Institucional - Unijuí

COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Institucional

Unijuí e Pró-vôlei promovem o esporte há mais de 12 anos em Ijuí e região

Idealizado pelo ex-atleta da seleção brasileira de voleibol, Alex Lenz Stragliotto, em parceria com a Unijuí e o Poder Executivo Municipal, o Pró-vôlei é um projeto consolidado que busca incentivar a prática esportiva tanto na sua oficina tradicional quanto nas escolas. O Projeto está na ativa desde 2009, tendo envolvido em suas atividades milhares de jovens. 

“O Pró-vôlei, desde seu início, contou com a participação ativa da Unijuí, que ficou responsável pela execução técnica e financeira do Projeto, envolvendo diversos setores da Instituição. A Unijuí abraçou o projeto que desenvolvi. Foi na Universidade onde começou essa parceria fantástica”, conta Alex. 

Além do estímulo ao movimento corporal e novas vivências aos jovens, a Unijuí e o Pró-vôlei se comprometeram, desde o princípio, a também capacitar acadêmicos e atuantes na área de Educação Física por meio de metodologias e experiências que vêm sendo compartilhadas entre os profissionais.

Apesar dos empecilhos impostos pela pandemia de covid-19, o Projeto deu sequência às suas atividades de forma online, com os professores que integram o Pró-vôlei enviando videoaula aos alunos. “Não paramos nesse período, mas agora estamos de volta, mais presentes, podendo conversar de perto e continuar com os treinos”, afirma o coordenador.

A previsão para 2022 é retornar com as atividades junto às escolas do município, além de continuar promovendo a inclusão por meio do esporte. “O objetivo é implantar mais núcleos em escolas e em ginásios municipais, dando sequência ao nosso projeto, que tem muito potencial para contribuir com toda a sociedade”, finaliza Alex.


Semana Acadêmica de Administração e Ciências Contábeis está com inscrições abertas

Já estão abertas as inscrições para a Semana Acadêmica dos cursos de Administração e Ciências Contábeis da Unijuí, que será realizada entre os dias 10 e 12 de maio. Interessados podem acessar o endereço unijui.edu.br/eventos

A Semana Acadêmica contará com palestras e workshop, que buscam integrar os estudantes de ambos os cursos e agregar mais conhecimento em suas trajetórias acadêmicas. O evento destina-se aos acadêmicos de Administração e Ciências Contábeis, além de estudantes da área de gestão, egressos, pós-graduandos, profissionais e estudantes de outras instituições. 

Não haverá cobrança de taxa, mas os participantes são convidados a colaborar com o ingresso solidário, doando alimentos não perecíveis e produtos de higiene pessoal.

Programação

Na terça-feira, dia 10, a Semana Acadêmica será aberta com a Mesa Redonda Empreendedorismo na Gestão Pública, às 19h30. Participam o prefeito de Panambi, Daniel Hinnah, vencedor do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor na categoria Cidade Empreendedora com DNA Empreendedor; o prefeito de Ijuí, Andrei Cossetin; o prefeito de Santa Rosa, Anderson Mantei; e o prefeito de Chiapetta, Éder Poth - participantes e finalistas do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor.

Na quarta-feira, dia 11, às 19h30, ocorre a palestra Contabilidade sem fronteiras: gestão de negócios internacionais, no Centro de Eventos, a cargo de Caroline Keidann Soschinski, graduada em Ciências Contábeis pela Unijuí e mestre em Ciências Contábeis pela FURB; Fábio Aurélio Fengler, TI na empresa ISCA Tecnologias; e Roseli Cristina Kepler, supervisora contábil da Bruning. 

No mesmo horário, na sala Sala Conceito - C 6/7, será realizado o workshop Pensando Fora da Caixa com Lego Serious Play. O facilitador será Nedisson Luis Gessi, doutor em Desenvolvimento Regional e facilitador Lego® Serious Play®. A atividade é exclusiva para  acadêmicos de Administração e as vagas são limitadas. Inscrições podem ser realizadas neste link

Encerrando, no dia 12, às 19h30, no Centro de Eventos, acontece a palestra Metaverso e Inteligência Artificial e implicações na gestão. Será palestrante o professor doutor Edson Padoin, coordenador dos cursos de Ciência da Computação e Engenharia de Software da Unijuí.


