COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Institucional

Abertas as inscrições para a Pós-Graduação Lato Sensu em Psicologia Clínica

O atendimento clínico é uma prática psicológica cada vez mais abrangente, que transcende os consultórios particulares e chega às instituições públicas ou privadas com fins terapêuticos, espaços da comunidade onde as relações subjetivas e patológicas se manifestam. Para manter-se atualizado na área, a Unijuí oferece o curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Psicologia Clínica: Práticas Clínicas nas Instituições, com carga horária de 360 horas.

“Um dos diferenciais do curso é poder trabalhar com um corpo docente formado, em sua maioria, por psicanalistas. Profissionais que já atuam há bastante tempo e trazem a sua experiência de formação e de escuta clínica, seja na clínica propriamente dita ou nas instituições, até os estudantes. Além disso, o aluno tem a oportunidade de conhecer alguns autores de livros com os quais estudam, já que muitos deles têm publicações reconhecidas nos espaços de formação”, explicou a coordenadora da especialização, professora Tania M Souza.

Ela destaca que o curso permite ao profissional uma experiência de formação, da qual ele pode sair mais autorizado a exercer seu trabalho. “O estudante tem uma vivência única, de compartilhar as angústias e indagações, que são próprias do trabalho do psicólogo. Nosso trabalho seria muito solitário se não tivéssemos os nossos pares de trabalho para compartilhar. E como as aulas articulam teoria e prática, acaba-se tendo essa experiência de construção compartilhada”, reforçou.

Inscrições podem ser realizadas em unijui.edu.br/pos.

Para quem é de outra área, e busca qualificação, a Unijuí oferece, no campus Ijuí, os cursos de Pós-Graduação Lato Sensu em Saúde Mental; Direito do Trabalho, Processo do Trabalho e Previdenciário; Finanças e Mercado de Capitais e Controladoria e Gestão Empresarial. No campus Três Passos, os cursos de Coaching e Gerenciamento de Pessoas e Direito do Trabalho, Processo do Trabalho e Previdenciário.

Na modalidade Ensino a Distância (EaD) há os cursos de Marketing, Gestão Bancária e Negócios e Engenharia de Avaliações e Perícias.

Mais informações em educacaocontinuada@unijui.edu.br ou pelo telefone 3332-0553.

 


Unijuí participa de reunião sobre pesquisa de aveia

A Unijuí esteve representada, entre os dias 30 de março e 1º de abril, na 40ª Reunião da Comissão Brasileira de Pesquisa de Aveia (RCBPA), que aconteceu de forma online. Organizada pela Setrem de Três de Maio, a reunião contou com a apresentação oral de 12 trabalhos e com a apresentação de outros 97 trabalhos na forma de pôster – sendo que, destes, 20 partiram da Unijuí.

Representando a Universidade, estiveram os professores Emerson André Pereira, José Gonzalez e Ivan Carvalho, para além dos docentes que apresentaram trabalhos como coautores. Também estiveram presentes acadêmicos dos cursos de Agronomia e Medicina Veterinária, que fazem parte de pesquisas na Unijuí.

Durante a reunião foram tratados temas como o cenário da produção de sementes de aveia no País, aveia no sistema silvipastoril, o uso da aveia na produção argentina, doenças e qualidade do grão. É importante lembrar que o Brasil vem crescendo em produção de grãos e que a nossa região é um dos celeiros na produção de aveia”, explicou o professor Emerson André Pereira, lembrando, ainda, dos benefícios do cereal para a saúde humana: a aveia previne doenças crônicas, controlando a glicose e o colesterol; além de ser uma aliada no combate à depressão, já que proporciona bem-estar por conter triptofano, precursor da serotonina, responsável pelo controle do humor.

A reunião, conforme aponta o professor, foi importante para divulgar o trabalho de pesquisa realizado na Unijuí – sobre aveias forrageiras, cobertura de solo e grão; e também foi uma oportunidade para incentivar os estudantes a participar de pesquisas. “Como eles estiveram à frente de apresentações, estimulamos que desenvolvam mais habilidades relacionadas ao ensino, à pesquisa e à extensão”, disse. Durante a reunião, também foram discutidos lançamentos de novas cultivares – tema que vai ao encontro do Programa de Melhoramento Genético da Universidade. “Estamos inclusive trabalhando para termos cultivares lançadas pela Unijuí”, reforça Emerson.

