Destaques do Comunic@

                  Um grupo de professoras e estudantes do curso de Psicologia da Unijuí, interessados em conhecer como está sendo a experiência docente durante a pandemia provocada pela covid-19 e como os professores estão se sentindo diante de mudanças na rotina e no fazer profissional, estão coletando dados para uma pesquisa sobre o tema.  Este estudo será realizado de forma online e está dividido em duas etapas. Na primeira, o participante responderá um questionário com algumas perguntas sobre formação profissional, carga horária de trabalho e sobre as atividades nesse tempo de pandemia. Isso pode levar em torno de 10 minutos. Clique aqui para responder.  Após responder esse questionário, caso seja do interesse, um integrante da equipe de pesquisa entrará em contato convidando para participar da segunda etapa do estudo, que é composta por uma conversa online sobre a experiência docente durante a pandemia, sobre como tem se sentido e como tem percebido os processos de ensino e aprendizagem e a relação com os alunos. A entrevista será realizada via Google Meet ou WhatsApp e será gravada e posteriormente transcrita. Pode ter duração entre 30 min e 1 hora, sendo agendada previamente em uma data e horário de sua preferência. Para participar deste estudo é preciso ter mais de 18 anos. Também é importante que esteja em trabalho remoto e tenha realizado as atividades pedagógicas na modalidade online durante a pandemia, em pelo menos um dos diferentes níveis de ensino (Educação Infantil, Educação Básica, Ensino Fundamental, Ensino Superior). A participação neste estudo é voluntária, não terá nenhum custo e/ou despesa financeira e o profissional pode desistir a qualquer momento, retirando o seu consentimento, sem nenhum prejuízo. Os dados serão utilizados somente para fins de pesquisa e será mantido o sigilo e a confidencialidade de todas as informações compartilhadas. A coordenação é das professoras Amanda Schöffel Sehn, Ana Maria de Souza Dias, Angela Maria Schneider Drügg,  Simoni Antunes Fernandes, Solange Castro Schorn, Sônia da Costa Fengler e Taís Cervi.  Para obter mais informações, contate com a equipe pelo e-mail pesquisaeducacional.unijui@gmail.com ou pelo telefone (55) 33323021. É possível contatar o Comitê de Ética da Unijuí pelo telefone: (55) 3332-0301 ou no e-mail cep@unijui.edu.br.  


                  Um grupo de professoras e estudantes do curso de Psicologia da Unijuí, interessados em conhecer como está sendo a experiência docente durante a pandemia provocada pela covid-19 e como os professores estão se sentindo diante de mudanças na rotina e no fazer profissional, estão coletando dados para uma pesquisa sobre o tema.  Este estudo será realizado de forma online e está dividido em duas etapas. Na primeira, o participante responderá um questionário com algumas perguntas sobre formação profissional, carga horária de trabalho e sobre as atividades nesse tempo de pandemia. Isso pode levar em torno de 10 minutos. Clique aqui para responder.  Após responder esse questionário, caso seja do interesse, um integrante da equipe de pesquisa entrará em contato convidando para participar da segunda etapa do estudo, que é composta por uma conversa online sobre a experiência docente durante a pandemia, sobre como tem se sentido e como tem percebido os processos de ensino e aprendizagem e a relação com os alunos. A entrevista será realizada via Google Meet ou WhatsApp e será gravada e posteriormente transcrita. Pode ter duração entre 30 min e 1 hora, sendo agendada previamente em uma data e horário de sua preferência. Para participar deste estudo é preciso ter mais de 18 anos. Também é importante que esteja em trabalho remoto e tenha realizado as atividades pedagógicas na modalidade online durante a pandemia, em pelo menos um dos diferentes níveis de ensino (Educação Infantil, Educação Básica, Ensino Fundamental, Ensino Superior). A participação neste estudo é voluntária, não terá nenhum custo e/ou despesa financeira e o profissional pode desistir a qualquer momento, retirando o seu consentimento, sem nenhum prejuízo. Os dados serão utilizados somente para fins de pesquisa e será mantido o sigilo e a confidencialidade de todas as informações compartilhadas. A coordenação é das professoras Amanda Schöffel Sehn, Ana Maria de Souza Dias, Angela Maria Schneider Drügg,  Simoni Antunes Fernandes, Solange Castro Schorn, Sônia da Costa Fengler e Taís Cervi.  Para obter mais informações, contate com a equipe pelo e-mail pesquisaeducacional.unijui@gmail.com ou pelo telefone (55) 33323021. É possível contatar o Comitê de Ética da Unijuí pelo telefone: (55) 3332-0301 ou no e-mail cep@unijui.edu.br.  


            Nesta quinta, dia 17 e sexta, dia 18, a Unijuí e a Prefeitura de Coronel Bicaco realizaram os primeiros testes e avaliações em moradores do município para pesquisa sobre a COVID-19. Foram realizados, na Escola Estadual de Ensino Fundamental Rui Barbosa, 101 testes, dos quais  três testes apresentaram resultado positivo. Os resultados dos testes positivos identificaram que os participantes já haviam tido contato, mas não estão mais com o vírus. Na próxima semana, mais testes e avaliações serão realizados no município. Cidadãos de Coronel Bicaco foram convidados a participar por contato telefônico. A seleção dos participantes é através de sorteio sorteio, o qual abrange as quatro Estratégias da Saúde da Família.  A pesquisa irá avaliar e acompanhar grupos populacionais vulneráveis a covid-19 e indivíduos que testaram positivo para anticorpos contra o SARS-CoV-2, quanto a saúde física, psíquica e seu conhecimento sobre o coronavírus (SARS-CoV-2). A importância deste estudo é o diagnóstico populacional das condições de saúde física e psíquica, assim como identificar o número de pessoas que apresentam anticorpos para SARS-CoV-2. Ainda, com base nos resultados do exame contra anticorpos SARS-CoV-2, aqueles indivíduos que forem positivos poderão receber orientações e acompanhamento. O estudo completo, que é conduzido pelo PPGAIS, também vai fornecer dados mais precisos  sobre a COVID-19 e ajudar a traçar estratégias para o cuidado e basear ações e programas de prevenção em Coronel Bicaco.  Os moradores que ainda não participaram, e ainda estão com dúvidas sobre o processo, clique neste link e confira mais detalhes do estudo.                  


