COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Medicina Veterinária (Bacharelado)

Hospital Veterinário da Unijuí completa seis anos de funcionamento

Com a função de desenvolver atividades de ensino no curso de Medicina Veterinária da Unijuí e prestação de serviços à comunidade, era inaugurado, em abril de 2013, o Hospital Veterinário da Unijuí. Em 2019, o Hospital completa seis anos de funcionamento.

Atualmente, a equipe do Hospital Veterinário é formada por médicos veterinários especializados, médicos veterinários aprimorandos, professores, técnicos, estagiários e demais funcionários, os quais são fundamentais para manter o nível de excelência dos serviços oferecidos.

O Hospital conta com atendimentos clínicos, cirurgias e serviços de laboratórios, como o de diagnóstico por imagem, microbiologia, histopatologia, análises clínicas e parasitológicas, tanto de pacientes internos, como externos.

Nesse ano de 2019 o Hospital Veterinário passou a oferecer o serviço de endoscopia e, em breve, passará a oferecer radiografias digitalizadas com o intuito de aperfeiçoar, ainda mais, os diagnósticos e tratamentos realizados.


Conheça o Programa de Aprimoramento Integrado em Medicina Veterinária da Unijuí

                

A Unijuí passou a ofertar, neste primeiro semestre de 2019, uma novidade na área da Medicina Veterinária. Com a proposta de oferecer treinamento profissional intensivo, o Programa de Aprimoramento Integrado em Medicina Veterinária deu início às atividades no dia 07 de março.

A formação tem o propósito de conceber e desenvolver, em ambientes ambulatoriais, laboratoriais e cirúrgicos, estudos em relação às diversas condições patológicas que acometem os animais, além de aperfeiçoar os métodos de diagnóstico veterinário e contribuir para o tratamento mais eficaz, por parte dos proprietários.

Tem como objetivo também treinar e aprimorar a formação de médicos veterinários para o exercício da profissão, aliado a um aprofundamento na formação acadêmica. Também complementar o processo de formação para melhor elaboração de diagnósticos, condutas terapêuticas, técnicas anestésicas, controle e profilaxia de doenças que acometem os animais, participando ativamente na melhoria da qualidade de vida dos pacientes.

Desta forma, contribui com a manutenção da saúde pública e a promoção do desenvolvimento socioeconômico e tecnológico da região. Os aprimorandos, além das atividades práticas da rotina, irão participar de disciplinas que englobam Metodologia de Pesquisa, Saúde Pública e Zoonoses, Seminários, além da elaboração de um Trabalho de Conclusão.

Segundo a coordenadora do Programa, professora Cristiane Beck, os médicos veterinários do Programa estão se aprimorando sob a forma de serviço supervisionado, objetivando capacitar o Médico Veterinário dentro de sua área de atuação como clínica médica, clínica cirúrgica, anestesiologia e diagnóstico por imagem. “Um grande diferencial é o trabalho em equipe. Acrescenta-se que o médico veterinário aprimorando é visto como um exemplo a ser seguido pelos alunos da graduação e serve como um forte estímulo ao melhor desempenho acadêmico”.

Com o Programa de Aprimoramento foi possível aumentar o número de vagas para atendimentos e cirurgias acadêmicas, que o Hospital Veterinário oferece desde final de 2017 e que possuem menor custo.


Estudantes de Medicina Veterinária acompanham suinocultura do IRDeR

No inicio de 2018, foram adquiridas 21 leitoas Agroceres, com alta eficiência reprodutiva, melhorando os índices zootécnicos da Unidade Produtora de Leitões (UPL), principalmente no que se refere ao numero de leitões/parto e valor genético. Desta forma, o IRDeR produzirá leitões com genética de ponta, melhor qualidade de carcaça e sanidade, atendendo a demanda regional de produtores familiares.

A renovação do plantel de matrizes suínas e a implantação do uso de inseminação artificial, abriram portas para os estudantes do curso de Medicina Veterinária da Unijuí realizarem estágios no local, acompanhando os manejos reprodutivo e sanitário, além de práticas zootécnicas, e na manutenção do bem-estar sob supervisão do responsável pelo Setor e do Médico Veterinário.

Neste novo cenário na UPL, os estudantes participam ativamente da rotina, acompanhando os nascimentos de leitões, os procedimentos de inseminação artificial, as práticas zootécnicas, que proporcionam a troca de experiências, agregando à formação acadêmica e a aplicação do aprendizado teórico-prático, enriquecendo os estudantes na vida acadêmica e pessoal.

