COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Extensão

Palestra discute o endividamento de idosos

O projeto Balcão do Consumidor participou da palestra “O idoso e a necessidade de sua proteção: quais os seus direitos e como prevenir o endividamento” nesta quarta-feira, 17, no Sesc Ijuí.  A palestra foi ministrada pela professora coordenadora do Balcão do Consumidor, Fabiana Fachinetto, com o objetivo de esclarecer os direitos previstos no Estatuto do Idoso em relação à acessibilidade, saúde, assistência social, transporte, empréstimos consignados e outros assuntos de interesse da terceira idade.

“Hoje, o crédito tornou-se uma maneira dos idosos fazerem frente às suas despesas mensais com medicamentos e alimentação, por exemplo, e muitos acabam entrando em uma situação bastante complicada em função das taxas de juros”, comenta.

A atividade foi promovida pelo Grupo Sesc Maturidade Ativa de Ijuí, Fecomércio e Sesc.


Final do Desafio de Robótica foi realizada na ExpoIjuí

O Parque de Exposições Wanderley Burmann recebeu, na tarde desta terça-feira, 16 de outubro, a final do Desafio de Robótica 2018. Equipes de escolas de Ijuí e região competiram com um robô construído por eles próprios em uma pista de corrida, o objetivo era finalizar o percurso no menor tempo. O primeiro lugar ficou com a equipe Rainbow, da Escola Polivalente.

A final também contou com a participação do Vice-Reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, Fernando Jaime González, que entregou a premiação ao grupo vencedor.

Com o objetivo de promover a difusão e a popularização das ciências exatas, o Projeto de Extensão Física para Todos: Oficinas de Robótica, realizou oficinas desde o mês de julho, culminando com a final desta semana. Com atividades envolvendo eletrônica, computação e robótica, as ações do projeto proporcionaram aos alunos e professores do Ensino Médio e Fundamental, a oportunidade de vivenciar conceitos e suas aplicações com objetos do cotidiano, como tablets e smartphones.  

Participaram cerca de 80 alunos de escolas da região de Ijuí e Santa Rosa. Durante os últimos meses, os alunos realizaram diversas montagens, desde simples acionamentos eletrônicos até a confecção de um robô, aplicando a eletrônica e a computação na prática. Todos os participantes receberam um certificado de participação nas atividades.

Segundo o professor do Departamento de Ciência Exatas e Engenharias da Unijuí (DCEEng), Mateus Schonardie, o envolvimento dos alunos foi o grande diferencial das ações. “A gente conseguiu trabalhar muitos conceitos aplicados na prática, com coisas que vivenciam no dia a dia, isso deixou eles bastante entusiasmados”, observa.


Energia Amiga: projeto leva conhecimento sobre energia e segurança no uso da eletricidade para escolas

Conheça mais um Projeto da série de reportagens da Popularização da Ciência Unijuí.

                 

A eletricidade está presente basicamente em todas as atividades do dia a dia. Mesmo passando despercebida, existem riscos que precisam ser cuidados. O Projeto de Extensão Energia Amiga visa disseminar conhecimento sobre energia e segurança no uso da eletricidade aos alunos das escolas de Ijuí, aproximando, assim, os conceitos teóricos de eletricidade com a vivência diária e o uso da energia, bem como para demonstrar os riscos intrínsecos ao uso dela.

A professora Caroline Raduns, engenheira eletricista, especialista em avaliação de perícias, com mestrado em engenharia elétrica, é a coordenadora do projeto. “O objetivo é incentivar a participação de crianças, adolescentes e professores no desenvolvimento dos conceitos sobre a energia elétrica, o consumo consciente e a segurança no uso de eletricidade, de forma a subsidiar as mudanças culturais”, observa.

O Projeto é desenvolvido por meio de parcerias entre a Unijuí, Ceriluz (patrocinadora), CREA, Conselho de Consumidores de Energia Elétrica do Demei, 36ª CRE, Smed Ijuí e Abracopel. Com estas entidades, foi realizado um planejamento e definição de metas para as atividades.

