COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Institucional

Inscrições abertas para Extravestibular da Unijuí

A Unijuí está com inscrições abertas para o reingresso, para troca de curso ou de instituição até o dia 08 de março. O Extravestibular da Unijuí possibilita ainda o ingresso de diplomados em curso superior para segunda graduação.

Por meio do Extravestibular é possível também o Ingresso Especial, destinado aqueles que desejam fazer uma ou mais disciplinas para antecipar estudos a serem aproveitados logo após a realização do concurso vestibular, para estudantes que já concluíram o Ensino Médio. Ou, ainda, para fins culturais ou de atualização profissional.

O Edital do Extravestibular está disponível no Portal da Unijuí, unijui.edu.br/extravestibular. No endereço é possível também fazer a sua inscrição e consultar outros benefícios que a Universidade oferece.

 


Medicina na Unijuí: nota de esclarecimento

A Unijuí, após autorização do Ministério da Educação, no dia 26 de dezembro de 2018, para a oferta do curso de Medicina, com Edital do Concurso Vestibular aberto no dia 07 de janeiro de 2019, tendo mais de 150 inscritos no dia de hoje, recebeu notificação judicial movida pelo CREMERS.

O Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul, apresentou no dia 9 de janeiro deste ano, à Justiça Federal ação civil pública contra a União e a Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - UNIJUÍ, com pedido de tutela provisória para a suspensão da autorização de criação da Faculdade de Medicina e do concurso Vestibular.

Tal solicitação soa estranho, considerando que o município de Ijuí foi habilitado em processo de Edital em 2013 e a Unijuí em 2018. O Edital que habilitou o município de Ijuí envolveu três outras cidades do Rio Grande do Sul, as quais não foram questionadas pelo CREMERS e hoje oferecem o curso de Medicina.

O CREMERS justifica o pedido alegando excesso de profissionais no município de Ijuí, sendo, portanto, desnecessária a implantação da faculdade de Medicina na Unijuí. Tal argumento não procede, pois desconhece todo o processo do Edital e da região de abrangência do curso, que mostra com clareza a necessidade de abertura do curso nessa região.

A Unijuí, cientificada pela justiça, trabalha por meio da sua Assessoria Jurídica para tomar as providências jurídicas cabíveis ao caso. Informa que acredita na transparência e lisura dos processos que envolveram a homologação e implantação do curso de Medicina no município de Ijuí e na Unijuí.

Da mesma forma, ratifica a importância e o impacto que o Curso de Medicina terá no desenvolvimento da qualidade da saúde e da formação médica na região Noroeste do Estado, considerando que a instituição possui uma trajetória de mais de 35 anos de formação na área da saúde, bem como possui cursos de residência e o mestrado em Atenção Integral à Saúde. O Edital condiciona a Universidade a estabelecer parceria com o município, bem como ofertar cursos de residência médica com número de vagas proporcionais àquelas oferecidas pelo curso de Medicina.

Desta forma, enquanto não houver novidade ou decisão judicial que altere o direito legitimamente conquistado pelo Município de Ijuí e pela Universidade de ofertar o curso e realizar o Vestibular, a instituição continua com toda organização e encaminhamentos necessários ao início do curso programado para o mês de março.

Por fim, informa que todas as informações para o processo seletivo do Vestibular de Medicina estão no site da instituição.


Inscrições abertas para o Vestibular de Medicina da Unijuí

Estão abertas as inscrições para o Vestibular de Medicina da Unijuí até o dia 17 de fevereiro. Nesta segunda-feira, 07, o edital do primeiro processo seletivo foi publicado no Portal da Universidade. Serão ofertadas 30 vagas.

Para validar a inscrição, os candidatos deverão ter prestado o Enem a partir do ano de 2015, obtendo no mínimo 450 pontos. Além disso, terão que realizar uma prova com 40 questões objetivas e elaborar uma redação, no dia 24 de fevereiro, em Ijuí, de forma presencial exclusivamente.

As inscrições deverão ser feitas no Portal da Unijuí. No endereço também é possível conhecer os diferenciais do curso e informações sobre bolsas e financiamentos.