 

 


Outubro Rosa Pet: triagem identifica câncer de mama em pets

 

A prevenção do câncer de mama em cães e gatos é tão importante quanto em mulheres. Essa é a doença que causa mais mortes entre as fêmeas das duas espécies. O Hospital Veterinário da Unijuí realiza durante este mês de outubro a campanha Outubro Rosa Pet, com exames preventivos gratuitos.

De acordo com a professora Cristiane Teichmann, diretora clínica do Hospital Veterinário, durante o mês de outubro será feita uma triagem com os pequenos animais para verificar a presença ou não de alguma alteração nas mamas.

Nessa triagem, os estudantes do curso de Medicina Veterinária da Unijuí realizam o ‘toque amigo’, que identifica alguma anomalia nas mamas. O procedimento será ensinando aos proprietários dos animais.

Segundo Cristiane, o principal objetivo da campanha é a prevenção. “Essa campanha busca justamente alertar para a importância da prevenção”, comenta. A triagem é gratuita e a comunidade poderá procurar o Hospital Veterinário durante o horário de funcionamento: segunda a sexta-feira das 8h às 19h e aos sábados das 8h às 16h. Mais informações pelo telefone: (55) 3332-0653.


Hospital Veterinário promoveu a palestra “Câncer em cães: Aspectos Epidemiológicos em 50 anos de diagnósticos”

              

O Centro de Eventos da Unijuí recebeu, nesta terça-feira, 18, a palestra “Câncer em cães: Aspectos Epidemiológicos em 50 anos de diagnósticos”, ministrada pela Drª Mariana Martins Flores.

Uma realização do Hospital Veterinário da Unijuí, Unijuí e Agener União Saúde Animal, a palestra tratou sobre aspectos epidemiológicos do câncer. A palestrante compartilhou com o público sobre a sua pesquisa de doutoramento, que tratou sobre os 50 anos de diagnósticos do câncer em cães, realizada na State University, na Louisiana, Estados Unidos. “Foram quatro anos de pesquisas em bases de dados. Analisei laudos antigos, de 1964 até 2013. Um dos principais resultados da pesquisa foi perceber que o câncer realmente está se tornando mais comum em cães”, observa.

Mariana também observa sobre a importância de tratar o tema, que é atual. “Viso conscientizar os alunos para a prevenção de câncer em cães. Por exemplo, o mamário: é possível prevenir 100% desse tipo de câncer se os animais forem castrados precocemente. Conhecê-los pode facilitar o diagnóstico de doenças neoplásicas na clínica e contribuir para estudos que permitam determinar a causa de alguns tumores: quão comum é o câncer em cães da região? O câncer está se tornando mais comum? Quais os cânceres mais comuns em cães? Quais as raças, idades e gênero mais afetados?", complementa.

A palestrante possui Graduação (2011) em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), mestrado (2013) e doutorado (2016) em Medicina Veterinária com ênfase em Patologia Veterinária pela UFSM. Realizou parte do doutorado na Louisiana State University, Baton Rouge, Louisiana, Estados Unidos (2015). Atualmente, é professora adjunta lotada no Departamento de Patologia Veterinária da UFSM. Ministra aulas em disciplinas de graduação e pós-graduação do curso de Medicina Veterinária. Membro permanente do Programa de Pós-Graduação em Medicina Veterinária (PPGMV) (conceito CAPES 7) desde 2017.


Palestra tratará sobre câncer em cães

                 

O Centro de Eventos da Unijuí recebe, nesta terça-feira, 18, às 19h30min, a palestra “Câncer em cães: Aspectos Epidemiológicos em 50 anos de diagnósticos”, que será ministrada pela Drª Mariana Martins Flores.

De acordo com Mariana, a palestra tratará sobre aspectos epidemiológicos do câncer.  "Conhecê-los pode facilitar o diagnóstico de doenças neoplásicas na clínica e contribuir para estudos que permitam determinar a causa de alguns tumores. Dentre os tópicos discutidos, estão: o quão comum é o câncer em cães da região? O câncer está se tornando mais comum? Quais os cânceres mais comuns em cães? Quais as raças, idades e gênero mais afetados?", comenta. 

O evento é destinado aos médicos veterinários e estudantes do curso de Medicina Veterinária. As inscrições poderão ser feitas pelo 55 3332 0653 ou pelo e-mail: hospitalveterinario@unijui.edu.br. A palestra é uma realização do Hospital Veterinário da Unijuí, Unijuí e Agener União Saúde Animal.