Dentre as ações desenvolvidas, o projeto já visitou 18 escolas das redes particular, estadual e municipal de Ijuí. Também já foi realizada uma atividade de recolhimento de pilhas com alunos dos terceiros anos do ensino médio e nonos anos do ensino fundamental. Por fim, foi feita uma apresentação do projeto para os professores e diretores de escolas. Os alunos receberam um livro com informações sobre segurança em instalações elétricas.

Além disso, vão participar de palestras sobre o tema. Em salas de aula, já foram estimulados a a se expressar sobre a temática por meio de desenhos e redações. O material confeccionado será avaliado por uma comissão organizadora, que vai escolher os melhores trabalhos. Estes trabalhos serão premiados na Expo Ijuí 2018. Os alunos vencedores passam para o Concurso Nacional Abracopel de Redação e Desenho.


Projeto Cidadania Para Todos visa o bem-estar social na comunidade

             

Com o objetivo de promover a educação, a cidadania e os direitos humanos, o projeto de extensão Cidadania Para Todos é desenvolvido por estudantes e professores dos cursos de Direito, Psicologia e Comunicação Social da Unijuí desde 2006. O projeto tem como tema principal a discussão sobre a cidadania e o acesso a direitos fundamentais previstos pela nossa legislação. O objetivo é garantir a socialização de informações e a discussão de temáticas relacionadas com a família, a escola, a violência, o mercado de trabalho e a sociedade de consumo.

No dia 21 de agosto, o Vice-Reitor de Pós-Graduação e Extensão da Unijuí, professor Dr. Fernando Jaime González, visitou a Escola Técnica Estadual 25 de Julho, onde o projeto está presente. A coordenação e a equipe apresentaram o projeto na escola, e o trabalho realizado, visando o bem-estar social da comunidade escolar, por meio de reuniões feitas entre pais, alunos e professores.

O projeto procura dar o devido valor a cidadania, que se caracteriza pela possibilidade de participação política, exercida por meio do voto, mas também pela necessidade de que todos conheçam e se reconheçam como sujeitos de direitos e obrigações iguais perante as nossas leis.

As ações desenvolvidas pelo projeto buscam assegurar a interação da universidade com a comunidade, através do diálogo com diferentes realidades, principalmente nas escolas, promovendo a educação para a cidadania e os direitos humanos. A partir de estratégias restaurativas fortalecem os laços comunitários, consolidando praticas educativas e a afirmação de uma cultura de paz.

As atividades são realizadas por meio de oficinas temáticas e presenciais, onde o protagonismo dos participantes é fundamental. Todos os temas são abordados através de metodologias, com ênfase aos círculos de diálogo, baseados em princípios restaurativos. Nesse processo, procura-se identificar os principais problemas enfrentados pelo público alvo, bem como verificar o grau de compreensão, de comprometimento e capacidade de enfrentamento das atividades vivenciadas.      

 


Projeto Educação em Saúde leva conhecimento para a comunidade de Ijuí

                  

Com o objetivo de levar educação em saúde para a comunidade de Ijuí, o Projeto de Extensão Educação em Saúde, ligado ao Departamento de Ciências da Vida (DCVida), tem realizado diversas ações durante este ano com diversos públicos e instituições locais.

Nesta semana, na quarta-feira, dia 26, os alunos do CIEP interagiram e tiraram dúvidas sobre diversos assuntos de saúde a partir de uma mostra na escola. Todas as áreas da saúde da Universidade estiveram representadas e disponibilizaram materiais para manuseio. “Dessa forma oportunizamos um aprendizado com interação, eles podem visualizar melhor, por exemplo, os órgãos humanos, com bonecos do Laboratório de Anatomia que levamos até a escola”, observa a coordenadora do Projeto, professora Angélica Moreira. A atividade também já havia sido realizada no dia 12 de setembro com os alunos da Escola Anita Garibaldi.