Desejo de aprender cada vez mais é a motivação de estudante do EaD da Unijuí

Um dos grande diferenciais apontados à Educação a Distância (EaD) da Unijuí é a flexibilidade nos horários, o ambiente virtual interativo, de fácil aprendizado e a qualidade e atualização de materiais. Os professores altamente qualificados, são os mesmos do ensino presencial, garantindo ainda mais interação e preparação para as demandas reais do mercado de trabalho. Foram estas as características que fizeram o estudante Vinicios Franco Hoch, optar pelo Tecnólogo em Processos Gerenciais EaD, da Unijuí.

O curso estimula a atitude empreendedora, com competências tecnológicas, para gerir negócios próprios ou de terceiros, independente do segmento da empresa. Vinicios é proprietário de uma empresa de prestação de serviços, de uma franquia e ainda atua na coordenação comercial de uma rádio. “Percebo que o curso possui maleabilidade de segmento, ou seja, pode se adequar a qualquer segmento de negócio”, afirma o acadêmico do Tecnólogo em Processos Gerenciais

A rotina do estudante o fez optar pela modalidade EaD, para melhor otimização do tempo livre, com atividades que podem ser realizadas de casa, ou mesmo em intervalos menores entre atividades. “O EaD é uma forma prática e que pode se adequar a qualquer rotina pessoal ou profissional. Eu tenho muitas atividades, além de profissionais, artísticas, sou músico profissional e ainda tenho uma filha de seis anos, que precisa da minha dedicação”, explica.

Os desafios profissionais de Vinicios ainda o faz querer aprender mais. “O aprendizado constante nos oferece crescimento pessoal e, por conseguinte, profissional. Depois de formado ainda pretendo continuar estudando, além de aplicar todo o aprendizado nos negócios em que estou inserido”, finaliza o estudante.

A Unijuí conta com 14 polos EaD no Rio Grande do Sul e oferece 16 opções de cursos superiores, entre bacharelados, licenciaturas e tecnólogos, além de Pós-Graduação e Educação Profissional. A qualidade e o comprometimento da Universidade com o conhecimento científico, a inovação, projetos de pesquisa e extensão e a proximidade com o mercado de trabalho, de forma cada vez mais acessível. Acesse o site da Unijuí e saiba mais, o próximo ingresso acontece até o dia 3 de junho: https://www.unijui.edu.br/ead


Dia das Línguas Estrangeiras contará com uma série de atividades na Unijuí

No dia 11 de maio, ocorre nos campi da Unijuí a segunda edição do Dia das Línguas Estrangeiras - um evento que busca evidenciar a importância de se aprender outro idioma e que proporciona a prática de diversas línguas em situações reais, em ambientes não formais, de forma espontânea, descontraída e divertida. 

A programação inicia-se no canal da Unijuí no YouTube, com a transmissão do filme mexicano Por Magda, às 10h, seguido de debate com a diretora Carla Larrea Sanchez, organizado pelo Projeto de Extensão Cinema e Direitos Humanos. No início da tarde, às 14h, os estudantes que têm interesse em saber o passo a passo para realizar estudos mundo afora podem, também através do YouTube, acompanhar um bate-papo sobre os caminhos do intercâmbio acadêmico, promovido pelo Escritório de Relações Internacionais (ERI).

Às 18h50, ocorrem momentos culturais de forma simultânea nos campi. Na rodoviária do campus Ijuí, a apresentação ficará por conta do Coral Unijuí; no hall do campus Santa Rosa acontece uma apresentação da Orquestra Jovem; e em Três Passos, no hall de entrada do campus, a recepção dos estudantes ficará a cargo de Ellen Schwade e Milene Berghahn.

No canal da Unijuí no YouTube, às 19h30, o Programa Fulbright e a Capes transmitem a palestra Dialects and Culture in the USA East. Coast vs. West, com Krista Arellano e Nicole Bedoya, do programa English Teaching Assistant (ETA). Às 20h30, estudantes do Projeto de Extensão Acolher: Português como Língua de Acolhimento realizam a Roda de Conversa: migração, refúgio, língua e identidade, a fim de conversar sobre a língua espanhola ao redor do mundo. 

