COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Institucional

Mestrado Profissional em Educação Física na Unijuí e em Rede Nacional


 

A Unijuí, por intermédio do Curso de Educação Física e do Departamento de Humanidades e Educação e, nele, do Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências, inicia nova oferta de Mestrado Profissional em Rede conjuntamente com a UNESP - SP. No último dia 13 de abril de 2018 ocorreu em caráter nacional, via plataforma digital on-line, a aula inaugural do Mestrado.

O Mestrado Profissional em Educação Física em Rede Nacional (PROEF) visa o aperfeiçoamento de professores de Educação Física, prioritariamente em exercício da docência no Ensino Infantil, Fundamental e Médio na rede pública de ensino, com o intuito de contribuir para a melhoria da qualidade da educação no país.

O referido curso será ofertado de forma semipresencial com oferta de forma simultânea nacional, no âmbito do Sistema de Universidade Aberta do Brasil (UAB), conduzindo ao título de mestre em Educação Física. No total do programa serão 13 Polos Universitários que farão a oferta do mestrado profissional em onze universidades brasileiras (Unesp, Unijuí, UFMT, UFPE, UFG, UFScar, UEM, UFRN, UnB, UFES, UFMG).

A Unijuí e a UEM são as duas únicas universidades da região sul cadastradas para o referido projeto, sendo que a Unijuí é a única com caráter público não estatal. A oferta deste mestrado profissional é resultado de um esforço institucional da Unijuí que objetiva contribuir para o desenvolvimento regional a partir de suas práticas formativas e de pesquisa. Se articula com a caminhada histórica do Curso de Educação Física da Unijuí na Comunidade Regional, que por meio de seus professores e pesquisadores, procuram ampliar e qualificar a oferta da Educação Física na educação básica.

 Os professores/as: Dr. Fernando Jaime Gonzalez, Drª Maria Simone Vione Schwengber, Drº. Paulo Evaldo Fensterseifer, Drº Paulo Carlan e Dr. Sidinei Pithan da Silva, irão constituir o corpo docente que irá assumir e conduzir a proposta na Unijuí. Os professores são membros do Grupo de Pesquisa Paidotribas e da REIIPEFE (Rede Internacional de Investigação Pedagógica em Educação Física Escolar), além de atuarem no Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências - Unijuí.

Nesta primeira turma a Unijuí contará com 12 estudantes / professores pesquisadores que atuam na educação básica. As aulas presenciais ocorrerão no Campus da Unijuí e, para a primeira turma, funcionarão de acordo com o calendário previsto pela Unesp e pela organização interna do Curso na Unijuí entre março de 2018 e junho de 2019.

A primeira aula presencial será realizada nos dias 27 e 28 de Abril. A secretaria do Curso funcionará junto ao programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências – Unijuí /RS. Os estudantes e demais interessados podem saber mais informações pelo telefone, (55) 3332 0455, ou e-mail – poseduca@unijui.edu.br, com a secretária Carmen Antunes, ou com o professor coordenador do polo, Sidinei Pithan da Silva, pelo e-mail sidinei.pithan@unijui.edu.br ou fone 996769983.


UNIJUÍ participa de reunião com diretores de escolas organizada pela 17ª CRE

A 17ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE) realizou na tarde de hoje, quinta-feira (19), reunião com diretores das escolas da área de abrangência, no auditório Central da UNIJUÍ Campus Santa Rosa. Na oportunidade a Universidade teve espaço para explanar os diferentes projetos que vem desenvolvendo para as Escolas de Ensino Médio da região.

A Coordenadoria de Marketing da UNIJUÍ esteve representada pelo Técnico Administrativo, Éder Ocimar Schuinsekel, que ressaltou a importância da participação da Universidade para o desenvolvimento das escolas na região, destacando a relevância dos projetos: Palestra nas Escolas, Bate-papo com os estudantes e Profissional do Futuro.

Os diretores também conheceram um pouco mais dos projetos coordenados pelo professor Mauro Fonseca Rodrigues, do curso de Engenharia Elétrica. De acordo com o professor Mauro, são projetos que irão somar ainda mais a teoria de sala de aula com a prática, por meio da Exposição interativa de experimentos de Física, “Física para Todos” e as “Oficinas de Robótica”, que contemplarão atividades práticas envolvendo, eletrônica, robótica e computação.