Já nesta sexta-feira, dia 28, os alunos da Escola São Geraldo participaram, no auditório do Dceeng, na Sede Acadêmica, da atividade “Orientações Básicas para a Saúde Sexual e a Saúde Reprodutiva na Adolescência”, que foi solicitada pela direção do colégio.  Nesta atividade, além dos bolsistas do Departamento, houve a participação de estudantes voluntários do curso de Psicologia da Unijuí.

Estas atividades vão continuar ocorrendo. Segundo a professora coordenadora do Projeto, além das escolas, também são realizados atendimentos a domicílio de idosos, vinculados a Estratégia de Saúde da Família Assis Brasil, mediante convênio com a Prefeitura. Também integram atividades o Clube de Mães e o Programa Integrado para a Terceira Idade, vinculado ao curso de Educação Física da Unijuí.

Mais sobre o Projeto

Atuam nas atividades nove professores dos cursos de Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Enfermagem, Estética e Cosmética e Biomedicina; e 19 estudantes sendo seis bolsistas e 13 estudantes voluntários dos cursos de Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Enfermagem, Estética e Cosmética e Biomedicina. 

Segundo a coordenadora do Projeto, professora Angélica Moreira, a educação em saúde é um desafio para os serviços de saúde e também para a Universidade. Dessa forma, ele visa discutir e problematizar com os estudantes as vivências, a partir da integralidade; envolver os estudantes em atividades de ensino e serviços aos usuários assistidos por uma equipe de saúde; proporcionar vivências e consolidação de conhecimentos de núcleos profissionais e também vivências interdisciplinares, como vivências de campo. “Esta intervenção na comunidade congrega os conhecimentos nas diferentes áreas, garantindo à população atendida atividades de promoção, prevenção e reabilitação em saúde”, observa a coordenadora. As metodologias pensadas para as atividades são estruturadas a partir de metodologias ativas, como a metodologia da problematização. 


Professora da Unijuí realiza viagem precursora do Projeto Rondon –Operação “Parnaíba”

                         
                  

A professora Leonir Uhde, do Departamento de Estudos Agrários, coordenadora do Projeto Ações Multidisciplinares: Construção de Soluções para o Desenvolvimento com Sustentabilidade e Fortalecimento da Cidadania, Bem-Estar Social e Qualidade de Vida, aprovado no Conjunto de Ações B - Comunicação, Tecnologia e Produção, Meio Ambiente e Trabalho do Projeto Rondon, realiza a viagem precursora entre os dias 23 e 29 de setembro ao município de Cabeceiras do Piauí/PI, onde serão realizadas as ações em janeiro/fevereiro de 2019, da Operação Parnaíba, a fim de conhecer o local e manter contatos com autoridades e comunidade, juntamente com a coordenadora da USP/EERP SP, que irá realizar o Conjunto de Ações A.

O projeto da Unijuí tem ainda como coordenadores os professores Maria Aparecida de Carvalho Zasso e Felipe Libardoni, também do Departamento de Estudos Agrários (DEAg).

                    

Recepção da equipe de professores coordenadores das 31 universidades que irão participar da “Operação Parnaíba” em 15 municípios do Piauí, pelo comandante e o coronel do 25º Batalhão do Exército, em Teresina/PI.

 


Conheça os selecionados para a próxima operação do Projeto Rondon

                               

A Vice-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí divulgou, nesta segunda-feira, o resultado de seleção de estudantes para participar da Equipe do Projeto Rondon – Operação Parnaíba. São eles:

Selecionados:

•Adriano Udich Bester

•Chaeli Quevedo Branco Oliveira

•Cristiane Zeni Bender Slaviero

•Daniela Regina Kommers

•Gustavo Henrique Mendes Bedendo

• Juliana Andretta

•Nicole Mantovane da Silva

•Tatiana Nataniele Mentz

Suplentes:

•Eduarda Copetti Dunker

• Giuli Ana Izolan

Os selecionados estão convocados para reunião dia 05 de outubro de 2018 (sexta-feira), às 13h30, na Sala dos Conselhos, no prédio Biblioteca Mario Osorio Marques, Campus Ijuí. O selecionado que não comparecer à reunião será desclassificado.

