COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Institucional

Vem aí o Salão do Conhecimento 2020: confira como será o evento

Está chegando a hora do maior evento de divulgação científica da região Noroeste do Estado: o Salão do Conhecimento, que acontecerá entre os dias 20 e 23 de outubro. Serão apresentados cerca de 800 trabalhos nos dias de evento. Ainda dá tempo de se inscrever como ouvinte, até a próxima terça, dia 20, pelo site do evento.

         

Por Evelin Ramos, bolsista de Popularização da Ciência da Unijuí

Este ano as salas de apresentação serão diferentes: ao invés de serem organizadas por áreas do conhecimento, estão distribuídas pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS/ONU), sendo eles 17 diferentes temáticas. Desta forma, as áreas do conhecimento vão ter maior contato umas com as outras, ampliando o diálogo entre os cursos.

Outra mudança no evento está na forma de apresentação dos trabalhos: como não haverá exposição de pôster em razão da pandemia de covid-19, os participantes irão apresentar os trabalhos em salas virtuais por meio do Google Meet. As apresentações poderão ser assistidas pela comunidade acadêmica (por meio de sua conta Unijuí) e pelos participantes inscritos no evento. Também poderão ser conferidas por qualquer pessoa com acesso a internet, pelo Youtube, o que amplia a disseminação do conhecimento produzido na Universidade à comunidade. 

No segundo dia do Salão do Conhecimento, quarta-feira, de forma paralela às salas de apresentação dos trabalhos, os bolsistas de iniciação científica vão ser avaliados por consultores externos, tudo online e sem contato físico. Já na quinta, 22, e sexta, 23, vai acontecer, de forma paralela ao evento, a I Feira Estadual de Matemática do RS. Saiba mais sobre a programação deste evento.

No encerramento das atividades, sexta-feira, a programação principal do Salão será dedicada ao Debates Sobre Inteligência Artificial d.I.A., com palestras das 9h às 18h45 sobre diversas temáticas integradas ao tema geral, com a coordenação dos Programas de Mestrado e Doutorado. No turno da noite serão realizadas as apresentações de trabalhos inscritos nesta temática de Inteligência Artificial.

Para que toda esta organização dê certo, uma verdadeira força-tarefa está sendo montada pela Unijuí, com o envolvimento de profissionais de diversas áreas para a gestão e mediação das salas, estrutura de transmissão e suporte de tecnologia. Todos os participantes do Salão do Conhecimento, devem se guiar diariamente pelo site do evento para verificar as salas e outras informações de organização do evento. 

Segundo o Vice-Reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, Fernando Jaime González, o Salão do Conhecimento é um dos eventos mais importantes da Unijuí, que acolhe trabalhos de várias áreas do conhecimento não só de acadêmicos da universidade mas de professores e estudantes do estado. “Já estamos nos acostumando com este formato online, pois no primeiro semestre tivemos a experiência com a semana acadêmica que nos surpreendeu, e, para a realização do Salão contamos com uma ótima equipe para que as pesquisas sejam apresentados da melhor forma possível”, observa.  

Mais Sobre o Salão do Conhecimento

O Salão do Conhecimento da Unijuí é um evento para divulgação da produção em pesquisa e extensão que permite a socialização de experiências e a reflexão sobre as atividades desenvolvidas na Universidade e em demais instituições participantes, nas diversas áreas de conhecimento, possibilitando aos autores – pesquisadores, extensionistas, estudantes de graduação e de pós-graduação – um espaço de diálogo, de socialização e de trocas de saberes e de experiências entre si e com a comunidade externa.

Os Eventos do Salão do Conhecimento estão consolidados como um expressivo canal de interlocução entre as diversas áreas de conhecimento da Instituição e de relacionamento com a sociedade, materializando a articulação do ensino, pesquisa e extensão. O evento é promovido pela Vice-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí conjuntamente com os Comitês Científico e de Extensão e Cultura.