As escolas interessadas em conhecerem e se desejarem solicitar algum projeto para a comunidade escolar, poderão contatar pelo fone (55) 3511-5200 ou pelo email estude@unijui.edu.br


Panambi: Desafio Empreendedor procura soluções ambientais

Edição do Desafio, que acontece no campus Panambi, encerra no dia 5 de maio

                

No último sábado, dia 14 de abril, foi dada a largada para o Desafio Empreendedor no campus Panambi. O evento, que segue até dia 5 de maio, busca contribuir com a disseminação da cultura empreendedora na Universidade, apresentando possíveis soluções de mercado para problemas identificados conforme a temática, agregando valor para a instituição e gerando novos negócios.

Essa edição do Desafio é focada nos processos ou máquinas e equipamentos aplicáveis em soluções ambientais, com conteúdo a partir da metodologia própria da incubadora em desenvolvimento e modelagem de negócios e soluções, baseada nos conceitos Business Model Canvas, Design Thinking, Mapeamento de Problemas e Pitch de Negócios e Soluções.

Na abertura do evento, o Pró-Reitor do Campus, Nelson Thesing, fez uma fala de boas-vindas, destacando a importância da atividade que visa colocar os estudantes em contato com empreendedores e metodologias usadas em negócios. A a consultora Leonice Parnoff, por sua vez, realizou a dinâmica de formação dos times, na sequência o diretor da Químea Soluções Ambientais, Marçal Paim da Rocha, falou sobre Empreendedorismo Sustentável, evidenciando que é possível ter um modelo de negócios que gere lucro sem prejudicar ou degradar o meio ambiente. A empresa Químea tem 15 anos de atuação na área, com sede em Santa Maria e já possui sete franquias. Por fim, o Sócio-proprietário da Optimize Tecnologia em Gestão para Resultados de Alta Performance, Claudio Rodrigo Fraga, realizou a oficina de Canvas de Valor e Canvas do Modelo de Negócio.

Foram constituídas três equipes e, após o repasse da metodologia, foram realizadas as atividades em grupo sob a orientação dos facilitadores, consultores e professores ligados ao curso de engenharia mecânica do campus Panambi. Até o dia 04 de maio as equipes contam com o apoio do Laboratório de Gestão, da Incubadora e dos professores da Universidade para validar e fazer as adequações necessárias no projeto desenvolvido. As atividades serão retomadas no dia 5 de maio, às 8h30, com café da manhã, oficina “Desenvolvendo um Pitch de Sucesso”, com o proprietário da The Best Life Coaching e Mentoring Empresarial, Christian Fontes Bezerra, entrega e apresentação do Pitch para banca avaliadora e anúncio e entrega da premiação aos vencedores.

O prêmio para o primeiro lugar é uma vaga de pré-incubação externa na Incubadora de Empresas de Inovação tecnológica da UNIJUÍ - Criatec Campus Panambi, troféu e 40 horas de consultoria para elaboração de projetos para captação de recursos em editais de fomento. O segundo lugar também ganha uma vaga de pré-incubação externa e troféu; e o terceiro lugar ganha o troféu. A edição do Desafio Empreendedor no Campus Panambi tem como realizadores AGIT, CRIATEC, DECEENG, DACEC e apoio do SEBRAE e UNIJUÍ.

 Por Giuli Ana Izolan, estudante de Jornalismo.  


Representantes da UNIJUÍ participam de Encontro do PAIUNG

A UNIJUÍ esteve representada no Encontro do Programa de Avaliação Institucional das Universidades Comunitárias Gaúchas – PAIUNG, que aconteceu no dia 18 de abril, na UPF, em Passo Fundo, pela coordenadora da CPA, Magna Dalla Rosa e a Procuradora Institucional, Cristiane Villa. O objetivo do evento foi promover estudo e discussões das novas legislações que regulamentam a Educação Superior do Brasil.

Integram o PAIUNG representantes de 15 instituições que compõem o Programa de Avaliação Institucional das Universidades Integrantes do Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Paiung/Comung). 

Na ocasião, o coordenador e vice-coordenadora (gestão 2016-2017) do PAIUNG, Charles Ricardo Alves, da UNISC e Magna Dalla Rosa, da UNIJUÍ empossaram os professores Fabiano Chiesa, da UPF e Denizar Melo, da PUCRS como coordenador e vice-coordenador, respectivamente, do Programa para a condução das atividades por dois anos.

Na sequência, a professora Daniela Araújo, Coordenadora da Divisão de Graduação da UPF, falou sobre as Perspectivas dos Novos Instrumentos de Avaliação dos Cursos de Graduação, com ênfase no Instrumento de Reconhecimento e Renovação de Reconhecimento de cursos de graduação.

No debate evidenciou-se a necessidade de estudo detalhado destas novas regulamentações, uma vez que irão demandar revisão de processos, instrumentos e dinâmicas de trabalho. O grupo do PAIUNG, fórum de debate das comunitárias gaúchas, definiu um cronograma de eventos, no ano de 2018, para o aprofundamento desta pauta.