Conforme lembra o docente, a reunião acontece desde 1980. Em 1983, 1987 e 1993, aconteceu em Ijuí por meio da Cotrijui. Depois de um longo período, voltou a ser realizada na cidade em 2018, organizada pela Unijuí.


“História das pandemias que assolaram a humanidade” é tema de aula magna

Na próxima terça-feira, dia 20 de abril, acontece a aula magna dos cursos de História e Letras da Unijuí, e também do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Educação nas Ciências da Unijuí.

O evento, que terá transmissão pelo canal da Unijuí no Youtube, a partir das 19h30, abordará a “História das pandemias que assolaram a humanidade”. À frente do debate, estará o professor Dinarte Belato, que possui graduação em Filosofia e mestrado em História.

Para quem quiser acompanhar, este é o link.


Pós-Graduação transforma e prepara profissionais para o mercado de trabalho

Cleide dos Santos Alfing acredita que a educação continuada é uma forma de transformar, ampliar e modificar visões – e a sua trajetória profissional e acadêmica mostra um pouco disso. Graduada pela Unijuí em dois cursos, Educação Física e Enfermagem, Cleide realizou uma pós-graduação em Educação e outra em Saúde Mental, antes de ingressar no mestrado em Atenção Integral à Saúde, também realizados na Universidade.

Atuando na área hospitalar como enfermeira assistencial, Cleide destaca que a Pós-graduação Lato Sensu em Saúde Mental abriu portas para o mercado de trabalho e fez grande diferença em sua vida. “Atuo como enfermeira e sempre reforço aos meus colegas, à equipe técnica, que não passem por esta vida sem ter ido à academia. Ela te possibilita um novo olhar. Dá uma visão bem mais ampla e te transforma realmente”, destacou a profissional, que também é professora no curso técnico em Enfermagem. “Aos meus alunos, busco reforçar que eles não precisam ficar apenas no técnico. Que há outras possibilidades, uma universidade perto deles.”

Com um mercado de trabalho cada vez mais seleto e exigente, é necessário, como afirma Cleide, estar sempre se qualificando. “Acredito muito na pós-graduação, que ela te dá um novo olhar e um outro nível de conhecimento”, afirma.

A Pós-Graduação Lato Sensu em Saúde Mental é apenas umas das especializações ofertadas pela Unijuí. No Campus Ijuí, estão abertas as inscrições para Fisioterapia Neurofuncional; Hematologia Laboratorial; Direito do Trabalho, Processo do Trabalho e Previdenciário; Finanças e Mercado de Capitais; Controladoria e Gestão Empresarial; Auditoria e Planejamento Tributário; e Psicologia Clínica: Práticas Clínicas nas Instituições.

No campus Três Passos, são ofertados os cursos de Coaching e Gerenciamento de Pessoas e Direito do Trabalho, Processo do Trabalho e Previdenciário. Já para quem prefere um curso na modalidade Ensino a Distância (EaD), há as especializações em Marketing; Gestão Bancária e Negócios e Engenharia de Avaliações e Perícias.

Para mais informações, acesse unijui.edu.br/pos. Contatos pelo telefone 3332-0553 ou pelo e-mail educacaocontinuada@unijui.edu.br.


Rizoma Temático debate a reinvenção e importância da arte durante a pandemia

A cultura, de uma forma geral, foi duramente castigada pela pandemia de covid-19. Eventos presenciais deixaram de acontecer e dezenas de artistas, de grupos, tiveram que se readaptar para manter os ensaios e as apresentações. Na maioria das vezes, sem que houvesse o suporte necessário. Por outro lado, a internet deu visibilidade a muitos rostos e vozes e mostrou, para diferentes públicos, como a arte pode ser uma aliada durante a pandemia – até mesmo para manter a saúde mental.