O Evento acontece anualmente nos campi de Ijuí, Panambi, Três Passos e Santa Rosa. A programação inclui seminários, palestras, painéis temáticos, mostras e oficinas.

Programação completa

20 de outubro, terça-feira

18h30 - Programação cultural

19h - Abertura oficial

19h30 às 22h30 - Apresentação dos trabalhos do XXVIII Seminário de Iniciação Científica, X Seminário de Inovação e Tecnologia e XXI Jornada de Extensão.

21 de outubro, quarta-feira

8h30 às 17h30 - Apresentação dos trabalhos dos bolsistas de Iniciação Científica e Tecnológica da Unijuí.

19h30 às 22h30 - Apresentação dos trabalhos do XXVIII Seminário de Iniciação Científica, X Seminário de Inovação e Tecnologia e XXI Jornada de Extensão.

22 de outubro, quinta-feira

19h30 às 22h30 - Apresentação dos trabalhos da XXV Jornada de Pesquisa.

23 de outubro, sexta-feira 

Manhã:

9h às 10h - Palestra: Inteligência Artificial e os desafios às profissões jurídicas

Dr. Wilson Engelmann - UNISINOS

10h30 às 11h30 - Palestra: Inteligência Artificial para Ciências da Vida

Dra. Daniela Lopes Freire - Startup PickCells 

Tarde:

14h às 15h - Palestra: Por que antes o “bit” e não o nada? As redes de sincronização algorítmica e o estado da aprendizagem

MSc. Leandro Beck Freiberg - Universidade Federal do Tocantins

15h15 às 16h15 - Palestra: Inteligência Artificial e desenvolvimento urbano sustentável

Dr. José Eduardo Storopoli - UNINOVE 

16h30 às 17h30 - Inteligência Artificial nas Ciências Ambientais

Dr. Manuel Osório Binelo - Unijuí

17h45 às 18h45 - Palestra: Aplicando Inteligência Artificial

Dr. Maurício de Campos - Unijuí 

Noite

19h10 às 20h30 - Palestra: Inteligência Artificial e Direitos Humanos

Dr. Mateus de Oliveira Fornasier - Unijuí

19h10 às 20h30 - Palestra: NVIDIA e o Estado da Arte das Soluções de Inteligência Artificial

Dr. Pedro Mário Cruz e Silva - NVIDIA

20h30 às 22h30 - Apresentação dos trabalhos do evento Debates sobre Inteligência Artificial (d.I.A.)

Acompanhe a programação completa e consulte os links de transmissão no site do evento.

Até 20/10: Inscrições abertas para PARTICIPANTES.

Certificado de 20 horas e de brinde o Guia de Formatação de Trabalhos Acadêmicos Unijuí.

 


Profissional do Futuro: confira o que vai rolar no evento

Descubra mais de 40 profissões. Conecte-se com a Universidade. Tire Dúvidas com quem faz o Futuro. Acesse o site do evento. 

              

A gente sabe que estar no ensino médio, especialmente no terceiro ano, é uma grande responsabilidade. Chega a hora de fazer uma escolha muito importante para o futuro e isso pode dar uma angústia, certo? Para que você faça sua escolha profissional, a Unijuí criou o Profissional do Futuro, que será realizado do dia 9 ao dia 13 de novembro. Queremos ajudar os estudantes mostrando as profissões, o mercado de trabalho e as possibilidades para construir um futuro melhor. Em razão da pandemia da covid-19, a edição 2020 do Profissional do Futuro será online. Vamos nos conectar com você e apresentar em oficinas online e bate-papos com professores, estudantes e egressos, a sua futura profissão. 