As escolas de idiomas Yazigi, CCAA, Senac, TopWay, Hey Peppers, KNN e Wizard são apoiadoras do evento e comandarão a atividade interativa “Do you speak english?”, que será realizada no campus Ijuí. O evento conta também com ações nas salas de aula, mediadas pelos professores das disciplinas.

A Rádio Unijuí FM, juntamente com o Laboratório de Ensino de Línguas da Unijuí (LELU), vai estrear a série “Dicas de músicas em inglês". Nela, os professores Lucas Prauchner e Carlos Montano irão apresentar informações, curiosidades e muitas músicas.

Para os acadêmicos que quiserem avaliar seus conhecimentos em outros idiomas estará disponível também o teste de nível linguístico. Para participar, o estudante precisa acessar o link que será enviado por e-mail. Dessa forma, já estará concorrendo a uma bolsa integral no Curso de Idiomas Unijuí - EAD - Plataforma de Estudos, com 25 opções de idiomas para estudar.

Os estudantes também podem concorrer a bolsa integral no curso de idiomas participando do Quiz Premiado. Para jogar, basta acessar o QR Code disponibilizado nos materiais de divulgação do Dia das Línguas Estrangeiras na Unijuí.

Gabriel R. Jaskulski, estagiário de Jornalismo da Unijuí


Unijuí incentiva soluções inovadoras para o agro, com o Desafio Campo Inteligente

A Universidade foi uma das patrocinadoras do Hackathon, realizado durante a Fenasoja

A Unijuí, além de ser uma das patrocinadoras oficiais da Fenasoja 2022, também está entre os patrocinadores do Desafio Campo Inteligente. O Hackathon, organizado pela Fenasoja e Exohub Mind7, foi realizado no último final de semana, nos dias 29 e 30 de abril e 1º de maio. Os problemas foram apresentados na sexta-feira e, os participantes tiveram até o domingo, às 10h, para pensarem em uma solução inovadora, para a apresentação do Pitch.

Ao todo, 10 equipes, com no máximo quatro membros, participaram e, cada uma delas, trabalhou na solução para um dos três problemas apresentados. A Unijuí, desafiou as equipes a pensarem estratégias para reduzir custos de produção da soja e do milho, pensando na compra e venda dos insumos, considerando o atual cenário político atual. A Sicredi colocou como desafio, qual o melhor arranjo produtivo para gerar os melhores resultados em pequenas propriedades rurais, com cerca de 5 hectares, nas regiões Noroeste e Missões. O terceiro problema foi proposto pelo Exohub Mind7, voltado para soluções de rastreabilidade do caminho da soja, do campo até a indústria, com o objetivo de desenvolver soluções para melhorar a elegibilidade do biodiesel no RenovaBio, gerando valor para todos os elos da cadeia.

As três primeiras colocadas receberam como premiação, R$ 5 mil, R$ 3 mil e R$ 2 mil, respectivamente. A grande vencedora foi a equipe Disruptathon Brasil, que desenvolveu um aplicativo chamado Pulperia, para logística de coleta de hortifrutigranjeiros, focado na agricultura familiar. Entre os integrantes, Sabrina Nascimento Hörz, do 9º semestre de Medicina Veterinária da Unijui. Além dela, também estão entre os vencedores, Daniel Damian, João Victor Schmitt Fantini e Jorge Cifuentes.

“O projeto beneficia o produtor, tirando de sua responsabilidade todo o processo de transporte e venda dos produtos. Nós faremos toda a logística, desde a propriedade até a casa do cliente. Além disso, a empresa contará com cashback de 5% voltado para o produtor como forma de incentivo. Fora toda a questão de venda, a plataforma contará com um espaço voltado ao produtor, onde ele receberá consultorias, modelos de programas de produção e manejo que deram certo, além de ser um um facilitador no contato do produtor com técnicos e especialistas de sua região”, explica Sabrina.

