COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Nutrição (Bacharelado)

Nutrição na Unijuí: estudante próximo da atuação profissional desde o primeiro módulo

Com referência nacional em ensino, o curso de Nutrição da Unijuí está com um novo formato de graduação, estruturado por um currículo dividido em módulos e competências, contando com disciplinas de Formação Pessoal e Profissional e Projetos Integradores. Esta última, por sua vez, tem por objetivo possibilitar ao estudante aplicar os conhecimentos adquiridos em sala de aula na prática com a comunidade regional. 

A partir de um tema gerador, os acadêmicos são desafiados a solucionar demandas encaminhadas pela comunidade. “O estudante já vai se inserindo no mercado de trabalho, aplicando projetos nas áreas de pesquisa, extensão, ou com a comunidade, aplicando esse projeto a partir de demandas da mesma", explica a coordenadora do curso de Nutrição da Unijuí, professora Adriane Huth, enfatizando a importância das atividades para uma formação completa que apenas uma Universidade como a Unijuí oferece.

O acadêmico de Nutrição também conta com laboratórios e equipamentos que possibilitam a experiência e a prática profissional durante seu processo formativo. Além disso, podem realizar estágios no Consultório Escola de Nutrição, Centro Especializado em Reabilitação Física, Visual e Intelectual, em hospitais, rede básica de saúde e empresas.

Com duração de quatro anos, o estudante é preparado para atuar como nutricionista nas áreas de Nutrição Social, Nutrição Clínica, Alimentação Coletiva (empresas que produzem refeições para a localidade ou entrega), além da rotulagem nutricional de alimentos, empreendedorismo e marketing em alimentação e nutrição, além de gastronomia aplicada à nutrição. O futuro nutricionista contará com um currículo flexível e completo, que oferece quatro disciplinas presenciais e uma em modelo EaD por módulo.

Para saber mais sobre o curso de Nutrição, acesse o link.

Por Krislaine Baiotto, acadêmica do curso de Jornalismo da Unijuí


Ação de conscientização marca o Dia Nacional do Diabetes

No último sábado, dia 26 de junho, transcorreu o Dia Nacional do Diabetes, data que tem o intuito de chamar a atenção para a doença e para a importância da manutenção de hábitos saudáveis.

Para marcar a data, na última segunda-feira, dia 28 de junho, a nutricionista do Centro Especializado em Reabilitação (CER III) da Unijuí, Cristiane Girotto, juntamente com a acadêmica do curso de Nutrição e estagiária no Consultório de Nutrição, Laura da Cruz, realizaram uma ação de conscientização e orientação aos pacientes da Unijuí Saúde.

Diabetes é uma doença que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), acomete aproximadamente 6,2% da população no Brasil.


Egresso de Nutrição participa de aula e orienta sobre uso de suplementos

Acadêmicos do 7º semestre do curso de Nutrição receberam nesta terça-feira, dia 4 de maio, a visita de um egresso da Unijuí, formado nos cursos de Nutrição e Publicidade e Propaganda, Guilherme Bonnes. Pós-graduando em Nutrição Esportiva, Bonnes trabalha como nutricionista clínico e compartilhou a sua experiência com o uso de suplementos alimentares na disciplina de Nutrição no Esporte, coordenada pela professora Aline Madalozzo.

Para garantir a segurança de todos neste momento de pandemia, dividimos a turma em dois momentos e convidamos dois egressos para compartilharem suas experiências de prática clínica com a utilização de suplementos. Nesta terça-feira recebemos o Guilherme Bonnes, e na próxima terça-feira, dia 11, contaremos com a presença do nutricionista Kelvin Beck. A maioria dos estudantes não tem conhecimento sobre as diferentes formas de consumo deste produto. Dificilmente um nutricionista o prescreverá apenas diluído. Sempre indicará uma receita”, explicou a docente, lembrando que, ao mesmo tempo que aprendem novas preparações, os estudantes também conhecem mais sobre o campo de atuação da Nutrição no Esporte.

Junto ao Laboratório de Nutrição, Bonnes explicou como utiliza a suplementação com seus pacientes. “Temos uma visão de que a suplementação é muito voltada para o atleta, só que há muitas pessoas utilizando, desde crianças até idosos. Para cada uma, claro, receitamos o suplemento mais adequado”, reforçou o profissional.


Aula inaugural traz discussão sobre o movimento “Comer pra quê?”

Na noite desta quinta-feira, dia 29 de abril, o curso de Nutrição da Unijuí promoveu sua aula inaugural, com transmissão pelo canal da Unijuí no Youtube. O evento, conforme destacou a coordenadora, professora Adriane Huth, acontece num ano muito especial para o curso, que comemora quatro décadas de uma trajetória de muitas conquistas. “Nos orgulhamos em ter tantos nutricionistas formados pela Unijuí atuando em diversos locais do Brasil e até no exterior”, destacou.