Na programação, você vai poder conferir palestras, mostras de cursos e profissões, aulas de redação, dicas para o Enem e muito mais. Uma das atrações desta edição é o QUIZ DESCUBRA SEU FUTURO. O estudante pode descobrir, de forma interativa, qual profissão combina mais com os seus objetivos. Acesse o site e fique por dentro de toda a programação do evento, clicando neste link

Vestibular de Verão

O Vestibular de Verão 2021 é muito especial para a Unijuí, porque é através dele que vai se formar a primeira turma da Graduação+! É um novo tempo que começa e você pode ser um dos protagonistas dessa mudança. Vivemos um mundo em transformação. Surgem novas tecnologias, novas ideias, novas formas de fazer acontecer. A Unijuí está de olho em todo o movimento da sociedade e acompanha as mudanças de perto. É por isso que a Universidade está se reinventando! Estamos nos renovando para formar profissionais cada vez mais qualificados e capazes de desenvolver realidades mais sustentáveis, com seus aprendizados e experiências a partir da Unijuí. Vamos transformar juntos? As inscrições abrem a partir de 21 de outubro. Fique ligado!

 


Programa Inova RS definirá estratégias e projetos para a região Noroeste e Missões

          

Após articulação e convite aos atores da região Noroeste e Missões, será realizada a primeira reunião de formação da Mesa Inova RS, que oficializa a parceria entre os representantes da quádrupla hélice na consolidação da visão de futuro e dos projetos prioritários da região. A primeira reunião acontecerá no dia 14 de outubro, às 14 horas e contará com a presença do Secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luis Lamb. Para assistir a reunião ao vivo basta acessar a página da Secretaria no Facebook https://www.facebook.com/secretariadeinovacaors.

O que é o Programa INOVA RS?

O INOVA RS é um programa que visa incluir o Rio Grande do Sul no mapa global da inovação a partir da construção de parcerias estratégicas entre a sociedade civil organizada, setores empresarial, acadêmico e governamental – em oito regiões representativas do Estado: Metropolitana e Litoral Norte; Sul; Fronteira Oeste e Campanha; Central; Noroeste e Missões; Produção e Norte; Serra e Hortênsias; Região dos Vales.

O que é a Mesa do INOVA/RS?

A mesa do INOVA RS reúne lideranças da quádrupla hélice e será responsável por priorizar e definir os projetos de Inovação mais relevantes para a nossa região.

Para saber mais sobre o Programa acesse https://www.inova.rs.gov.br/

Na região Noroeste e Missões

Na região Noroeste e Missões a coordenação do Programa é da Unijuí, com a coordenação do professor Dr. Daniel Knebel Baggio e apoio técnico da Agência de Inovação e Tecnologia e Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica, a Criatec, vinculados à Vice-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão. Com duração prevista de dois anos, para o desenvolvimento do Programa são concedidas Bolsas de Gestão da Inovação e Tecnologia (GIT) a profissionais com experiência em gestão de projetos de inovação, ciência e tecnologia, para atuar nas atividades de suporte aos comitês locais e de gerenciamento de projetos estratégicos nos Ecossistemas Regionais de Inovação. 

O Projeto terá abrangência em 77 municípios, contemplando os COREDES Celeiro, Fronteira Noroeste, Missões e Noroeste Colonial, formando assim a região denominada no Programa Inova RS de Noroeste e Missões. Também serão parceiras no desenvolvimento da iniciativa na região, as seguintes instituições e entidades: Universidade Estadual do Rio Grande do Sul - UERGS, Faculdade Horizontina - FAHOR, Horizonte Ambiente Empreendedor - HAE/FAHOR – Incubadora, Sindilojas Noroeste, Associação Comercial e Industrial de Ijuí, Associação Comercial, Industrial, Serviços e Agronegócios de Santa Rosa, Agência de Inovação de Ijuí, Agência de Desenvolvimento de Santo Ângelo, Associação dos Administradores do Noroeste do Estado, Associação dos Municípios das Missões, Faculdade CNEC Santo Ângelo, Faculdade Santo Ângelo - FASA, Faculdades Integradas Machado de Assis - FEMA, Instituto Federal Farroupilha Santo Ângelo, Mind7 Coworking e Espaço Corporativo, SebraeRS, ACISA-Associação Comercial Industrial de Santo Ângelo, Prefeitura de Ijuí, Sociedade Educacional Três de Maio – SETREM e Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e Missões - URI.