Segundo Magna, a reunião foi positiva e o desafio que se impõe ao PAIUNG é o desenvolvimento de ações conjuntas entre as IES comunitárias gaúchas para estudos que auxiliem as IES na compreensão e implementação de ações que busquem alinhar o planejamento, a execução e a avaliação de forma cíclica nas IES, visando à excelência acadêmica. 


"O sangue dos nossos antepassados permanece em cada um de nós"

(foto: Dartanhan Baldez Figueiredo)

“Meu nome é Leda Peni Sales, sou Índia do povo Kaingang, povo de luta, povo guerreiro. Etnia de mulheres fortes, que não se rendem! Tenho muita gratidão por ter essa vida repleta de oportunidades, encontros e significados. O sangue dos nossos antepassados permanece em cada um de nós, lutaremos sempre contra toda violência e racismo sofridos pelos povos, comunidades e lideranças indígenas. Nossas marcas são eternas, elas vivem em nossos artesanatos, em nossos rituais sagrados, em cada criança que nasce. Estão tatuadas em nossa alma e em nosso corpo. TERRA LIVRE, POVOS LIVRES!”

Leda se formou pela Unijuí e atualmente é nutricionista na Secretaria Especial de Saúde Indígena – Sesai. Ela é índia, assim como outros 896,9 mil brasileiros, de acordo com o último censo, realizado em 2010. Apesar do número ser baixo em comparação à população total do Brasil, 207,7 milhões em 2016, os povos indígenas já foram maioria.

Muito do que se conhece da cultura do país foi herdada dos povos indígenas. As marcas, a que se refere Leda, estão enraizadas na identidade do Brasil e do mundo. Seja em nomes (Ijuí é um nome indígena e significa rio das águas grandes. Antigamente grafado como Ijuhy), seja pelo gosto de cantar e dançar.

O dia 19 de abril foi escolhido como data para se comemorar a cultura indígena em homenagem ao Primeiro Congresso Indigenista Interamericano, que aconteceu em 1940. O objetivo do congresso era reunir os líderes indígenas das diferentes regiões do continente e zelar pelos seus direitos.

Por falar em direitos, Joceli Sales, estudante do Curso de História da UFSM, descreve o momento atual como tempos difíceis. “Vivemos tempos difíceis para os povos indígenas. Mesmo que se pense no dia 19 como dia festivo, se pensarmos a conjuntura atual, não há razão para ter dia do índio, até porque hoje temos mais 180 projetos de lei na Câmara dos Deputados que visam retirar direito dos povos originários. Mas como nossos antepassados lutaram e defenderam o direito que temos hoje, é dever nosso continuar lutando."


Interop X reunirá profissionais da Microsoft e Dell na Unijuí

A Unijuí recebe no dia 05 de maio o Interop X. O evento, em sua décima edição, tem o objetivo de disseminar novas tecnologias para profissionais de TI, sejam eles desenvolvedores de software, administradores de infraestrutura, estudantes e entusiastas. Na programação do evento se destacam palestras de diretores da Microsoft, Dell e do desenvolvedor do Windows Server.

André Ruschel, organizador do evento em Ijuí, acredita que o momento pode ser uma ótima oportunidade para os participantes. “Vamos ter palestras simultâneas acontecendo e falando sobre tecnologia desruptiva, que seria essa transformação digital, o profissional 4.0 e o que isso muda no mundo hoje. Vai ter também a palestra “O que um desenvolvedor de soft faz na Dell”. Então, a Dell está vindo para a Unijuí simplesmente para contratar pessoas”, salienta André.

O foco do evento é a interoperabilidade, tirando proveito de tecnologias Microsoft e Open Source.​ A interoperabilidade é a capacidade de um sistema (informatizado ou não) de se comunicar de forma transparente (ou o mais próximo disso) com outro sistema. André deu um exemplo. “Você está usando um Iphone interagindo com um protocolo proprietário da Microsoft ou, por exemplo, você está usando um Android e muitos protocolos que estão operando dentro do Android têm direitos autorais de outras grandes companhias. Isso se chama interoperabilidade”, explicou André.

As inscrições para o evento podem ser feitas no site http://www.interopx.com.br/. No link também está disponível a programação completa do evento.