A Agrosolutions, equipe classificada em segundo lugar, trabalhou com a gestão de propriedades rurais. E a Greenway foi a equipe que conquistou o terceiro lugar, com um sistema para rastreabilidade e controle de qualidade de grãos. 

As equipes foram avaliadas por profissionais com forte relação às temáticas do desafio: Fabiane Niedermeyer, gestora de projetos do agronegócio do Sebrae; Jéssica Manjabosco, analista de planejamento estratégico da Sicredi; Paulo Miguel Nedel, engenheiro agrônomo e produtor rural; Vitor de Conti, engenheiro agrônomo e produtor rural; e Cleber Graeff, do Programa Inova RS.

Entre as equipes, também estavam empresas incubadas pela Criatec, outros estudantes e egressos da Unijuí. As atividades propostas para o Desafio Campo Inteligente também tiveram o envolvimento do coordenador do campus Santa Rosa, professor Marcos Paulo Scherer, que atua na Fenasoja como presidente da Comissão de Desenvolvimento e Tecnologia.


Programa de Residência da Unijuí prepara médicos para a comunidade local

O Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade, da Unijuí, já está em sua 16ª edição. Em 2006 teve início a primeira turma, numa parceria com a Fundação Municipal de Saúde de Santa Rosa (Fumssar), já em 2010, a Pós-Graduação foi expandida e incluiu também a prefeitura de Ijuí. O objetivo é formar profissionais para atuação no SUS, com foco nas características e problemas reais da região, desenvolver, manter e fazer história com esses profissionais, na área de atuação da Unijuí.

O médico de família e comunidade tem uma relação mais próxima com a comunidade, conhece as pessoas, os relacionamentos familiares e o contexto em que estão inseridas. Desenvolve suas atividades sem distinção de pacientes ou área médica; conhece muito mais do que somente o estado clínico de saúde, trabalha na prevenção e promoção à saúde, atua no início, na evolução e no tratamento ou reabilitação.

O coordenador do Programa de Residência, professor doutor Luís Antônio Benvegnú, explica que a especialidade médica cuida de pessoas de todas as idades, com necessidades em qualquer um dos sistemas e órgãos. “Do ponto de vista clínico, ele está preparado para resolver a maioria dos problemas, baseado nas melhores evidências científicas. Também sabe como e quando encaminhar o paciente para outro especialista, como receber de volta e continuar o acompanhamento. É o médico que não sabe apenas que doença a pessoa tem, mas sabe também quem é a pessoa que tem a doença”, afirma Benvegnú.

Nesta edição, o Programa conta com dois residentes. Luisa Cascaes dos Santos realiza sua residência junto à Fumssar e destaca a importância do atendimento humanizado, da empatia e do diálogo no diagnóstico, medicação e cura. “Pretendo abraçar a comunidade, criar a melhor relação médico-paciente possível e contribuir pela melhora da saúde das pessoas. Nestes primeiros meses de residência, já cresci muito com os conhecimentos que me foram passados pelos preceptores e colegas das unidades de saúde onde atuo. Tudo isso é fundamental para evolução que almejo como médica e pessoa”, afirma a estudante.

Já Bernardo dos Santos Zucco, realiza sua residência na Secretaria Municipal de Saúde de Ijuí, acredita no potencial do médico, enquanto profissional capaz de contribuir de maneira efetiva na comunidade. “Como residente de Medicina de Família e Comunidade consigo cumprir um papel essencial na organização do sistema de saúde, buscando sanar o maior número de demandas da população, da melhor forma possível. Após a residência, o objetivo é expandir esse conhecimento, experiência e avançar nas melhorias do nosso sistema de saúde”, afirma Bernardo.

A Unijuí, enquanto Universidade Comunitária, ainda mais próxima das pessoas e de suas necessidades essenciais.


Unijuí oferta qualificação em Marketing Estratégico na modalidade EaD

Com o intuito de apresentar aos participantes as principais decisões que envolvem o planejamento estratégico de marketing e os passos necessários para a sua elaboração, a Unijuí oferta a qualificação profissional em Marketing Estratégico na modalidade Ensino a Distância (EaD). As inscrições estão abertas e podem ser realizadas em unijui.edu.br/educacaocontinuada.