 


Unijuí promoveu palestra sobre o papel da Universidade na implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

              

A Inteligência Artificial está em evidência na Unijuí em 2020. Uma série de debates já foram realizados este ano e o salão do Conhecimento terá um momento especial para debates sobre a área e temáticas pertinentes relacionadas. E já antes do evento alguns debates vêm norteando as discussões, como na sexta-feira, dia 09 de outubro, quando a Unijuí realizou mais um evento com a temática dos Debates Sobre Inteligência Artificial - d.I.A., desta vez para discutir o papel da Universidade na implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030. 

A palestra foi realizada por Leonel Leal Neto - Coordenador Local de Projetos para o Estado da Bahia - Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e terá a mediação do professor Daniel Rubens Cenci (Professor do PPG em Direitos Humanos da Unijuí). A atividade foi transmitida pelo youtube da Universidade, como nas outras ocasiões. Confira na íntegra:

          

O debate é uma promoção das Vice-Reitorias de Graduação e Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí. 

Mais sobre o Salão do Conhecimento 2020

Neste ano desenvolve a temática  “Inteligência Artificial: a nova fronteira da ciência brasileira”, convergente com a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, com programações entre os dia 20 e 23 de outubro. Serão apresentados 853 trabalhos com 480 resumos expandidos.

Esta edição do evento também vai oportunizar discussões acerca dos “Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)”, que compreendem 17 propostas concretas da Organização das Nações Unidas (ONU) para o planeta. No ato da submissão de trabalhos, o autor precisou informar a qual Objetivo o seu trabalho está associado, permitindo diálogos multidisciplinares durante o evento. Mais detalhes na página do evento.

O evento é promovido pela Vice-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí conjuntamente com os Comitês Científico e de Extensão e Cultura.

 


Jornada Internacional coloca em destaque ações de inovação na região

Contando com a parceria da Unijuí, a Innova Cidir aconteceu de 7 a 9 de outubro, de forma on-line, com organização da Fahor

              

Na última semana, a Unijuí foi parceira na realização da Innova Cidir – a Jornada Internacional de Inovação e Empreendedorismo da Rede de Cooperação Interuniversitária de Desenvolvimento e Integração Regional (Red Cidir). O evento aconteceu entre os dias 7 e 9 de outubro, reunindo alunos e professores de forma virtual.

Conforme explica o pró-reitor da Unijuí – Campus Santa Rosa, Marcos Paulo Scherer, o evento foi uma iniciativa inédita das Instituições de Ensino Superior (IES) que integram a Red Cidir. “São instituições do Brasil, Argentina e Paraguai, que se uniram numa rede para aproximar relações, realizar eventos e atividades acadêmicas integradas, com troca de experiências e conhecimentos”, destacou, lembrando que, ainda em 2018, foi sugerida, em assembleia, a realização de um evento que pudesse integrar e estimular, nesta macrorregião transfronteiriça, as iniciativas e ações de inovação e de novas tecnologias.

“Desde então, o evento vinha sendo preparado e elaborado por uma comissão organizadora, coordenada pela Faculdade Horizontina (Fahor), que também foi sede deste primeiro evento, ainda que na modalidade virtual”, completou.

A Unijuí, como membro fundador da Red Cidir, participou de todas as etapas de planejamento e de organização do evento, por meio de seus representantes, que também coordenaram algumas atividades. “Fomos uma das instituições que mais contou com inscrições, considerando que, ao todo, foram mais de 800 estudantes, professores e profissionais, de diversas áreas, que participaram das atividades”, lembrou o pró-reitor.

A quarta-feira foi dedicada a conhecer os ambientes de apoio ao empreendedorismo e inovação e debater sobre o papel do ecossistema de inovação no desenvolvimento da região Noroeste. “Enquanto Unijuí, participamos como Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica (Criatec) da comissão responsável por organizar o Tour Virtual e as palestras sobre o ecossistema de inovação”, explicou a coordenadora da Criatec, Maria Odete Palharini, completando que, na quinta-feira, a Unijuí foi responsável pelas pautas das incubadoras de economia solidária e de impacto social. Já na sexta-feira, foi realizada a sessão de negócios, onde as startups residentes na Criatec participaram; e por fim ocorreu a formação da Rede Internacional de Ambientes de Empreendedorismo e Inovação.

