Notícias EFA

Circuito Estímulo Noroeste de Judô finaliza atividades do ano

O Circuito Estímulo Noroeste de Judô, evento organizado pela Equipe SOGI-EFA NOROESTE com o apoio da Prefeitura Municipal de Ajuricaba Saúde Ajuricaba e UNIJUI, encerrou o ano com chave de ouro, em evento que contou com a participação de mais de 140 alunos, oriundos de seis cidades da região.

Na abertura do evento foram premiados os alunos destaques do ano de 2018, e realizado a cerimônia de entrega das faixas. O Sensei Jean Veiga parabeniza todos os alunos pela empenho e dedicação durante todo ano, agradece todas as entidades e pais que apoiam e confiam no trabalho realizado pela equipe, e ao Sensei Jeferson Oliveira e Jane Moura que sempre estão prestigiando e contribuindo para o sucesso do circuito.

O projeto de Judô tem como objetivo proporcionar através de um ensino de qualidade todos os benefícios que o esporte pode oportunizar, auxiliando no desenvolvimento integral dos alunos, nos âmbitos cognitivo, motor e social.

Tendo como referência os Propósito do Judô conforme escritos de Jigoro Kano (Criador do Judô). Através do Judô busca-se o melhor caminho para aprender a fazer o uso mais eficiente do poder mental e físico, e com sua prática obter todo tipo de sucesso. O aperfeiçoamento do ser humano deve ter o propósito de contribuir para sociedade e se adaptar ao seu tempo.

Alunos destaques 2018

EFA

Siguer Vithenzo Carvalho Motta

Lorenzo Weber Werworn

Sogi

João Pedro Brasil Campos

Lorenzo G. Schmidt Herter

Angelina Scarton Martins

Ajuricaba

Samuel Henrique Eichelberg f.

Ana Clara Dagnese

Laísa Mass Torquetti

Cainã Rodrigues da Silva

Rafael Dorneles Martins


EFA realiza inauguração de memorial

Nesta sexta feira, 7 de abril, aconteceu na EFA – Centro de Educação Básica Francisco de Assis, a inauguração do memorial alusivo aos 50 anos da Escola.

A ocasião foi pensada em dois atos, um no turno da manhã, outro no turno da tarde, onde, alunos, professores, funcionários e a comunidade escolar puderam participar da ação que consistiu em depositar no memorial, a revista dos 50 anos, fotos e  cápsulas do tempo que continham cartas, desenhos,  que foram construídas em sala de aula, trabalhadas sob a perspectiva da reflexão, com proposta é que daqui há 50 anos, em 2068, seja realizada a abertura dessas cápsulas.

O evento se caracterizou também por ser a última etapa da jornada de pesquisa que perpassou o ano, buscando através da invertigação, pesquisa e reconhecimento da EFA no presente, as marcas do passado trilhado em 50 anos e o que o futuro nos reserva ( projeções e sonhos). A Jornada de Pesquisa  foi pensada pelos professores de história, Josei Pereira e Gian Ruschel, pela professora de Sociologia e Filosofia, Sandra Nunes,  pelo professor de Geografia, Gilmar Walker e equipe diretiva.

Segundo Diretora da EFA, professora Maria do Carmo Pilissão, até aqui foram 50 anos de uma história pensada e construída por mãos de pessoas que acreditaram e acreditam em um projeto educacional ousado e desafiador. A EFA se sustentou, ao longo deste meio século, a partir de um projeto ousado, o qual primou sempre pela dialogia, pela busca do estudo in loco, pela preservação do meio natural e da relação de respeito do homem com seu lugar de convivência, a humanização das pessoas, e quer continuar com estes princípios por muitos anos.  Assim caminhando e contribuindo na transformação social por meio da educação.


EFA aprova novo plano de carreira para Professores

A Direção da FIDENE através da presidência da Fundação e o Conselho Diretor  em conjunto com a Direção da EFA e área de Recursos Humanos da instituição  apresentaram a proposta de um novo Plano de Carreira para os professores da escola. Após várias discussões que envolveram os professores e a  Direção do SINPRO NOROESTE (Sindicato dos Professores de Ijuí) o plano foi aprovado pelo conjunto dos professores da escola por unanimidade. 