 

 

 

 

 


UNIJUÍ leva delegação de professores e técnicos ao Seminário do COMUNG

Chefes de Departamento, Gerentes de Coordenadorias e Assessorias da Reitoria da UNIJUÍ participaram, no dia 12 de abril, do Seminário “O Ensino Superior: a Nova Economia e Nova Educação”, no Campus Porto Alegre da Unisinos. O Evento foi promovido pela CM Consultoria com a parceria do COMUNG e levou representantes de 14 das 15 Instituições de Ensino Superior que integram o Consórcio, constituindo uma assistência de cerca de 100 pessoas.

 

O Seminário teve o objetivo de apresentar e discutir com as IES comunitárias tendências inovadoras de educação no cenário da nova economia a partir de temas como o “cenário econômico e social”, o  “cenário tecnológico”, o “cenário do Ensino Superior”, “a nova economia”, “a nova educação” e “trade-offs para vencer em um mundo com mudanças disruptivas”.  Os palestrantes foram os professores e consultores Carlos A. Monteiro e Lígia Pimenta.

 

 


Assessora de Relações Internacionais da Unijuí realizou treinamento na Polônia

                  

Na última semana a Assessora de Relações Internacionais da Unijuí, Vanderléia de Andrade Haiski, participou de um treinamento na área de relações internacionais na Universidade Maria-Curie Sklodowska – UMCS, localizada na cidade de Lublin, Polônia, como parte do Programa Erasmus + Key Action 107. O Programa Erasmus é um programa europeu fundado em 1987, que tem como objetivo encorajar e apoiar a mobilidade acadêmica de estudantes, pessoal administrativo e professores do ensino superior, dentro da União Europeia. Há algum tempo, esse programa está abrindo suas portas também para instituições de países fora da União Europeia. Para esse treinamento na área de relações internacionais, além da Unijuí, foram convidados representantes de Universidades parceiras da UMCS da Georgia, Ucrânia, Rússia, Moldávia e Taiwan.

As atividades na UMCS incluíram reuniões com a diretoria de relações internacionais e com o Vice-Reitor de Pesquisa e Cooperação Internacional, reuniões com o departamento de humanidades para tratar de possíveis novas ações de cooperação, palestras sobre o Sistema de Bologna e de créditos europeus, apresentações de exemplos de ações de internacionalização e do funcionamento do setor de relações internacionais da UMCS, além de discussões sobre as perspectivas do Programa Erasmus. Também foram desenvolvidas atividades culturais para apresentar aos participantes um pouco da história e da cultura polonesa.

A Unijuí tem cooperação com a UMCS há mais de 10 anos. A UMCS é a maior instituição de ensino superior do leste da Polônia, com mais de 21.000 alunos. No ano de 2017 a UMCS foi classificada pela Fundação de Educação Polonesa como a Universidade mais internacional da Polônia. Atualmente ela conta com mais de 1.600 estudantes internacionais e 181 acordos de cooperação com universidades parceiras de todo o mundo. A UMCS e a Unijuí têm diversos cursos em comum, nos quais os alunos da Unijuí podem cursar um ou dois semestres, como Biologia, Química, Economia, Ciências Contábeis, Ciência da Computação, Direito, Administração, Letras Português e Inglês, Comunicação Social, Matemática, Psicologia, entre outros, com disciplinas ministradas em língua inglesa. Nesse semestre, três estudantes da Unijuí participam de intercâmbio na UMCS: Amanda Neumann, do curso de Engenharia Química, e Daiara Steiernagel e Rafael Zimmermann, ambos do curso de Direito.


Redes de Cooperação participa de reunião para a renovação de convênio com o Governo Estadual

Na quinta-feira, dia 12 de abril, estiveram reunidos no gabinete do Secretário do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Evandro Fontana, em Porto Alegre, integrantes do Programa Redes de Cooperação/UNIJUÍ; o gerente da AGIT, Luis Juliani, a supervisora do Programa Flávia Fagundes Ferrazza e a consultora Sandra Puhl dos Santos. Juntamente com o vice-presidente da AMUPLAM e prefeito de Ajuricaba, Ivan Chagas, além dos gestores das Redes Integrar e Inova Noroeste.

Durante a reunião, a comitiva esteve acompanhada pelo Diretor de Apoio à Microempresa e Empresa de Pequeno Porte Fabrício Renner e pela técnica Elci Aguirre.

O grupo esteve solicitando a continuidade das ações do Programa Redes de Cooperação por meio da renovação do Convênio nº 004/2016/UNIJUÍ/SDECT, considerando que o mesmo está previsto para encerrar em 01 de junho. Na oportunidade foi entregue um abaixo assinado ao Secretário Fontana, com mais de 100 assinaturas. Manifestaram apoio os onze prefeitos da região Noroeste Colonial, gestores e associados das redes em acompanhamento.