“Entendo que, como Unijuí, temos uma caminhada muito positiva no que diz respeito à inovação e ao empreendedorismo, e é super importante que possamos compartilhar e aprender com os demais nesta temática”, observa. Segundo ela, o evento finalizou com um balanço positivo das atividades, do público e, principalmente, da colaboração entre todas as instituições que se envolveram na organização. “A Rede de Ambientes de Empreendedorismo e Inovação, que teve o primeiro passo na sexta-feira, vai ser consolidada em assembleia, o que é extremamente importante para a internacionalização das startups residentes nestes ambientes.”

Na avaliação do pró-reitor, Marcos Paulo Scherer, para os estudantes e professores da Universidade foi mais uma importante oportunidade de buscar conhecimento, trocar experiências e de perceber outras iniciativas e ideias possíveis – além de uma ótima oportunidade para demonstrar à comunidade externa e lideranças políticas quanto se pode fazer, em relação à inovação e descoberta de novas tecnologias, nas instituições de ensino, mesmo que distantes de grandes centros econômicos. “O evento foi um sucesso, tanto que há a expectativa de uma nova edição, no ano que vem, quando esperamos que as coisas estejam mais normalizadas. O que permitirá a realização de um evento presencial, que trará um ganho muito grande em network para os participantes”, finalizou.


Vem aí a Graduação Mais da Unijuí

É mais protagonismo e mais inovação para toda a região Noroeste.

             
 

Vivemos um mundo em transformação. Surgem novas tecnologias, novas ideias, novas formas de fazer acontecer. Por isso, é necessário se reinventar: vem aí a Graduação Mais Unijuí, uma proposta única e inovadora para a região Noroeste do Estado. A Universidade se renova para formar profissionais cada vez mais qualificados, conectados com o mercado de trabalho e capacitados para os desafios da sociedade. Possibilitar que mais pessoas participem consigam fazer a formação em uma Universidade. 

Estas mudanças nos cursos de Graduação da Unijuí já estarão disponíveis no próximo Vestibular de Verão da Unijuí, para os vestibulandos 2021. No dia 21 de outubro abre o período de inscrições ao processo seletivo, sendo que, para os cursos presenciais a prova está prevista para ocorrer no dia 06 de dezembro deste ano. Tendo em vista o cenário provocado pela pandemia da covid-19, a Universidade está preparada para realizar o processo de forma presencial ou totalmente online. 

O que vai mudar, então?

A Unijuí remodelou os cursos de graduação, propondo inovações que estão se consolidando no cenário da educação superior, como os currículos por competências e módulos, projetos integradores e formação pessoal e profissional. Nossos estudantes passam a ficar ainda mais próximos da realidade do mercado de trabalho, aprendendo e vivendo, de forma dinâmica, os desafios de suas profissões. Além disso, começam a trabalhar de forma integrada com diversas áreas do conhecimento, complementando suas formações. Vamos formar profissionais com competências profissionais e pessoais desejáveis no mercado de trabalho, pessoas ainda mais comprometidas para o desenvolvimento da sociedade em que vivemos. 

Desta forma, o estudante da Unijuí irá encontrar uma Universidade preparada para transformá-lo em um profissional inovador. Da mesma forma, a comunidade regional será beneficiada diretamente a partir de ações propostas pelos novos currículos, que têm por objetivo atender desafios reais, demandados pela própria comunidade. Já o estudante veterano e o egresso poderão viver essa nova experiência a partir de mentorias. E, a partir desses atores, a Universidade também cresce, tornando-se ainda mais plural, inovadora e abrangente. 