Sobre o Projeto Rondon

A Unijuí desenvolverá as atividades do Conjunto de Ações B - Comunicação, Tecnologia e Produção, Meio Ambiente e Trabalho, com o Projeto AÇÕES MULTIDISCIPLINARES: CONSTRUÇÃO DE SOLUÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO COM SUSTENTABILIDADE E FORTALECIMENTO DA CIDADANIA, BEM-ESTAR SOCIAL E QUALIDADE DE VIDA, no município de Cabeceiras do Piauí/PI. As atividades do Conjunto de Ações A serão desenvolvidas pela Universidade de São Paulo/Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto USP/EERP SP, no mesmo município. O projeto da Unijuí é coordenado pelos professores Leonir Terezinha Uhde, Maria Aparecida de Carvalho Zasso e Felipe Libardoni, do Departamento de Estudos Agrários (DEAg).

O Projeto Rondon é uma ação interministerial do Governo Federal, realizada em coordenação com os Governos Estadual e Municipal que, em parceria com as Instituições de Ensino Superior, reconhecidas pelo Ministério da Educação, visa a somar esforços com as lideranças comunitárias e com a população, a fim de contribuir com o desenvolvimento local sustentável e na construção e promoção da cidadania.

As ações desenvolvidas priorizam benefícios permanentes para as comunidades, principalmente as relacionadas com a melhoria do bem-estar social e a capacitação da gestão pública. Busca, ainda, consolidar no universitário brasileiro o sentido de responsabilidade social, coletiva, em prol da cidadania, do desenvolvimento e da defesa dos interesses nacionais, contribuindo na sua formação acadêmica e proporcionando-lhe o conhecimento da realidade brasileira.

 


Professores participam de Seminário sobre a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

              

Os professores Peterson Avi e Edson Padoin, vinculados ao Departamento de Ciências Exatas e Engenharias (DCEEng) participaram, em Brasília, no Ministério da Ciência e Tecnologia e CNPq, nos dias 19 e 20 de setembro, do XV Seminário dos Coordenadores da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia - SNCT. Este Seminário visa a preparação das atividades da SNCT, que acontecerá de 15 a 19 de outubro em todo o Brasil. 

Os professores apresentaram os seus projetos aprovados no edital do CNPq 2018, estes que estão relacionados aos projetos de extensão desenvolvidos na universidade com apoio da 36ª CRE e das Secretarias Municipais de Educação da região. 

O professor Peterson apresentou o projeto Mostra Científica e Ciclo de Palestras relacionado ao projeto de extensão “Feiras de Matemática no RS: consolidação e expansão”. O projeto prevê uma mostra de trabalhos indicados da II Feira Regional de Matemática do RS, que contará com atividades durante a Salão do Conhecimento, nos campi de Ijuí e Santa Rosa. 

O professor Padoin apresentou o projeto “Seminário de Utilização de Aplicativos e Internet no ensino de Matemática”, relacionado ao projeto de extensão DISEFEM - Desenvolvimento e Implementação de Software Educacional para o ensino Fundamental e Médio. Dentre as atividades desenvolvidas destaca-se o aplicativo MathGO, que será utilizado pelas escolas. O aplicativo desenvolvido é livre e está disponível para utilização nos links www.projetos.unijui.edu.br/disefem/jogo ou www.mathgo.com.br

No dia 17 de outubro, como em todo o Brasil, na UNIJUÍ, uma série de atividades serão executadas. A data é marcada como o Dia C da Ciência no país. Destacam-se: Ciclo de Palestras, Minicursos sobre utilização de Aplicativos e Internet no Ensino, Seminário e Painéis sobre os temas relacionados. Também será realizada a 3ª Etapa da Competição MathGo. Esta Etapa Final acontecerá no Centro de Eventos da universidade, reunindo as equipes selecionadas na etapa On-line, que acontece no próximo dia 02 de outubro. 