 


Medicina: entenda como vai funcionar o primeiro vestibular do curso na Unijuí

                

Na próxima segunda-feira, dia 07 de janeiro, a Unijuí vai publicar o edital para o primeiro vestibular do curso de Medicina. As inscrições poderão ser feitas no Portal da Universidade do dia 07 de janeiro ao dia 17 de fevereiro. Para validar a inscrição, que terá um valor de R$ 180, os candidatos obrigatoriamente deverão ter prestado o Enem a partir do ano de 2015, obtendo no mínimo 450 pontos. Além disso, os candidatos terão que realizar uma prova com 40 questões objetivas e elaborar uma redação, em no máximo 4 horas, no dia 24 de fevereiro, em Ijuí, de forma presencial exclusivamente.

Outro detalhe deste edital diz respeito à aprovação dos futuros estudantes do curso: para garantir uma das 30 vagas na primeira turma, os candidatos serão avaliados pela nota obtida na prova do concurso Vestibular, aplicado pela Universidade, e pela nota global do Enem, ou seja, será realizada uma média dessas duas notas para determinar a classificação final. Além disso, candidatos que cursaram todo o ensino médio e o concluíram em escolas – públicas ou particulares – de cinco Coredes da região Noroeste (Noroeste Colonial, Fronteira Noroeste, Missões, Celeiro e Alto Jacuí) terão cinco pontos somados à média final do processo seletivo.

Nesta primeira edição não haverá oferta de Bolsas pelo ProUni, o que deverá ocorrer a partir do segundo semestre de 2019. Porém, a Universidade vai disponibilizar linha de crédito própria, assim como faz para os cursos já ofertados pela Instituição. O valor da mensalidade vai girar em torno de R$ 7 mil inicialmente e o estudante que aderir ao Plano de Flexibilização de Pagamento – PFP Medicina terá mensalidade em torno de R$ 4,9 mil.

A Vice-Reitora de Graduação, professora Cristina Pozzobon, pontua que "há uma grande expectativa, por parte de toda a comunidade interna e externa, a respeito deste primeiro processo seletivo para o curso de Medicina, que vem para reforçar a oferta de cursos de graduação na área da saúde. A Universidade está preparada para dar início ao curso e realizar o Vestibular é o próximo passo". Ainda, segundo a Vice-Reitora de Graduação, "a Unijuí apresenta, historicamente, importante atuação na formação superior no campo da saúde e na relação com a comunidade e com as instituições e serviços de atenção à saúde. Pela Medicina, a Unijuí busca, assim, potencializar o desenvolvimento e a melhoria da saúde dos indivíduos e das populações na região, estado e país, em sintonia com seu propósito que é participar do processo de desenvolvimento da região pela educação superior."

Sobre o curso

O Curso de Medicina da Unijuí, que terá uma duração de seis anos, vai preparar os profissionais para atuar nas áreas de atenção à saúde, de gestão e educação em saúde, nos sistemas público e privado, atendendo às necessidades individuais e coletivas em diferentes cenários de trabalho: unidades básicas de saúde, unidades sanitárias especializadas, ambulatórios, serviços de vigilância sanitária, assistência domiciliar, na comunidade (escolas e creches), unidades especializadas em reabilitação física, serviços de atendimento móvel de urgência, hospitais-dia, hospitais secundários e terciários, com todos os seus serviços (inclusive pronto-atendimento e emergência), consultório/clínicas, instituições de ensino e/ou pesquisa.

Conta com metodologia de ensino e aprendizagem diferenciada, baseada em metodologias ativas e com uma rede integrada de laboratórios de ensino, os quais permitem que o estudante vivencie as atividades profissionais desde o início do curso. Propõe formação interdisciplinar, evidenciando a importância de cada área da saúde no desenvolvimento de competências, habilidades, valores e atitudes que constituem o Médico enquanto agente de transformação na área de sua atuação profissional e cidadã. O curso terá a sustentação dos 60 anos de atuação qualificada no ensino superior, tendo sido sistematizado por comissão composta por docentes e médicos com formação em diferentes áreas. As discussões e os estudos realizados fundamentam um projeto formativo diferenciado, na perspectiva de uma educação integral, visando à superação da fragmentação do conhecimento. A proposta pedagógica objetiva a formação teórica sólida e o desenvolvimento de competências, habilidades, valores e atitudes operativas necessárias à prática profissional competente, ética, humanizada, socialmente comprometida com a comunidade e com os princípios do SUS, responsável e promotora da saúde integral do ser humano.