“O que significa o Mais para nós: é uma Universidade mais ágil, com mais sinergia, priorizando pessoas, já que toda a nossa estrutura e proposições só fazem sentido com as pessoas que a fazem: estudantes, professores e técnicos-administrativos. Agora temos até dezembro para finalizar a organização interna da instituição, que está em andamento, com um programação que envolve toda a Instituição”, afirma a Reitora da Unijuí, professora Cátia Nehring.

Atenção!

Os novos currículos para a Graduação Mais Unijuí não contempla o curso de Medicina e os tecnólogos de Gastronomia e Estética e Cosmética da Universidade, bem como o Ensino a Distância, que seguem na lógica em que já são ofertados pela Unijuí. Saiba mais sobre a seleção para Medicina e também aos cursos EaD, neste link.

 


Unijuí entrega premiação aos vencedores do Desafio de Inovação Social

             
 

Na tarde de terça-feira, dia 06 de outubro, foi realizada a  entrega da premiação para as equipes vencedoras do Desafio de Inovação Social de Inovação com foco nos objetivos de desenvolvimento sustentáveis (ODS), atividade que foi realizada na Incubadora de Economia Solidária e Desenvolvimento Sustentável  - ITECSOL da Unijuí. 

A responsável pela ITECSOL, Elizandra Cristiane Pinheiro da Silva, acompanhou a entrega aos vencedores. Nesta ocasião ainda, a chefe do núcleo de empreendedorismo da Criatec, Maria Odete Palharini, se reuniu com o professor Carlos Guilherme Probst, para realizar o alinhamento  quatro bolsas Profap de extensão, sendo dois em 2020 e dois em 2021.

Nesta edição, a ideia vencedora foi o aplicativo Conecta Ijuí, que visa integrar setores da sustentabilidade e vender soluções de mercados vinculados aos ODS, desenvolvendo o tripé da sustentabilidade, conectando a população a facilitadores que supram suas necessidades e fortaleçam as práticas ambientais. O grupo levou como prêmio R$ 1 mil em dinheiro e uma vaga na pré-incubação da ITECSOL - Incubadora de Economia Solidária e Tecnologias Sociais (valor econômico de R$ 1.428,00).

Em segundo lugar ficou a equipe SustenGarden - design de hortas integradas, que desenvolveu a ideia de hortas orgânicas em jardins, como composteiras, sistemas de coletas pluviais, tratamento  de efluentes domésticos através de wetland com bananeiras; fomentando a produção de alimentos em áreas urbanas, alimentação segura e reciclagem de orgânicos, diminuindo, assim, a quantidade de orgânicos para a coleta seletiva municipal em benefício socioambiental local.  Como prêmio o grupo ganhou R$ 800 em dinheiro. A equipe demonstrou interesse em realizar um contrato de  pré-incubação para desenvolver a ideia formatada no desafio, dessa forma foram orientados com relação ao contrato.

Com o terceiro lugar ficou a equipe Coleta Seletiva Consciente. Este grupo apresentou a ideia de divulgação, aprimoramento e alimentação do projeto CidadeMob; Implementação de coleta seletiva nas empresas e espaços públicos da comunidade, especialmente nas UBS de cada bairro; Logística de recolhimento dos resíduos pela Associação a partir das informações do aplicativo;  Realização de Feiras do Meio Ambiente, promovendo uma competição entre projetos desenvolvidos nas escolas do município, incentivando o desenvolvimento dos mesmos e despertando o interesse nos alunos do cuidado pelo Meio Ambiente, em especial, pelo descarte correto do lixo. A partir de parcerias entre a SMED, Universidade e empresas. Como prêmio os integrantes ganharam R$ 300 em dinheiro. 

Já em quarto lugar ficou a ideia Lixo, quem se lixa? - implementação de um sistema de selos, por meio de uma plataforma digital (website), na qual as empresas e entidades interessadas deverão se inscrever e passar por avaliações, através de um sistema de Pontos. O selo renovar irá garantir que uma empresa que busca soluções sustentáveis, terá um maior reconhecimento e visibilidade em meio a população. Este grupo também ganhou um prêmio de R$ 300 em dinheiro.