O programa Redes de Cooperação está em operação há mais de 15 anos e tem como objetivo fomentar a cooperação entre empresas, gerar um ambiente estimulador ao empreendedorismo e disponibilizar suporte técnico necessário à formação, consolidação e desenvolvimento das redes.

Desde o início do programa no ano de 2000, nos projetos coordenados pela UNIJUI, já foram constituídas mais de 70 redes, envolvendo mais de 1.300 empresas, nas Regiões Alto Jacuí, Fronteira Noroeste, Missões, Planalto Médio e Noroeste Colonial.

Durante o ano de 2017, foi realizado uma pesquisa de avaliação de resultados para identificar a atual situação das Redes acompanhadas pela equipe do Programa. Dentre as muitas dificuldades apontadas pelos empresários, remetem-se justamente a descontinuidade sofrida pelo Programa em alguns períodos, causando enfraquecimento nas atividades das Redes e desmotivando os associados a seguir com o planejamento inicial. Evidenciando o papel do consultor, que além de organizar as atividades da Rede e aplicar as ações previstas na metodologia, também contribui para a motivação dos associados, atuando como um elemento propulsor nestas organizações.

De acordo com Fontana, é preciso mobilizar as diferentes comunidades no sentido de incluir o programa Redes de Cooperação como meta prioritária para a região na Consulta Popular, que será realizada em junho de 2018. Essa seria uma das medidas capaz de aportar liberação de recursos para garantir a continuidade das ações do programa no ano de 2019.

Os gestores das redes que estiveram acompanhando a reunião, assim como o prefeito Ivan Chagas, reafirmaram em suas falas a importância da continuação do programa Redes de Cooperação para o desenvolvimento da região, contribuindo para a geração de emprego, renda e tributos aos municípios.

O Secretário Fontana destacou a importância da expertise e da inovação, aportada pela UNIJUI para o desenvolvimento de iniciativas de micro e pequenas empresas na região e afirmou que nos próximos dias será realizado um estudo orçamentário pela SDECT visando a possibilidade da renovação do Convênio para o segundo semestre de 2018.


Maquetes marcam o lançamento das jornadas de pesquisa da EFA

Na manhã do último sábado, 14 de abril, a comunidade escolar lotou o ginásio de esportes da EFA para o lançamento da jornada de pesquisa 2018

Neste ano a temática da jornada está voltada para a história dos 50 anos da EFA, e tem a frente de sua organização a direção da escola e os professores das ciências humanas , Gilmar Walker, Sandra Nunes Rosa, Gian Ruschel e Josei Pereira.

Os alunos desde a educação infantil ao ensino médio, durante os dois últimos meses foram instigados a realizar a pesquisa sobre a história da EFA, Construir com alunos e famílias leituras atemporais e subjetivas sobre a constituição do espaço da escola, sobre o tema: O que é a EFA para mim? Como eu descreveria o espaço físico da escola?  A partir da pesquisa e debate entre as turmas, foi proposta a construção de maquetes, as quais representaram diversos espaços da escola, que traduzem o significado da EFA para cada turma, os estudantes forma desafiados a construir suas maquetes com o maior número de detalhes possível (cores, tamanho, cheiros, texturas, etc...) salientando aqueles espaços que mais lhes agradam, onde mais gostam de estar, e justifique sua razão através da produção textual individual.

O evento contou com a presença da Reitora da UNIJUÍ, professora Catia Nehring, que em sua fala parabenizou a escola pelo belo trabalho realizado reafirmando a importância da EFA para a instituição FIDENE na formação de pessoas. O secretário de Educação do Município de Ijuí, Eleandro Lizot, comentou sobre a importância da participação e envolvimento da família com a escola, lembrando que a história é construída pelos sujeitos que por aqui passaram e que a partir desse momento, se começa a projetar os próximos 50 anos da EFA, uma escola tão importante para o município de Ijuí.

Após a abertura do evento, que contou também com a apresentação da orquestra estudantil da EFA, os trabalhos foram avaliados por professores da escola e pelo docente de arquitetura da UNIJUÍ, Igor Soares, o qual foi um dos grandes parceiros para realização de todas etapas do projeto das maquetes.

A diretora da EFA, professora Maria do Carmo Pilissão avalia o evento como um momento singular de  aprendizagem e envolvimento de toda a comunidade escolar, pois a  Jornada de  Pesquisa dos jubileu da EFA, lançada  com a materialização dos espaços escolares foi riquíssima nos detalhes, em reconhecimento,  sentimentos e emoções retratadas nas maquetes apresentadas pelas turmas, salientando a grande contribuição das famílias junto aos turmas de seus filhos.