Rizoma discute sobre o papel da arte em benefício da saúde

A linguagem é uma característica intrínseca da humanidade. Nos definimos e buscamos sentido para  nossa atuação no mundo a partir dela, desde a arte rupestre, gravada em paredes de cavernas há milhares de anos, com cenas do cotidiano, a natureza e o mundo que circundava aquelas pessoas. A medida que o tempo foi passando, a linguagem e as formas de expressão humanas também evoluíram, se sofisticaram e hoje possuímos o Teatro, a Música, a Literatura, as Artes Plásticas, o Cinema e muito mais. 

Mas, para além dessa necessidade de expressão, a arte também é importante para a nossa saúde. Uma grande prova disso estamos inclusive verificando nesta pandemia, por meio de lives de grupos e artistas das mais variadas áreas, com grande destaque para a música, que ajudaram a suportar muitos dos momentos críticos em que estivemos metidos em 2020. Vale evocar até aquele velho clichê: a arte é um alimento para a nossa “alma”! Muito além da pandemia, precisamos reconhecer mais o valor da arte para a nossa vida. O Rizoma desta semana vai discutiu essas questões no debate “Arte em Benefício da Saúde”!

 Confira na íntegra:

Os convidados da edição foram:

- Alessandra Giovanella, artista visual e arte-educadora, Mestra em Educação, atualmente é Educadora Social, com ênfase em atividades de Arte Educação no CAPS AD III Amanhecer Canoas/RS e Professora da Rede Municipal de Porto Alegre.

- Helena Sala, Licenciada em Música pela Universidade Federal de Santa Maria e Mestre em Ciências da Educação pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, regente do Coral Unijuí.

- Fabio Novelo, ator e diretor de Teatro, pesquisador de técnicas circenses, atualmente dirigindo a Cia. Cadagy, grupo cultural da Unijuí.