Realizado pela Vice-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, o Desafio de Inovação Social teve o patrocínio da 3Tentos Agroindustrial, Cérelus e Novatech Agro. Também tem o apoio da Agência de Inovação e Tecnologia, Incubadora de Economia Solidária, Desenvolvimento e Tecnologia Social - Itecsol e da Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica - Criatec.


#SomosMaisUnijuí: Reitora da Unisc compartilha experiências de reinvenção institucional com a Unijuí

              

Neste momento do processo de reinvenção institucional que a Unijuí está realizando, é importante buscar contribuições de universidades que vivenciaram esta prática, bem como fazer interações com a comunidade acadêmica, visando aproveitar o vasto potencial de oportunidades que este momento está apresentando. 

Por esta razão, foi realizada, nesta terça-feira, dia 06, a palestra “Como as Universidades podem se Reinventar para enfrentar Novos Cenários”, momento em que a Reitora da Unisc, professora Carmen Lúcia de Lima Helfer, compartilhou as experiências da Universidade relacionadas ao processo de reestruturação, trazendo uma abordagem sobre as mudanças e enfrentamentos dessa Instituição.

Na oportunidade, professores e técnicos-administrativos dos quatro Campi tiveram um espaço de discussão na busca por uma universidade mais dinâmica, cujo propósito maior é formar um sujeito comprometido e capaz de fazer a diferença na sociedade, a partir do desenvolvimento de novos conhecimentos. “Estamos realizando há algum tempo reuniões com todos os segmentos da Instituição, no intuito de construir esta reinvenção da Unijuí. Temos muito trabalho pela frente, mas em prol de um objetivo comum: mantermos a pertinência e a grandeza de nossa Unijuí na vida de nossa região e de nossos jovens que acreditam no papel fundamental da educação”, observou a Reitora da Unijuí, professora Cátia Nehring, na abertura do evento desta terça-feira.

Na sequência, a professora Carmen Lúcia de Lima Helfer apresentou como se deu o movimento de reinvenção da Unisc, de Santa Cruz do Sul, nos últimos anos. “O compartilhar experiências, problemas e dúvidas, tem sido uma prática das nossas instituições comunitárias, principalmente pela aproximação via Comung. E este processo de reinvenção é muito interessante, partindo da ideia de que é recriar, rever-se, rever o outro processo de aprender e desaprender. Não são só palavras a serem ditas, mas práticas a serem ditas e constituídas pelas pessoas que fazem a instituição. Não adianta os gestores quererem uma mudança, se na base, docentes e técnicos, não tivermos este comprometimento e atitude de querer mudar”, observou. 

Segundo a palestrante, a Unisc sentiu esta necessidade de mudanças por um cenário de incertezas que foi se concretizando, muito em razão da queda de receitas e de um quadro que não apontava um futuro fácil. “Claro, não tantas incertezas como as de hoje, neste 2020. Na época fizemos um diagnóstico institucional e concluímos que precisávamos de um reestruturação para construir uma Universidade mais ágil, com processos mais simplificados, uma instituição mais flexível e mais conectada com a sociedade, com os problemas reais da nossa comunidade”, complementou.

Depois da exposição da professora Carmen Lúcia, os participantes puderam realizar questionamentos para debater sobre as questões de reinvenção institucional pertinentes para o momento.

           


Outubro Rosa: Unijuí está engajada para promover ações de prevenção

            


A Unijuí novamente está engajada nas ações do Outubro Rosa, movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama, criado no início da década de 1990. O mês é dedicado anualmente com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre a doença; proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

Em 2020 a Unijuí vestiu as redes sociais com a cor da campanha, no intuito de dar a visibilidade necessária ao movimento também na Universidade, além de programar uma série de ações, como a divulgação de informações importantes de prevenção aos públicos pelos canais da Instituição. Acompanhe o site, redes sociais e canais internos de comunicação da Universidade, onde serão realizadas as ações ao longo deste mês.

