliadores.

A Reitoria e o Núcleo Docente Estruturante do Curso de Medicina – NDE, também se reuniram com os representantes das instituições parceiras, Hospital de Caridade de Ijuí, Hospital Bom Pastor, Hospital Sociedade Panambi e Prefeitura de Ijuí, para apresentação técnica do projeto do Curso. Para além disso estão nas tratativas das questões financeiras necessárias. 

A Comissão Própria de Avaliação – CPA da Unijuí, o NDE e o Núcleo de Apoio Pedagógico e Experiência Docente do Curso – NAPED, também abordaram, em reunião, os aspectos de avaliação previstos no Projeto Pedagógico do Curso e evidenciaram a importância desses processos institucionais, bem como o uso dos resultados dos processos de avaliação desenvolvidos junto aos professores, estudantes, técnicos-administrativos e comunidade externa para a constante qualificação do curso.

“Este momento é de agradecer à todas as pessoas que se implicaram no processo, preparando para que tudo fosse mostrado e explicitado a partir da proposta já avaliada pelo MEC, que habilitou a instituição em primeiro lugar no Edital e o município de Ijuí. Estamos, de fato, acreditando que poderemos iniciar o curso o mais rápido possível, e proporcionar uma excelente formação aos futuros médicos da região, com impacto na atenção primária, secundária e terciária e contribuir com o desenvolvimento regional elo impacto da instalação de  um curso de Medicina”, avalia a Reitora. 


Projeto Pedagógico

O projeto pedagógico do curso é fruto de um coletivo de professores e uma demanda da comunidade regional, envolvendo principalmente a Prefeitura de Ijuí e seu sistema de atenção básica, os hospitais de Caridade e Bom Pastor de Ijuí e Hospital de Panambi. Ele está alinhado à política do Sistema Único de Saúde, sendo que o acadêmico começará a estabelecer relação com os cenários de prática, já nos primeiros semestres do curso. 

 

Fonte: Comunica/UNIJUÍ


UNIJUÍ FM e Goldentur divulgam vencedor do Concurso Cultural Férias de Ouro

Será disponibilizado um voucher de R$ 2.500,00 como prêmio à frase mais criativa da promoção que comemorou os 17 anos da UNIJUÍ FM

Para comemorar 17 anos, a UNIJUÍ FM preparou com muito carinho o Concurso Cultural "Férias de Ouro", que contou com um parceiro super especial, a Goldentur Viagens e Turismo.

Na programação da emissora, ouvintes puderam conferir sugestões de roteiros, dicas culturais, gastronômicas e turísticas, locais para conhecer. Depois de preencher um cupom com dados de identificação, destino desejado e uma frase criativa sobre o porquê curtir férias de ouro, o participante já concorria a um voucher de R$2.500,00 para viajar com a Goldentur.

Na última semana, a Comissão de Avaliação esteve reunida para eleger o campeão: representando a Rádio UNIJUÍ FM, Cláudia Gesing Bohrer e Carine Prediger Da Pieve; representando a Goldentur, Cleusa Pavani Wazlawick; representante do curso de Letras da UNIJUÍ, Maristela Lang; e a publicitária da Coordenadoria de Marketing da UNIJUÍ, Amanda Ritter.

A ouvinte e turista escolhida foi Áurea Bigolin, que respondeu “Por que você merece curtir essas Férias de Ouro” com a seguinte frase: “Para poder descansar, por aí andar e uma boa música escutar” e sugeriu Santa Catarina como destino de viagem. Conforme o regulamento, a vencedora tem o prazo de um ano para utilizar o voucher disponibilizado pela Goldentur, não sendo obrigatória o uso no destino indicado no cupom de participação.

A UNIJUÍ conversou com a vencedora, que falou sobre o processo de criação da frase, a escolha do destino turístico e a possibilidade de utilizar a Goldentur como agência de viagem. 

 

Dos destinos escolhidos pelas pessoas que participaram da promoção “Férias de Ouro”, 4% correspondiam ao Rio Grande do Sul (Gramado), 15% sugeriram passar férias em Santa Catarina, 32% escolheram praias do Nordeste, 9% optaram pelo Mato Grosso do Sul (em Bonito e no Pantanal), 10% no Rio de Janeiro e Minas Gerais, 2% sugeriram viagem para o Norte e 28% dos cupons preenchidos optaram por um destino de viagem no exterior, com destaque para Buenos Aires, Portugal, Espanha e Disney, entre outros locais.

 


Sub-categorias