Durante o curso, que conta com 40h/aula, serão abordados aspectos relacionados à análise de mercado e identificação de tendências, bem como diretrizes para a elaboração de metas e formulação de estratégias e ações de marketing  que permitam aumentar a competitividade das empresas, contribuindo para que obtenham melhor proveito das oportunidades de mercado.

A qualificação é indicada para empresários, profissionais liberais, executivos de organizações, gerentes e líderes de equipes. Além de acrescentar também no futuro profissional dos acadêmicos da Administração, Comunicação Social, Design, Ciências Contábeis, Economia e demais áreas que estão em contato direto com os consumidores.

Para mais informações sobre o curso, basta contatar a Unidade de Educação Continuada pelo e-mail educacaocontinuada@unijui.edu.br.

Gabriel R. Jaskulski, acadêmico de Jornalismo da Unijuí


GAIC da Unijuí adquire um dos simuladores em tempo real mais modernos do mundo

Professores participam, nesta semana, de curso com engenheiro do Canadá, para aprender a manusear o equipamento

Engenheiro da OPAL no Canadá, Sergio Atayde capacita os professores para uso do equipamento

O Grupo de Automação e Controle (GAIC) da Unijuí acaba de adquirir, com recursos de pesquisa e desenvolvimento, um dos mais modernos simuladores em tempo real do mundo: o OPAL RT é um equipamento de teste de Hardware-in-the-Loop (HIL), que permite a Prototipagem de Controle Rápido (RCP) para projetar, testar e otimizar sistemas de controle e proteção usados em redes elétricas, eletrônica e acionamentos, incluindo sistemas smart grids - ou redes inteligentes.

Conforme explica o coordenador do GAIC, professor doutor Maurício de Campos, o equipamento custou cerca de R$ 1 milhão e é encontrado, hoje, em apenas três universidades do sul do Brasil - incluindo a Unijuí. 

“Nós já temos resultados muito legais a partir dos trabalhos que são desenvolvidos na Universidade, mas tínhamos uma demora na prototipagem, na validação dos modelos matemáticos, dos resultados, de fato. E agora vamos ganhar tempo. Alguns testes que levariam meses, agora poderão ser obtidos em semanas. Teremos facilidade na validação e um padrão acima da média nas pesquisas, em trabalhos de conclusão de curso, dissertações e teses, desenvolvidos pelos estudantes”, explicou o professor, lembrando que, como o equipamento é reconhecido em âmbito mundial, será possível ampliar o número de publicações internacionais. 

“Na prática: se eu quero desenvolver um circuito eletrônico novo para um carro, até alguns anos atrás, eu precisava de um carro inteiro para fazer os testes. Agora, através de modelos matemáticos, eu tenho o carro dentro do computador, sendo simulado em tempo real. Eu posso ter o hardware do lado de fora, operando como se tivesse conectado em um carro de verdade. O mesmo serve para um sistema elétrico, ao invés de ter que fazer os testes diretamente na rede elétrica, eu uso o modelo matemático da rede e só faço o que chamamos de Hardware-In-the-Loop (HIL), que é utilizar a parte física externa. Isso faz com que a prototipagem seja muito mais rápida e permite os testes mais próximos do real”, exemplifica.

De acordo com o professor Maurício, serão diretamente beneficiados os estudantes dos cursos de graduação em Engenharia Elétrica, Ciência da Computação e Engenharia de Software, e especialmente do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Modelagem Matemática e Computacional.

Preparação

Sete professores da Unijuí participam desde a última terça-feira até hoje, sexta-feira, de um curso ministrado pelo engenheiro da OPAL no Canadá, Sergio Atayde, no Espaço + Inovação Unijuí. A ideia é que estes professores aprendam a manusear o equipamento e repliquem o que aprenderam aos estudantes, posteriormente. “Teremos, ainda, uma segunda rodada de capacitação online, para tirarmos dúvidas”, completa Maurício.