“O curso de Medicina apresenta-se como projeto institucional que visa contribuir na construção de um sistema de saúde que atenda às necessidades da população brasileira e que avance na qualidade e resolutividade dos problemas de saúde, a partir de uma formação médica comprometida com os aspectos sociais, econômicos, culturais e epidemiológicos”, complementa a Vice-Reitora de Graduação, professora Cristina Pozzobon.


Cia Cadagy seleciona novos integrantes

A Vice-Reitoria de Pós-Graduação Pesquisa e Extensão da Unijuí divulgou edital para seleção de integrantes para compor a Cia Cadagy Unijuí, grupo que valoriza a arte e a cultura.

O edital, disponível no Portal da Unijuí, dispõe de vagas para bolsistas e voluntários para Ijuí e para Santa Rosa. As inscrições deverão ser feitas até o dia 8 de fevereiro para Santa Rosa e até o dia 22 de fevereiro para Ijuí.   

A inscrição se dará a partir do envio de um e-mail para cultura@unijui.edu.br com a ficha de inscrição preenchida e confirmação de recebimento.

Os candidatos deverão ter, no mínimo, 17 anos de idade, disponibilidade de tempo para participar dos ensaios, os quais são realizados aos sábados, das 8h às 12h e das 13h30 min às 17h30 min, bem como das demais atividades do grupo, ser integrante da comunidade externa ou da comunidade interna da FIDENE/UNIJUÍ (estudante, docente ou técnico).

A Cia Cadagy da Unijuí tem o objetivo de promover e incentivar atividades culturais e artísticas na comunidade por meio de espetáculos e apresentações que combinam um conjunto de diferentes linguagens: música, dança, acrobacias, artes cênicas, lutas, artes circenses e malabares.


Lista: relembre acontecimentos marcantes da Unijuí em 2018

                  

O ano de 2018 foi de grandes conquistas para a Unijuí. A Universidade teve homologado pelo MEC o curso de Medicina, além de, pela terceira vez consecutiva, receber o prêmio de responsabilidade social da Assembleia Legislativa. Conquistas que são de toda a comunidade regional. Confira uma lista com algumas das principais notícias que marcaram o ano da FIDENE/UNIJUÍ.

1. O curso de Medicina é realidade: após intensa luta o ano termina com esta excelente notícia. Em fevereiro será realizado o primeiro Vestibular. Fique por dentro desta conquista!

2. Ranking MEC coloca a Unijuí como a melhor Universidade privada do interior do Estado: ensino, pesquisa e extensão de qualidade para toda a região Noroeste. Confira.

3. Prêmio Responsabilidade Social: a FIDENE é a única instituição a ter recebido a honraria três anos consecutivamente. Saiba mais.

4. Cursos da Unijuí alcançam excelentes notas em avaliação do MEC: Confira  as notas alcançadas pelos cursos de Graduação.  

5. Novos Programas de Mestrado e Doutorado: a Unijuí busca o aprimoramento dos Programas de Mestrado e Doutorado, além de inovar na oferta de novos cursos. Em 2018 foi aprovado:

Mestrado em Sistemas Ambientais e Sustentabilidade

Doutorado em Direito

Mestrado e Doutorado Interinstitucional com a Unibalsas (Maranhão)

6.  Novos Cursos de Graduação: possibilitar novas escolhas de graduação aos estudantes também é uma das prioridades da Unijuí. Confira as novidades em graduação na Universidade:

Campus Ijuí

História

Campus Santa Rosa

Ciências Contábeis

Engenharia Mecânica

Engenharia de Produção

Engenharia de Software

Campus Panambi

Ciências Contábeis


Avanços Tecnológicos na Produção de Aveia na Região Noroeste Colonial/RS

               

A aveia branca (Avena sativa L.) é um cereal que apresenta múltiplos propósitos. O aumento do cultivo da aveia branca nos últimos anos procede dos inúmeros benefícios que a mesma oferece ao sistema de produção. Por ser cultivado no período de estação fria do ano, proporciona excelente cobertura de solo, com grandes benefícios ao sistema de semeadura direta. Na alimentação animal tem assumido grande importância como produtora de grãos, forragem, feno, silagem e composição da ração. Além disto, vem sendo cada vez mais utilizada na alimentação humana, pelo alto teor de proteínas de qualidade e fibras solúveis, caracterizando um alimento de alta qualidade para o consumo, com benefícios à saúde pela redução do colesterol e riscos de enfermidades cardiovasculares Portanto, o enorme crescimento e gama de finalidades de uso da aveia nas unidades de produção e qualidade à alimentação humana tem favorecido o crescimento no número de agroindústrias familiares e indústrias de alimentos para processamento do cereal.