O  Plano de Carreira  permite o ingresso de todos os professores da EFA concursados da escola e passa a vigorar a partir deste mês.  Serão beneficiados os professores que atuam na educação infantil,  anos iniciais e finais, bem como,  ensino médio e profissionalizante da Escola.
Segundo o Gerente de Recursos Humanos, José Luis Bressam, o plano de carreira beneficia todos os professores, diferentemente do antigo, o qual apenas incluía os professores de tempo parcial da escola, agora os horistas também poderão ingressar no plano. A cada 4 anos o professor muda seu enquadramento através da avaliação de desempenho, o que lhe garante progressão na carreira e uma melhor remuneração.
A vice diretora da EFA, Janete Maria Strieder afirma que esse plano é uma conquista muito importante, pois valoriza os profissionais de educação, uma vez que, terão condições de crescer na carreira. Esse plano permite progressão por tempo de serviço e titulação, um estímulo à atividade do professor. 


Turma da EFA participa de Festival de Curta Metragens

Os alunos da C91, orientados pela professora Vivian Lunardi, vem desenvolvendo ao longo dos últimos meses dentro do componente de Arte, aliado a arte computacional a produção de curtas. Os mesmos foram divididos em três categorias: animação, ficção e documentário.

Para a realização desses trabalhos, a turma participou de encontro no NTE, junto a CRE para melhor compreender  o processo, depois em grupos iniciaram suas produções, fazendo uso de muita criatividade e imaginação. Vários passos foram seguidos até chegar ao resultado final conta a professora Vivian, (elaboração, criação, filmagem, edição) que foi socializado com as turmas na escola e que passa a fazer parte do Segundo festival de Curtas nas Escolas onde os estudantes poderão, inclusive, ser premiados, pois agora passam a ser avaliados por um júri. Os curtas foram postados no youtube, e assim, o que tiver o maior número de likes também receberá um prêmio.

A professora explica que atualmente os jovens tem mais acesso a computadores, celulares, tabletes, smart tv, vídeo games e tantos outros, encontrando-se conectados em TVs por assinatura, redes sociais, Youtube, WhatsApp e outros. Deste modo a criação audiovisual utilizada como recurso de saber tende a promover a criação didática, pedagógica e interdisciplinar de mídias e das tecnologias digitais, criando por esse viés, outras formas de representação do conhecimento. Por meio da produção audiovisual, além de se possibilitar a autoria, desenvolve-se novas competências e habilidades, fazendo uso da criatividade, colaboração, diálogo, socialização e contextualizam o conhecimento pesquisado e estudado na relação dialógica do processo de aprendizagem, atuando na construção educativa, por meio de leitura, interpretação e análise da produção.

Segundo Vivian, a partir das atividades desenvolvidas, os estudantes passaram a ter uma postura mais observadora, atenta e indagadora, analisando, discutindo e esforçando-se para interpretar criticamente as imagens que perpassam o cotidiano de cada um.


Noite Artística: “Querido diário! Meus dias na EFA”

      A EFA vivenciou na noite da última quarta-feira mais uma edição da Noite Artística - momento que se valoriza a expressividade e a criatividade, envolvendo crianças da Educação infantil e Anos Iniciais da escola.

     Nesta noite mais que especial, a comunidade escolar pode prestigiar O roteiro de apresentações que se encarregou de contar do dia a dia da Escola e  da trajetória de cinco décadas de um compromisso com a educação de crianças e jovens. Educação Constituída no encantamento e nas possibilidades humanas. Como mais uma forma de demarcar os 50 anos da EFA, o momento foi de homenagem, brilho, pesquisa, surpresas e valorização de um projeto que pensa nos seres humanos, e que busca nesses sujeitos pessoas mais sensíveis, empáticas, questionadoras argumentativas e reflexivas.
      Embaladas por um universo de movimento a história foi conduzida pelo componente de Educação física, sob coordenação das professoras Eduarda Burckardt e Silvana Marchioro, que trabalharam e potencializaram nas crianças por meio da expressão contar o que a EFA significa, e assim, conforme a diretora Maria do Carmo, de forma encantadora as crianças subiram ao palco cheias de energia, vida e amor para deixar o registro no diário de uma noite incrivelmente linda, artisticamente ousada e enfatizar o orgulho de dizer somos EFA!