Evento contou com discussão sobre a segurança do paciente na Atenção Primária

Aconteceu na noite desta quinta-feira, 28, um evento alusivo à campanha Abril pela Segurança do Paciente, que tem como objetivo criar consciência sobre a segurança do paciente, incentivando as pessoas a mostrarem seu compromisso em tornar a assistência à saúde mais segura. A atividade aconteceu de forma online, pelo Google Meet, a partir de uma parceria entre o Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Atenção Integral à Saúde, curso de Enfermagem da Unijuí e Rede Brasileira de Enfermagem e Segurança do Paciente (Rebraensp).

Para debater o tema “Segurança do paciente na Atenção Primária à Saúde: avanços e desafios”, foi convidada a egressa do curso de Enfermagem da Unijuí e doutoranda em Enfermagem pela UFSM, Marina Mazzuco. Ela também é coordenadora da Rebraensp - Núcleo de Santa Maria. Na mediação, esteve a professora doutora Adriane Kolankiewicz.

Marina iniciou sua fala relembrando que foi na Unijuí que ingressou no mundo da pesquisa, por meio da Iniciação Científica. Desde o mestrado, e com mais intensidade no doutorado, ela trabalha a segurança do paciente focada na Atenção Primária. “É importante fomentar a discussão deste tema, que faz diferença na formação do estudante e na atuação profissional. É essencial ter um olhar especial para a assistência segura e de qualidade do paciente, em todos os níveis de atendimento”, explicou a palestrante.

De acordo com Marina, no Brasil, o tema passou a ser trabalhado com mais força a partir do Programa Nacional de Segurança do Paciente – PNSP, lançado em 1º de abril de 2013 pelo Ministério da Saúde e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Ele propõe um conjunto de medidas para prevenir e reduzir a ocorrência de incidentes nos serviços de saúde – eventos ou circunstâncias que poderiam resultar ou que resultaram em dano desnecessário para o paciente. São exemplos de incidentes a administração de um medicamento em dosagem maior que a adequada sem causar dano, a queda do paciente de uma maca ou leito hospitalar, ou o alerta de um profissional antes que um procedimento fosse realizado em um paciente errado.


Criatec impulsiona desenvolvimento na região por meio da inovação e da sustentabilidade

Vista como um centro de referência em apoio a empreendimentos inovadores e de impacto socioambiental, a Incubadora de Empresas da Unijuí - Criatec atua há 14 anos na região com o objetivo de alavancar o empreendedorismo e a inovação tecnológica, estimulando conexões através de uma ampla rede de contatos para amplificar setores e auxiliar empresas a darem o primeiro passo através de uma infraestrutura física que atende as necessidades de cada incubada.

De acordo com a analista de planejamento da Criatec, Elizandra Pinheiro da Silva, para além das atividades de rotina, a Incubadora também marca presença nos eventos de inovação do município e da região, incentivando o desenvolvimento por meio da tecnologia e da propagação do conhecimento. Já promoveu, por exemplo, hackathons, Startup Weekends, feiras,  oficinas no Festival Futurível da Unijuí e o Desafio de Inovação Socioambiental. “Estamos participando do 3º ciclo do Programa Ideiaz e rodando a Trilha de Conhecimento do Programa Decolar 2022. Estamos executando o projeto Startup Lab nas Regiões Noroeste e Missões e também o Projeto Empreenda +, que visa a qualificação de 1400 mulheres do nosso Estado. No final do projeto, uma de nossas metas é realizar um desafio empreendedor envolvendo essas mulheres que estiveram conosco durante a qualificação”, comenta. 

A Incubadora foca em negócios da área de Tecnologia da Informação e Comunicação, Energias Renováveis, Automação Residencial e Industrial, Eficiência e Qualidade de Energia, Tecnologia de Alimentos, Saúde, Economia Criativa, Agronegócio e Negócios de Impacto Socioambiental. “No âmbito geral, as pessoas buscam a Incubadora para apresentar suas ideias, fazer uso dos nossos laboratórios e espaço de coworking. Também há as escolas que demandam ações voltadas ao empreendedorismo com seus estudantes que, na medida do possível, são atendidas pela nossa coordenadora”, finaliza Elizandra. A Criatec é coordenada por Maria Odete Palharini.

Gabriel R. Jaskulski, acadêmico de Jornalismo da Unijuí