É cada vez maior a demanda por cultivares em manejos com a aveia que promovam produtividade e qualidade industrial e química de grãos voltada a uma população cada vez mais exigente em produtos mais saudáveis. Destaca-se o grande volume de produtos e sub produtos obtidos com a aveia voltada a alimentação humana e a principal região produtora de grãos de aveia para o Brasil situa-se no noroeste colonial. Nesta região, vem ocorrendo uma elevada demanda por grãos de aveia de maior qualidade industrial e química junto a uma crescente estruturação de agroindústrias familiares e do setor industrial. Portanto, exigindo novos padrões de produção mais limpos e sustentáveis com atributos que atendam às necessidades das indústrias de alimentos e consumidores.

A indicação de cultivares com desenvolvimento de manejos mais eficientes em promover redução do acamamento de plantas, melhor habilidade competividade em reduzir uso de herbicidas, com adaptabilidade e estabilidade ás variações climáticas e com redução no uso de agroquímicos, representam grandes desafios em qualificar o domínio desta região na qualidade de grãos de aveia a alimentação para o Brasil. Do ponto de vista da qualidade dos produtos há um crescimento no nível de exigência do consumidor, isso demandado tanto pelo mercado interno como externo, exigindo produtos oriundos de sistemas de produção limpos e sustentáveis. Portanto, os processos biológicos que assegurem a sanidade vegetal são decisivos na obtenção de produtos saudáveis, considerando que estes processos estão relacionados às práticas de manejo as quais podem desencadear riscos à saúde, contaminação, poluição ambiental e resíduos de agroquímicos em alimentos. Assim, avanços acerca dos sistemas de produção da aveia para alimentação humana geram a necessidade de ações multidisciplinares em vários campos do conhecimento.

Na perspectiva de avanços, pesquisadores e técnicos do Departamento de Estudos Agrários e Departamento de Ciências Vida da UNIJUÍ e junto ao programa de mestrado em Sistemas Ambientais e Sustentabilidade vem desenvolvendo o projeto Avanços Tecnológicos na Produção de Aveia na Região Noroeste Colonial/RS, apoiado pela Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do estado do Rio Grande do Sul/SDECT, na busca de manejos mais limpos e sustentáveis com qualidade dos grãos à alimentação no noroeste gaúcho. Os resultados destas pesquisas foram apresentados no dia 18/10/2018 no II Curso de Atualização em Tecnologia e Produção de Aveia no Instituto Regional de Desenvolvimento Rural/IRDeR/UNIJUÍ com a realização de um curso na parte da manhã, seguindo a tarde com a realização do Dia de Campo. Conforme relata o coordenador do projeto prof. José Antonio Gonzalez da Silva, “a UNIJUÍ por intermédio do Departamento de Estudos Agrários-DEAg tem forte inserção regional desenvolvendo trabalhos de pesquisa de elevado realismo em fornecer inovação e tecnologia sobre a cultura da aveia, subsidiando técnicos, agrônomos, cooperativas e empresas locais e da ligação direta com os pequenos e médios agricultores do noroeste colonial. Ressalta-se que compreende pesquisas de caráter multidisciplinar e interdisciplinar e com uma atuação em mais de 50 municípios da região. Portanto, ações de pesquisas de grande relevância em parceria com associações e empresas tem alavancado a produção de alimentos de alta qualidade e com fortes investimentos de aprimoramento da pesquisa e do processo de produção. Destaca-se que hoje essa região representa a maior produtora de grãos de aveia do Brasil, fornecendo um produto de alta qualidade para inúmeros processos industriais para todos os estados da federação. Além disso, comenta do grande envolvimento de todos os agentes na realização de palestras, cursos e dias de campo com agricultores, setor produtivo e da indústria, alunos de agronomia, mestrado e doutorado na inovação de processos que vem sendo idealizados.