O curso propôs uma discussão sobre o movimento “Comer pra quê?”, a partir da fala da convidada Heloísa Silveira, que é nutricionista, pós-graduada em Fitoterapia Especializada em Saúde da Mulher e Vegetarianismo e integrante da equipe técnica do grupo.

“O movimento surgiu na busca por fugir um pouco do âmbito nutricional e levantar uma discussão acerca da temática da alimentação e seus mais diversos significativos, junto com a juventude. Ele tem o objetivo de incentivar a consciência crítica sobre a alimentação na perspectiva do direito humano à alimentação adequada e saudável”, explicou a convidada, completando que a ideia é pensar na comida para além de seus aspectos nutricionais e descobrir as dimensões ambiental, cultural, econômica, política e psicossocial da alimentação.

Criado em 2014, o movimento “Comer pra quê?” é fruto de uma parceria entre o Ministério de Desenvolvimento Social com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio) e Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Em 2019, a Universidade Federal de Lavras (Ufla) passou a fazer parte. Nesta nova etapa, a proposta é incluir a juventude rural nas ações.

Confira a aula inaugural na íntegra:


Estudantes realizam ações de combate e prevenção à hipertensão arterial

O Dia Nacional de Combate e Prevenção à Hipertensão Arterial, transcorrido nesta segunda-feira, dia 26 de abril, foi marcado por duas ações do curso de Nutrição da Unijuí.

Ontem, estudantes do Estágio em Nutrição Clínica I, do 9º semestre, desenvolveram uma ação na sala de espera da Unijuí Saúde e do Centro Especializado em Reabilitação Física, Intelectual e Visual - CER III/ Unir, direcionada aos pacientes. 

A atividade teve como objetivo refletir e discutir sobre o consumo de sódio, um dos maiores causadores de hipertensão arterial. O grupo de acadêmicos, juntamente com a professora supervisora do estágio, Karina Rios, e da nutricionista do CER, Cristiane Reips, orientou sobre algumas estratégias saudáveis para substituir a adição de sal (cloreto de sódio) nas preparações, como o uso de temperos naturais. Também demonstraram aos pacientes a possibilidade do cultivo de temperos, em pequenos potes e vasos, ou em hortas suspensas.

Além disso, durante a atividade, as estudantes aferiram a pressão arterial dos pacientes, dando orientações e encaminhamentos para aqueles que apresentaram hipertensão. Segundo a nutricionista Cristiane, dada a prevalência de pacientes hipertensos atendidos pelo CER III, atividades de educação alimentar e nutricional oportunizam aos pacientes um momento de aprendizado e reflexão sobre seus hábitos alimentares e autocuidado.

Já nesta terça-feira, dia 27, estudantes do Estágio em Saúde Coletiva, do 9º semestre, organizaram uma ação na Estratégia de Saúde da Família (ESF) 4 Herval. Usuários da unidade receberam orientações sobre o teor de sódio nos alimentos, realizaram a aferição da pressão arterial e o teste de HGT. A comunidade degustou água saborizada com frutas  - uma alternativa para aumentar a ingestão de água, e recebeu um mix de temperos secos para incentivar a redução do consumo de condimentos industrializados.

“Ações dessa natureza contribuem com o trabalho das equipes de saúde e reforçam a necessidade de levar informações à população”, explicou a professora Karina Rios, responsável por ambas as turmas de estágio.


Acadêmica leva informações nutricionais a colaboradores do Hospital Unimed Noroeste/RS

Profissionais do Hospital Unimed Noroeste/RS tiveram, na última semana, uma atividade diferenciada e realizada pela acadêmica do curso de Nutrição da Unijuí, Bruna Pereira. Um estande com informações nutricionais, voltadas principalmente a orientações sobre consumo de frutas e vegetais, foi exposto em frente ao refeitório. O objetivo da iniciativa foi sensibilizar os profissionais a adotarem uma dieta mais equilibrada e saudável em seu dia a dia.

Essa atividade faz parte do estágio curricular. A estudante organizou um cronograma de ações de Educação em Saúde, pensando não apenas na questão física, mas também psicológica. Ela tem desenvolvido iniciativas com os colaboradores do hospital e com os profissionais que atuam no Serviço de Nutrição e Dietoterapia, que é o local onde ela realiza o estágio de Gestão em Unidades de Alimentação e Nutrição”, explicou a professora e supervisora do estágio, Eilamaria Libardoni Vieira.

No Hospital Unimed Noroeste/RS, a acadêmica recebe o acompanhamento da coordenadora do Serviço de Nutrição e Dietoterapia, Juliana Muraro Witzke Bettega.