COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Criador de projeto fala sobre criação de conteúdo e podcasts para estudantes

Na última terça-feira, 30 de março, a disciplina de Produção Audiovisual Multimídia, ministrada pela professora Márcia Almeida, contou com a participação especial de Lucas Schuch, que é publicitário, doutorando em Comunicação pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e criador do projeto “Propaganda não é só isso aí”, abordando a temática “Do podcast à criação de conteúdo”.

Lucas conta que seu projeto de pesquisa no curso de mestrado foi baseado em traçar mapas sobre as inovações na publicidade, através do processo cartográfico. Surgiram, assim, pontos que caracterizam problemas e levantam questionamentos na indústria da publicidade. A partir disso, com o intuito de divulgar seu conhecimento e buscar por uma transformação na publicidade, o pesquisador criou a primeira frente de conteúdo do projeto, o podcast.

O podcast “Propaganda não é só isso aí” atualmente conta com cerca de 50 episódios e funciona baseado nos pontos problemas, sendo utilizados como métodos de investigação, através de discussões de projetos e soluções pertinentes com profissionais que tenham rompido e criado uma iniciativa em comunicação.

Lucas ressalta que ainda existem alguns problemas em trabalhar com podcasts, como monetizar, distribuir e entregar o conteúdo. Desta maneira, o publicitário precisou compreender em qual rede os ouvintes estavam. “Eu queria ser podcaster, só que acabou que foi inevitável. Para fazer as pessoas me escutarem, comecei a criar conteúdo, e isso trouxe mais pessoas.”

Através do Instagram, Lucas começou a criar conteúdos com gatilhos mentais, instigando os seguidores a procurar mais informações e aumentar a audiência nos podcasts. Desta forma, o publicitário criou algumas estratégias para aumentar os compartilhamentos e também um guia para a produção de conteúdo, tanto para Instagram quanto para curadoria de pessoas.

A primeira estratégia utilizada no projeto foi a chamada “Me indique um @”, um quadro que fica ao final do episódio, onde os ouvintes indicam pessoas que estão atuando na transformação da publicidade. Aumentando assim a rede de conexões, fazendo com que mais pessoas tenham acesso e possibilitando futuros entrevistados.

Lucas ressalta que no Brasil ainda não existem divulgações institucionalizadas e nem uma base de ouvintes tão grande a ponto de os podcasts se divulgarem sozinhos, pois o podcast ainda é considerado uma mídia de nicho, sendo muito complexo ganhar dinheiro. Para ele, o podcast é um meio favorável como planejamento complementar a planos de mídia, ou a causas, já que o público é mais fiel. “É muito fácil engajar pessoas em causas com o podcast."

Por Susan Pereira, acadêmica de Jornalismo


Compartilhe!