Retrospectiva Unijuí 2018

 

Foi um ano de muitas conquistas para a Unijuí. Confira o que foi destaque no Comunic@ em 2018

 


Unijuí altera horário de funcionamento nas férias

Com o final do semestre letivo e início do período de férias, a FIDENE/UNIJUÍ altera o horário de atendimento ao público nos quatro campi da Universidade. O novo horário tem início no dia 17 de dezembro de 2018 e segue até 24 de janeiro de 2019. Confira os horários diferenciados para o atendimento ao público em departamentos e setores da Universidade.

Campus Ijuí

ATENDIMENTO EXTERNO

Período

 

Unidades

Atendimento

Manhã e Tarde

Atendimento

Noite

17/12 a 20/12/2018

Departamentos/Unidades administrativas

Normal

Normal

21/12/2018

Festa FIDENE

Departamentos/Unidades administrativas

Manhã - Normal

Tarde - Fechado

Fechado

26/12 a 28/12/2018

Departamentos (*)

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

Unidades Administrativas (*)

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

02, 03 e 04/01/2019

Departamentos (*)

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

Unidades Administrativas (*)

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

Central de Atendimento ao Aluno (Campus/Sede Acadêmica)

Normal no Campus

Sede Fechado

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

Secretaria Acadêmica; Núcleo de Cobranças;

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

07/01 a 26/01/2019

 

Departamentos

Férias Coletivas

Férias Coletivas

Unidades Administrativas

Férias Coletivas

Férias Coletivas

Central de Atendimento ao Aluno/ Campus

Central de Atendimento ao Aluno/Sede

Plantão

 

Fechado

Fechado

 

Fechado

Secretaria Acadêmica; Núcleo de Cobranças;

Plantão

Fechado

28/01 a 24/02/2019

Todos os Departamentos e Setores

Normal

Normal

Observação: (*) os Departamentos e Unidades administrativas que funcionam habitualmente nos turnos da tarde e noite passam a ter horário estendido das 13h30min às 19h45min, pela manhã mantém fechado.

- Horários:  Manhã – 07h51min/11h39min; Tarde - 13h30min/17h18min;

- Horário estendido – compreende das 13h30 às 19h45min.

 

Campus Panambi

ATENDIMENTO EXTERNO

Período

 

Unidades

Atendimento

Tarde

Atendimento

Noite

17/12 a 20/12/2018

Departamentos/Unidades administrativas

Normal

Normal

21/12/2018

Festa FIDENE

Departamentos/Unidades administrativas

Fechado

Fechado

26/12 a 28/12/2018

Departamentos

Unidades Administrativas

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

02, 03 e 04/01/2019

Departamentos

Unidades Administrativas

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

07/01 a 26/01/2019

 

Departamentos

Unidades Administrativas

Férias Coletivas

Férias Coletivas

28/01 a 24/02/2019

Todos os Departamentos e Setores

Normal

Normal

 

Horários:

- Horário estendido – compreende das 13h30 às 19h45min.

 

Campus Três Passos

ATENDIMENTO EXTERNO

Período

 

Unidades

Atendimento

Tarde

Atendimento

Noite

17/12 a 20/12/2018

Departamentos/Unidades administrativas

Normal

Normal

21/12/2018

Festa FIDENE

Departamentos/Unidades administrativas

Fechado

Fechado

26/12 a 28/12/2018

Departamentos

Unidades Administrativas

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

02, 03 e 04/01/2019

Departamentos

Unidades Administrativas

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

07/01 a 26/01/2019

 

Departamentos

Unidades Administrativas

Férias Coletivas

Férias Coletivas

28/01 a 24/02/2019

Todos os Departamentos e Setores

Normal

Normal


Observação:

No dia 28/12 é feriado municipal em Três Passos.

Horários:

- Horário estendido – compreende das 13h30 às 19h45min.