A UNIJUÍ teve dois projetos aprovados no edital deste ano e, em conjunto com seus parceiros, está preparando as atividades para a XV SNCT. Neste ano o tema é "Ciência para Redução das Desigualdades", tema este que atende ao item 10 do ODS - Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU.


Projeto Rompendo Barreiras busca facilitar a vida de pessoas em reabilitação ou com deficiência

                

Com o objetivo de buscar a inclusão de pessoas com deficiência ou que estejam em reabilitação física, a Unijuí desenvolve o Projeto Rompendo Barreiras. Professores e estudantes da Universidade desenvolvem tecnologias para serem usadas na recuperação de pacientes da Unidade de Reabilitação da Unijuí – UNIR e APAE, em Ijuí. 

No mês de agosto, o Vice-Reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí, professor Dr. Fernando Jaime González, iniciou uma série de visitas aos Projetos de Extensão - Modalidade Ações Comunitárias. Segundo o professor, “o objetivo da visita é conhecer melhor os projetos e ter contato com os acadêmicos, para saber como eles estão envolvidos, entendendo a presença do projeto na comunidade e também como espaço para o enriquecimento das suas vidas acadêmicas”. 

Na oportunidade, foi visitado o Projeto “Rompendo Barreiras: Desenvolvimento de Novas Tecnologias para o Atendimento, Tratamento e Inclusão de Pacientes em Reabilitação ou Deficiência”. A coordenação e a equipe apresentaram o projeto, bem como as atividades desenvolvidas, salientando que o objetivo é a aplicação prática das áreas de conhecimento do Design, Engenharia Mecânica, Ciência da Computação e Fisioterapia, no desenvolvimento de tecnologias que contribuem para a qualificação do atendimento da UNIR e da APAE de Ijuí. 

Também foi feita uma visita à UNIR, onde a coordenação e a equipe do projeto apresentaram a Cabine Sensorial. Esse aparelho tem como objetivo auxiliar no tratamento de pacientes que precisam de reabilitação social, ou seja, trabalhar com estímulos visando os cinco sentidos a partir de protocolos com a temática das estações do ano (inverno e verão); as patologias podem variar de acordo com a necessidade, mas a princípio está sendo testado com pacientes que sofreram AVE (acidente vascular encefálico).

A utilização de objetos do dia a dia para pessoas com algum tipo de limitação ou deficiência, sejam elas mentais, auditivas, visuais ou motoras são chamadas de Tecnologias Assistivas – T.A. Os recursos de T.A. variam desde uma colher adaptada com uma empunhadura mais grossa até sofisticados softwares que proporcionam independência e autonomia aos portadores de deficiências. 

O projeto tem como objetivo sistematizar os conhecimentos necessários para que sejam desenvolvidos novos produtos voltados ao atendimento, tratamento e inclusão de pacientes com limitações, em processos de reabilitação ou idosos, por meio da interação com a comunidade local. Além disso, o projeto deve promover maior interação entre as áreas de conhecimento, na busca por soluções tecnológicas inovadoras, ao mesmo tempo em que se oportuniza à comunidade acadêmica o papel de protagonistas e agentes de transformação social ao promoverem melhoria da qualidade de vida do público atendido pelo projeto e comunidade em geral.


Projeto de Extensão do curso de Direito realiza atividade com Clubes de Mães

No dia 27 de agosto, o curso de Direito da UNIJUÍ realizou um Círculo de Diálogo em comemoração à XXXVI Semana Estadual dos Clubes de Mães. A atividade foi desenvolvida pelo projeto de extensão, "Conflitos Sociais e Direitos Humanos: alternativas de tratamento e resolução”, na sede do Conselho de Clubes de Mães, na cidade de Santa Rosa.

O objetivo da atividade foi possibilitar, pela fala de cada uma das associadas e convidadas, o compartilhamento da caminhada dentro do movimento de Clubes de Mães. 

A atividade foi desenvolvida pela Coordenadora do curso de Direito, professora Francieli Formentini e pela bolsista e estudante do curso de Direito, Jaqueline Griebler.