                 A Exposição Virtual Diversidade Urbana é constituída por fotografias e mapas, que foram captadas no decorrer dos anos e que hoje fazem parte do acervo do Museu Antropológico Diretor Pestana de Ijuí/RS.  A exposição evidencia a diversidade de olhares e análises que podem ser feitos sobre a cidade de Ijuí: a ocupação do espaço, a retirada da mata original, o tamanho dos lotes, a densidade populacional, os eixos de expansão horizontal, a verticalização, enfim todos os processos sócios espaciais. Com o objetivo de provocar um olhar crítico sobre o processo cultural e histórico na formação da cidade de Ijuí, a exposição visa a conscientização sobre a necessidade de valorização dos legados históricos, fundamentais para nossa identidade. Para conhecer a exposição na íntegra acesse o site, clicando neste link.                   


               No último final de semana foi finalizado a última etapa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Fisioterapia em Terapia Intensiva da Unijuí, com término do estágio na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Caridade de Ijuí. Esta foi a segunda edição deste curso de especialização. Durante todo o ano de 2019 e início de 2020 os estudantes realizaram aulas presenciais em laboratórios, aulas teóricas e práticas na Unijuí e agora o curso foi finalizado com o estágio na unidade de terapia intensiva, como um diferencial do curso. “Neste momento de pandemia, em que a atuação da fisioterapia nas unidades de terapia intensiva tornam-se ainda mais fundamentais ,o curso de Fisioterapia da Unijuí  está contribuindo  contribuindo com a especialização de profissionais para atuarem nesta área específica e importante”, observa a coordenadora do curso, professora Drª. Eliane Roseli Winkelmann.  Esta especialidade é reconhecida pelo Conselho Federal de Fisioterapia (COFFITO) que passou a exigir que os serviços de Terapia Intensiva sejam realizados por profissionais especialistas em Fisioterapia em Terapia Intensiva. Este projeto de curso foi elaborado pelas professoras fisioterapeutas Heloísa Eickhoff  e Eliane Roseli Winkelmann. A professora Eliane reforça a qualidade deste curso com o apoio de vários profissionais que ministraram as aulas de diferentes áreas vindos várias cidades e estados do Brasil, é que contribuíram na formação destes fisioterapeutas, assim como a parceria com o Hospital de Caridade de Ijuí na viabilização do estágio. Em breve serão divulgadas informações e inscrições de uma nova turma do curso, que deverá ter início no próximo ano. Confira no site da Educação Continuada, neste link.


                Foto: Jornal da Manhã Ijuí/Arquivo. O Projeto de Extensão Energia Amiga da Unijuí tem, na sua essência, o compromisso com o desenvolvimento regional sustentável. Dessa forma, uma das temáticas de atuação do projeto é a logística reversa de resíduos tecnológicos (pilhas, baterias, lâmpadas, equipamentos eletrônicos). Apesar da legislação brasileira prever a política nacional de resíduos sólidos, a qual abrange a logística reversa de equipamentos e sistema elétricos e eletrônicos, ainda se tem dificuldades na implantação de ações no Brasil. Dessa forma, ao Projeto, em parceria com a Promotoria de Justiça de Ijuí e a Prefeitura, implantou, no Supermercado Cotripal, um ponto de descarte de lâmpadas. Visando ampliar a discussão da logística reversa de resíduos tecnológicos, a equipe do Projeto de Extensão iniciou, ainda em 2019, uma série de debates sobre o tema. Inicialmente representantes de estabelecimentos comerciais, da Promotoria de Justiça de Ijuí e da Prefeitura se uniram ao Projeto e juntos buscaram a implantação de um ponto de descarte de lâmpadas da Reciclus. A partir da coleta, esta empresa é responsável pelo encaminhamento de cada um dos elementos das lâmpadas para o armazenamento correto de componentes nocivos e reciclagem das outras partes, como o vidro. “O esforça em conjunto do projeto com as instituições resultou na implantação deste ponto de coleta de lâmpadas em Ijuí. Existe um trabalho em execução, o qual visa a instalação de mais dois pontos. Esses pontos atendem o descarte doméstico”, observa a professora coordenadora do Projeto, Caroline Raduns. A Reciclus é uma organização sem fins lucrativos, que organiza e desenvolve a coleta e o encaminhamento correto de lâmpadas fluorescentes, por meio de pontos de coleta distribuídos pelo Brasil. Mais sobre a logística reversa A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), Lei nº 12.305, de 2 de agosto de 2010, inclui no texto o elementos que visam assegurar a implementação e operacionalização do sistema de logística reversa. A logística reversa é entendida conforme a Lei, como um instrumento de desenvolvimento econômico e social caracterizado por um conjunto de ações, procedimentos e meios destinados a viabilizar a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial, para reaproveitamento, em seu ciclo ou em outros ciclos produtivos, ou outra destinação final ambientalmente adequada.                 Novo site O Projeto também está com um site novo, acesse neste link e confira todas as novidades e ações do Energia Amiga.  Mais sobre o Projeto:


1

Baixe o aplicativo Unijuí FM

Fale conosco

Ícone Whatsapp 55 99131 5487
Ícone Skype radio@unijui.edu.br