 

Campus Santa Rosa

ATENDIMENTO EXTERNO

Período

 

Unidades

Atendimento

Tarde

Atendimento

Noite

17/12 a 20/12/2018

Departamentos/Unidades administrativas

Normal

Normal

21/12/2018

Festa FIDENE

Departamentos/Unidades administrativas

Fechado

Fechado

26/12 a 28/12/2018

Departamentos

Unidades Administrativas

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

02, 03 e 04/01/2019

Departamentos

Unidades Administrativas

Normal

Horário Estendido das 13h30min às 19h45min

07/01 a 26/01/2019

 

Departamentos

Unidades Administrativas

Férias Coletivas

Férias Coletivas

28/01 a 24/02/2019

Todos os Departamentos e Setores

Normal

Normal


Horários:

- Horário estendido – compreende das 13h30 às 19h45min.

 

 

 

 


MEC homologa curso de Medicina na Unijuí

                 

Após intensa luta em conjunto com a comunidade regional, nesta quarta-feira, dia 26 de dezembro, foi publicado no Diário Oficial, Portaria 905 de 24 de dezembro de 2018, autorizando o curso de Medicina na Unijuí, com 50 vagas. Agora a Universidade vai realizar os ajustes finais para a realização do Vestibular, que tem previsão para dia 24 de fevereiro de 2019.

Neste primeiro processo seletivo serão ofertadas 30 vagas. O projeto pedagógico do curso é fruto de um coletivo de professores e uma demanda da comunidade regional, envolvendo principalmente a Prefeitura de Ijuí e seu sistema de atenção básica, os hospitais de Caridade e Bom Pastor de Ijuí e Hospital de Panambi. Ele está alinhado à política do Sistema Único de Saúde, sendo que o acadêmico começará a estabelecer relação com os cenários de prática, já nos primeiros semestres do curso. 

A Reitora da Unijuí, professora Cátia Maria Nehring, comemora o resultado. “A Portaria de autorização publicada fecha um ciclo de muita luta de toda comunidade de Ijuí e da Unijuí ”.

A homologação e autorização para realização do Vestibular ocorreu após visita in loco de equipe do Ministério. Na visita, realizada nos dias 10 e 11 de dezembro, foram visitadas estruturas da Rede de Atenção Básica do Município, estrutura hospitalar, biblioteca, estruturas laboratoriais, além de diversas reuniões com as instituições e o poder público, que estão envolvidos na implantação do curso em Ijuí e região.

No dia 18 de dezembro, o MEC já havia divulgado o relatório gerado após a visita. O parecer recebido pela Unijuí envolve seis itens avaliados especificamente em relação à Instituição: o Projeto Pedagógico do Curso; o Plano de Formação e Desenvolvimento da Docência em Saúde; a infraestrutura da Instituição; o processo dos Programas de Residência que o Curso precisa oferecer; o Plano de Contrapartida da estrutura de serviços e ações e programas de saúde, vinculadas ao Sistema Único de Saúde (SUS); e a oferta de bolsas aos alunos. Esses seis itens avaliados possuem diferentes quesitos, que também são analisados, e a partir disso, foi constituído esse parecer. O parecer pode ter três processos de avaliação: “não atende”, “atende parcialmente” e “atende satisfatoriamente”. Nos seis itens avaliados, a Unijuí teve como resultado “atende satisfatoriamente”. 

A trajetória do curso na região

Em 1992 a Universidade já liderava movimento para implantar o curso de medicina na região Noroeste. Inclusive, houve a realização de vestibular, com lista dos aprovados divulgada e que foi anulada pela justiça, a pedido do Conselho Federal de Medicina. Em 2012 a Unijuí liderou movimento que criou o Comitê Comunitário Pró-Curso de Medicina em Ijuí, em conjunto com diversas entidades locais e políticos da bancada gaúcha. Após Ijuí e posteriormente a Universidade estarem habilitadas, em 2015, um revés marcou a busca pelo curso, posteriormente revertido com a desistência da Instituição de outro estado que buscava se estabelecer em Ijuí. Um novo edital foi criado pelo MEC e novamente a Unijuí se habilitou, desta vez com sucesso.

Desta forma, nos últimos anos o trabalho foi intenso, envolvendo a Unijuí, entidades e lideranças da região. “É um momento de agradecer a todos que se empenharam nesta luta e conquista. Agora Ijuí e região, a partir da Unijuí, tem o curso de Medicina. Iniciamos um novo ciclo de implantação do curso, com o trabalho muito próximo com a rede pública e os hospitais de nossa região."