           


Confira como foi o Rally Latinoamericano de Innovación, evento sediado pela Unijuí no Brasil

             

Na sexta e sábado, dias 02 e 03 de outubro, a Unijuí foi a sede brasileira do Rally Latinoamericano de Innovación, competição internacional que visa promover a inovação aos estudantes universitários da América Latina, de forma totalmente online em razão da pandemia da covid-19. Participaram da competição 32 alunos, contando com estudantes da Unijuí e uma delegação de estudantes da Paraíba. 

A competição ocorreu simultaneamente em diversos países da América Latina. Como sistemática, as equipes selecionaram um desafio, dentre sete opções (clique aqui e saiba mais sobre), entender ele, moldar as equipes, propor uma solução, identificar os beneficiários, validar e ajustar uma proposta, que foi apresentada em um vídeo com duração de até três minutos. Cada grupo teve 28 horas para desenvolver todo o trabalho. Depois da conclusão, os grupos também tiveram um tempo de dois minutos para a defesa. Além disso, entregaram um relatório programado (que incluiu uma análise via Canvas) explicando o potencial impacto sustentável e social da proposta. Todo o material entregue pelas equipes se tornará parte de domínio público. 

O evento foi organizado na Unijuí com o apoio técnico da Agência de Inovação e Tecnologia (Agit) e Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica (Criatec), setores ligados à Vice-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí.

                

Como foi participar?

A equipe Conexão Parahyba, englobando estudantes da IFPB e a UFPB, foi vencedora da sede Santa Rosa e também da etapa nacional do Rally. “Participar do evento foi e está sendo uma experiência muito enriquecedora. Esse foi o primeiro contato que todos da nossa equipe tiveram com uma competição nesse estilo e, apesar de ficarmos sabendo dessa competição pouco tempo antes, através de uma colega, conseguimos montar uma equipe com alunos de diferentes áreas da engenharia e diferentes universidades da Paraíba. A conquista da etapa nacional foi um momento muito emocionante para nós, tanto por representar nosso estado e nossa universidades, quanto para demonstrar todo o potencial que o Brasil tem”, salienta Kamilly Carvalho, uma das integrantes da equipe.

Ainda segundo ela, “enquanto estudante de Engenheira Elétrica do IFPB, esse evento é de grande importância para o meu crescimento individual, pois todo o conhecimento agregado durante a nossa formação reflete na nossa carreira, e isso inclui competições como o Rally, que desenvolve habilidades que vão além da sala de aula, como: criatividade, liderança, trabalho em equipe, soluções práticas para problemas reais, entre outras. Espero participar das próximas edições e contribuir com o desenvolvimento dessa cultura de inovação e criatividade, além de colaborar na divulgação da competição no meu estado”, complementa.

Confira o vídeo de defesa da ideia do grupo

          

Já para a estudante Raíssa Castro Schorn, mestranda em Desenvolvimento Regional da Unijui, integrante da equipe Esperança, vencedora da sede Ijuí, participar do Rally Latino foi muito desafiador. “Realizamos diferentes atividades em um curto período de tempo. Aavalio a participação no evento como algo muito produtivo, uma vez que nos desafia a novas interações, produções, a desenvolver a criatividade, o espírito crítico, trabalho em equipe, liderança, competências importantes à formação pessoal e profissional. Nesse aspecto, observo o contato com os integrantes da equipe mexicana, pois uma das atividades do Rally era a interação com um grupo de outro país. O contato com esse grupo foi uma experiência fantástica no sentido da aprendizagem, do acolhimento, da colaboração, iniciativa e solidariedade, especialmente. Embora estivéssemos em um evento competitivo, o espírito de colaboração prevaleceu, tendo em vista o limite de tempo do evento, do cumprimento das tarefas e minha dificuldade em compreender orientações em outro idioma. Me descobri capaz de enfrentar novos desafios e por isso, agradeço à Unijuí pela oportunidade”, finaliza.

Confira o vídeo de defesa da ideia do grupo