Rizoma promove bate-papo sobre a importância de conhecer outro idioma - Unijuí

COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Rizoma promove bate-papo sobre a importância de conhecer outro idioma

Um dia após a realização do Dia das Línguas Estrangeiras na Unijuí, o Rizoma Temático desta quinta-feira, 12 de maio, promoveu um bate-papo sobre as vantagens de se conhecer outra língua, através do tema “Opening doors: a importância de um segundo idioma para conquistar oportunidades". 

Foram convidados para debater a temática a assessora da Vice-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão (VRPGPE), Cláudia Didoné; a assessora de Relações Internacionais da Unijuí, Vanderléia de Andrade Haiski; e o professor do curso de Letras: Português e Inglês da Unijuí, Anderson Amaral de Oliveira.

De acordo com a assessora da VRPGPE, Cláudia Didoné, a segunda edição do Dia das Línguas Estrangeiras foi positiva e reforçou o trabalho desenvolvido pela Instituição ao longo do ano. “Tentamos levar um pouco de experiência em outras línguas para as salas de aula e, a partir dessas atividades, percebemos que os estudantes sentiram o impacto. Apesar de ter sido apenas um dia, é uma sementinha que foi plantada para todos”, comentou.

De acordo com Cláudia, a Universidade está se mobilizando para ajudar o estudante que realmente quer aprender um outro idioma. “Possuímos turmas de inglês no campus há muito tempo, com valores acessíveis. Além disso, temos uma plataforma de idiomas com licenças, também por um bom valor, e até de forma gratuita para quem deseja estudar”, acrescentou.

Vanderléia afirmou que os jovens estão buscando o intercâmbio para ter uma nova experiência acadêmica, conhecer uma outra cultura, aprender um novo idioma e aprimorar o currículo. “Eu vejo um despertar para essas novas oportunidades, que nos últimos dois anos sofreram limitações. Mas, após certa estabilização da pandemia, houve, sim, um aumento na procura por intercâmbios acadêmicos”, afirmou.

O professor Anderson acrescentou dizendo que o estudante não quer apenas ter noção de um idioma, mas quer realizar uma imersão. “Temos trabalhado com diversos projetos que estimulam essas parcerias. Um exemplo são as ETA’s (English Teaching Assistant), projeto que temos desde 2018 com professoras norte-americanas, que vem agregar na cultura e na língua norte-americana”, completou.

Gabriel R. Jaskulski, acadêmico de Jornalismo da Unijuí

Confira o Rizoma na íntegra:


Compartilhe!