Foi para debater este cenário que o Rizoma Temático da Unijuí FM convidou três profissionais, ligados à Universidade: a assessora de Extensão e Cultura, vinculada à Vice-reitoria de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí, Sirlei Noemi Schneider; o novo coordenador da Cia Cadagy – Corpo em Movimento, Dionatan Mânica dos Santos; e o novo regente do Coral Unijuí, Diogo Maurício Braggio. O programa foi ao ar nesta quinta-feira, 15 de abril, Dia Mundial da Arte.

O setor cultural da Unijuí foi bastante prejudicado pela pandemia. Tivemos que cancelar eventos que estavam com ingressos vendidos e, durante o ano de 2020, na impossibilidade de receber o público de forma presencial, buscamos compartilhar o trabalho de forma online. Produzimos um quadro, chamado Unijuí Cultura, que levou um pouco do que é feito pela Cia Cadagy, Coral Unijuí, Biblioteca e Museu à comunidade”, explicou a assessora de Extensão e Cultura, Sirlei Schneider.

Dionatan, que trabalhou em municípios da região, disse que 99% dos grupos culturais acabaram, infelizmente, parando totalmente as suas atividades durante a pandemia, até por falta de acesso à internet. “Precisamos também lembrar que a arte gera renda a diversas pessoas. Não apenas ao professor, ao artista, mas ao coreógrafo, à costureira, à loja de tecidos, à equipe do som, da iluminação, ao comércio. Todo esse grupo acabou prejudicado. Claro que alguns caminhos também se abriram e profissionais puderam se destacar com as mudanças”, reforçou o coordenador.

Novo regente no Coral Unijuí, Diogo Braggio destacou que a realização dos ensaios de maneira online se tornou muito trabalhoso e muitos grupos acabaram não tendo condições de seguir – caso de corais que contam com integrantes idosos. “Claro que, ao disponibilizarmos conteúdos pela internet, conseguimos atingir um público que não procurava os eventos presenciais e, por vezes, não conhecia o grupo ou artista. É uma mudança que veio para ficar. Mesmo após a pandemia, se deixarmos de produzir conteúdos para estas novas pessoas, corremos o risco de perder esse público”, comentou.

Confira o debate completo no podcast abaixo:


Unijuí dá início a Ciclo de Formação para técnicos e professores

A Unijuí deu início nesta quinta-feira, dia 15 de abril, ao Ciclo de Formação sobre Inovações em Educação, direcionado a professores, técnicos administrativos e de apoio. Ao todo, até o mês de maio, serão realizados seis encontros.

O principal objetivo deste Ciclo de Formação é colocar em discussão o Ensino Superior e o atual cenário, da pandemia, que está nos afetando - não apenas como profissionais, mas como pessoas”, destacou a reitora da Unijuí, professora Cátia Maria Nehring, durante a abertura da capacitação.

A fala foi complementada pela vice-reitora de Graduação, professora Fabiana Fachinetto, que reiterou a necessidade de refletir sobre o fazer diário, começando com uma avaliação sobre os efeitos da pandemia na vida de todos. Hoje, o tema debatido foi “Mal-estar na civilização e os efeitos psicológicos da pandemia”, pelo psicólogo e professor aposentado do curso de Psicologia da Universidade, Nilson Heidemann, e pelo psicólogo junto à Secretaria Municipal de Educação de Ijuí, Daniel Ruwer.

Nilson abriu a sua fala citando três fontes de sofrimento que ameaçam o ser humano, segundo Sigmund Freud: as ameaças do mundo externo, exemplo da pandemia; a ameaça de deterioração e decadência que vem de nosso próprio corpo; e o sofrimento advindo das relações entre os humanos, tema que vem se modificando, especialmente em razão do distanciamento. E reforçou que a pandemia abarca diferentes dimensões, desde políticas até científicas. Os efeitos causados ao ser humano, portanto, são diversos. E o estresse não está só ligado ao isolamento físico, mas aos efeitos sociais, culturais e econômicos causados pelo cenário.

Daniel fez um complemento à fala, destacando que o mal-estar causado pela ameaça do vírus produz em nossos corpos um adoecimento grave, que pode causar efeitos psíquicos e sociais nas relações. “Nunca um indivíduo vai responder de forma absolutamente isolada dentro de uma determinada época. Todas as sintomatologias que marcam determinado período histórico e geográfico são constituídas por traços que, de algum modo, são norteadores daquele tempo”, explicou.

