COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Projeto de Extensão Prematuros discute o tema em live alusiva ao dia mundial da prematuridade

Para marcar o dia mundial da prematuridade (17 de novembro), o Projeto de Extensão Prematuros, desenvolvido na Unijuí, realizou uma live no Instagram falando sobre o tema. A conversa foi realizada pela professora Simone Strassburguer, coordenadora e a integrante do projeto, professora Amanda Schöffel Sehn. Confira na íntegra clicando neste link.

         

Mais sobre o Projeto

No Brasil, aproximadamente 360 mil bebês nascem prematuros por ano, o que representa 12% do total de nascidos vivos, segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria. A prematuridade, isto é, quando o parto ocorre antes da gestação completar 37 semanas, é considerada uma das principais causas de morte em crianças brasileiras nos primeiros cinco anos de vida (RBE, 2017). 

Em Ijuí, o percentual de nascimentos prematuros é o mesmo da média nacional. Com o intuito de educar a população sobre o assunto, o “Projeto Prematuros: prevenção, apoio e cuidado” reúne estudantes e professores da Unijuí no desenvolvimento de um trabalho multidisciplinar, englobando os cursos de Fisioterapia, Nutrição, Enfermagem e Psicologia.

O projeto de extensão iniciou as atividades em 2020 e terá atuação nos próximos dois anos no município, por meio de parcerias com a Secretaria Municipal de Saúde e o Comitê Municipal de Prevenção ao Óbito Materno, Infantil e Fetal. Devido ao período de isolamento, a equipe está na etapa de confecção dos materiais didáticos, que futuramente serão utilizados pelos bolsistas e entregues para as famílias participantes do projeto.

Serão produzidas cartilhas, vídeos ilustrativos e demonstrativos dos principais cuidados que as famílias devem ter com o bebê e materiais com orientações gerais. Em um primeiro momento, o grupo irá atuar na Unidade Básica de Saúde do Centro de Ijuí, que, em função de seu índice populacional, é a unidade do município com maior prevalência de prematuros.

O projeto tem como objetivo incorporar, junto aos profissionais da saúde, ações e estratégias voltadas à prevenção da prematuridade, bem como atividades educativas para o cuidado do prematuro após a alta hospitalar. Além disso, irá acompanhar as famílias e o crescimento e desenvolvimento neuropsicomotor dos bebês, encaminhando-os para estimulação psicomotora quando necessário.

As ações desenvolvidas também podem ser acompanhadas pelo Facebook e Instagram do projeto, que trazem dicas de prevenção e informações à comunidade.


Compartilhe!