Neste mês de abril, ainda ocorrem duas formações: no dia 20 de abril, sobre o “Modelo de competências na PUC do Paraná”, com o palestrante Vidal Martins, que é pró-reitor de Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Paraná. No dia 27, José Manuel Aguirre Guillén, que é professor do Instituto de Emprendimiento Eugenio Garza Lagüera - Tecnológico de Monterrey, no México, debaterá o tema “Innovación en los Programas de Formación Inicial en la Educación Superior”.


Criatec realiza atividades do projeto Empreenda+

Iniciativa conta com recursos do Sebrae, obtidos por meio da aprovação do projeto no edital Sebrae/Incubadoras

A Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica (Criatec) da Unijuí já está colocando em prática as ações previstas no projeto Empreenda+, que conta com recursos do Sebrae, obtidos por meio da aprovação da iniciativa no edital Sebrae/Incubadoras. 

Dentre as diversas atividades previstas, está a oferta de um pacote de qualificação para potenciais empreendedores – ação que vem sendo coordenada pelo consultor Victor Mabilia, da empresa Gaia Consultoria, que possui uma longa trajetória como consultor em ambientes de inovação.

Também houve a contratação de um pacote de treinamentos e consultorias para empresas que já estão incubadas. E para acompanhar esta ação, foi contratado o consultor Flaviano Gastão Junior, da empresa F2 Gestão Empresarial, que também possui um largo conhecimento em metodologia de startups e desenvolvimento de negócios em ambientes de inovação. Outra consultoria em andamento é a de vendas, com o consultor Diego Ferreira dos Santos, da empresa Planejar Marketing de Resultados.

A qualificação da equipe da Criatec está no planejamento e dois cursos já foram realizados: Lucas Adiel Escher participou do curso de “Implementação de ambientes de inovação”, enquanto que Elizandra Pinheiro da Silva e Betina Donato Krup participaram do curso “Implementação do modelo de gestão de ambientes de inovação Cerne”. Ambos os treinamentos ocorreram de forma online, pela Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), com sede em Brasília.

Conforme explica a coordenadora da Criatec, Maria Odete Palharini, o objetivo geral do projeto é agregar valor ao pacote de serviços disponibilizado para as empresas e ampliar o escopo de atuação da incubadora, visando a consolidação de empreendimentos inovadores bem-sucedidos.

No sentido de melhorar a experiência digital do usuário, por exemplo, e poder ampliar a área de atuação da Criatec, estão sendo mapeados todos os processos visando o desenvolvimento de uma plataforma digital para pré-incubação e incubação. A equipe técnica do projeto tem encontros semanais para revisão da proposta de valor e mapeamento dos processos analógicos que passaram a ser digitais. A empresa Infinitum Tecnologia e Inovação vai ser a responsável pelo desenvolvimento.

O prazo de execução do projeto vai até junho de 2022 e o valor total captado é de R$ 100 mil, com contrapartida financeira da Unijuí, de R$ 15 mil, mais horas técnicas da equipe de gestão e prestação de contas.

Destaques

Criatec participa de reunião com Incubadora da Letônia

Programa de Incubação da Criatec recebe inscrições

Criatec promove MeetUp com o tema “Networking: do negócio para a vida”

Empresa graduada pela Criatec ganha os mercados nacional e internacional com startups


Biblioteca realiza capacitações para estudantes da disciplina Projeto Integrador

Com o intuito de apresentar a Biblioteca Universitária Mario Osorio Marques (Bumom) a todos os novos acadêmicos da Unijuí, de todos os campi, bem como proporcionar a familiaridade com fontes de pesquisa – principalmente via Portal de Periódicos da Capes, foram realizadas capacitações para as turmas integrantes da Graduação Mais, na disciplina de Projeto Integrador.

A apresentação da Biblioteca Universitária incluiu a demonstração interativa do site da Biblioteca (www.unijui.edu.br/biblioteca), com atenção especial à operacionalidade dos serviços de retirada, reserva e renovação; pesquisa no catálogo online e no Repositório Institucional; além de outras informações relevantes, como o aplicativo Unijuí e acesso ao Guia Unijuí de formatação de trabalhos científicos, organizado pela Bumom em parceria com a Editora Unijuí.

Já o acesso a fontes de pesquisa foi demonstrado através do Portal de Periódicos da Capes, via site da Biblioteca. Foi explicado como fazer o cadastro no Portal e ter acesso a mais conteúdo acadêmico em função do vínculo com a Universidade. Também foi demonstrado como realizar pesquisas em bases de dados e periódicos.

As capacitações para as turmas de Projeto Integrador, disciplina que trabalha com foco na pesquisa desde o primeiro semestre do curso, foram ministradas pelas bibliotecárias com o acompanhamento dos professores e foram realizadas via Google Meet devido à pandemia de covid-19, nos meses de março e abril, totalizando em torno de 500 participantes.

As capacitações via Meet têm abrangido um maior número de participantes, se comparado aos anos anteriores. Em 2019, foram 993 participantes durante o ano todo; em 2020, foram 1162; e neste ano, de março até 9 de abril, foram 909 participantes, demonstrando a efetividade desse canal.

A Biblioteca também disponibiliza capacitações sobre normalização de trabalhos acadêmicos, baseada na ABNT, além do uso da Biblioteca e Portal de Periódicos da Capes, que podem ser solicitadas via o e-mail biblio@unijui.edu.br.





Estudantes de Jornalismo e Publicidade e Propaganda promovem a primeira LiveCom

Nesta quinta-feira, dia 15 de abril, acontecerá a primeira LiveCom, uma live produzida pelos acadêmicos dos cursos de Jornalismo e Publicidade e Propaganda da Unijuí, na disciplina de Produção e Redação Multimídia, orientada pela professora Daniéli Antonello. O bate-papo será com a jornalista e repórter do portal G1 e social media da RBS TV, Fabiana Bonugli.
Fabiana é formada em jornalismo pela PUCRS e falará sobre “O futuro da comunicação e o mercado de trabalho no ambiente digital”. A live está prevista para ter início às 20h e será transmitida através do Instagram dos cursos @publicidadejornalismoijui.

Será um momento de muito aprendizado e descontração, além de contar com sorteio de brindes ao final da live.


Direto de São Paulo, Marcus Jacobina ministra oficina de desenho e pintura para estudantes da Unijuí

O desenho da figura humana e a pintura em giz pastel oleoso são formas de expressão e representação gráfica presentes e marcantes no percurso poético do artista visual baiano Marcus Jacobina. Desta forma, no dia 24 de março, os cursos de Design e Arquitetura e Urbanismo da Unijuí promoveram o evento online “Oficina de Representação da Figura Humana”, organizado pelo professor Matheus Cargnelutti, responsável pela disciplina de Expressão e Representação Gráfica.

Marcus Jacobina, além de artista visual, também é graduado em Publicidade e Propaganda e Psicologia, mestre e doutor em Psicologia Clínica. Ele compartilhou seus conhecimentos direto de sua casa em São Paulo, iniciando com uma explanação sobre a sua trajetória e trabalhos desenvolvidos, incluindo ilustrações para a escritora, dramaturga e roteirista Maria Adelaide Amaral. Na sequência, foram realizadas várias demonstrações de técnicas para o desenho da figura humana, em que os acadêmicos puderam aplicar os conhecimentos e compartilhar os resultados com o artista por suas câmeras abertas no evento. Após a realização de cada técnica de desenho, também foram demonstradas formas de aplicação da pintura em giz pastel oleoso e os alunos puderam mostrar suas aplicações e conversar com o artista.

“A oficina foi muito produtiva e o engajamento dos alunos foi visível. É muito bom poder contar com profissionais atuantes no mercado interagindo com os nossos estudantes, e o período de aulas online nos possibilitou essa interação. Só tenho a agradecer ao Marcus pela disponibilidade e empenho para o sucesso do nosso evento na Unijuí”, disse o professor Matheus Cargnelutti, responsável pelo evento.