COMUNICA

PORTAL DE NOTÍCIAS DA UNIJUÍ

Institucional

Criatec Santa Rosa fortalece mapa de inovação do Rio Grande do Sul

O Rio Grande do Sul está entrando cada vez mais na rota global da inovação. Um conjunto de ambientes inovadores e mecanismos de geração de empreendimentos, como incubadoras, aceleradoras, coworkings, universidades, parques tecnológicos e institutos públicos e/ou privados, dão sustentação a um cenário propício para o desenvolvimento de startups de alto impacto e grande potencial de sucesso.

Segundo dados da ABS Startup Base, o Estado figura em segundo lugar em número de startups, com 897, ficando atrás apenas de São Paulo. Embora a concentração seja maior na região metropolitana de Porto Alegre, estendendo-se até o Vale dos Sinos (Novo Hamburgo e São Leopoldo), a cadeia de inovação gaúcha tem capilaridade no interior. 

A região Noroeste ainda está no início do florescimento de Startups, mas Santa Rosa já aparece no mapa da inovação no Rio Grande do Sul, como uma das cidades com maior concentração de startups e centros de inovação mais relevantes, segundo a última edição da Revista Mais Sebrae, que mostra o mapa da inovação no Estado. 

Muitas destas empresas surgem a partir de incubadoras e ambientes de inovação desenvolvidos por Universidades, entre elas a Unijuí, a partir da atuação da Criatec, a Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica. A incubadora atua desde 2010 em Santa Rosa, é pioneira no município e conecta a região Noroeste com os principais ambientes de inovação do Estado e promove qualificação aos empreendedores. Já graduou três empresas, atualmente possui nove empresas incubadas e já apoiou mais de 15 projetos de negócios. 

Uma das startups graduadas é a Gorila APP, plataforma completa, integrada e automatizada de pesquisa que busca resultados na gestão da satisfação de clientes e colaboradores em tempo real.  A startup Avansee é uma das empresas incubadas que está voltada ao desenvolvimento de tecnologias que proporcionam maior rentabilidade e aproveitamento de recursos para o agronegócio, por meio da conectividade, análise e controle.

O analista de negócios da Criatec do campus Santa Rosa, Lucas Escher, ressalta que a união de esforços somará ao desenvolvimento regional. “Com universidades de qualidade, empresas e poder público compartilhando os mesmos propósitos, os ambientes e espaços de inovações no interior terão a oportunidade de transformação da matriz produtiva, gerando novas tecnologias e com isso atrair e reter talentos, criando empregos e fomentando a economia”, observa.

A Criatec em Santa Rosa

A Incubadora Criatec em Santa Rosa, conta com uma infraestrutura física e tecnológica qualificada para atender as empresas incubadas, composta por 10 salas equipadas para uso individual das empresas, espaço coworking, laboratório de prototipagem e testes (FabLab) espaço para reuniões, sala de capacitação e treinamentos, e ainda a possibilidade de uso dos demais laboratórios da Universidade. Disponibiliza também um pacote de serviços de qualificação e consultorias de apoio aos empreendedores para desenvolver as empresas.

 


Unijuí e Bruning realizam encontro para alinhamento de pesquisas

Representantes da Unijuí, entre eles o Pró-Reitor do campus Panambi, Nelson Thesing, e os professores do curso de Engenharia Mecânica e dos programas Stricto Sensu em Modelagem Matemática e Desenvolvimento Regional, Maurício de Campos, Airam Sausen, Paulo Sausen, Patricia Pedrali, Manuel Binelo, Jorge Oneide Sausen, Daniel Knebel Baggio, além do gerente da Agência de Inovação e Tecnologia da Unijuí (Agit), Maiquel Silva Kelm, estiveram visitando a Bruning, em Panambi, na terça-feira, dia 16. Eles foram recebidos pela equipe de pesquisa e desenvolvimento da empresa, composta por Diego Tolotti (ccordenador), Daniela Bertol, Paola Oliveira, e por Gustavo Durks, do setor de Recursos Humanos. O objetivo do encontro foi realizar um alinhamento entre as pesquisas realizadas na Universidade e a empresa, além de incentivar a inovação tecnológica, aproximando o setor produtivo e a pesquisa desenvolvida na Unijuí. 

Segundo o gerente da Agit, Maiquel Kelm, a Universidade tem buscado estreitar o relacionamento com o meio empresarial em sua região de atuação e, a partir de uma série de encontros promovidos pela Agência, surgiu a possibilidade de aproximação entre a Unijuí e a Bruning. Os professores realizaram uma visita técnica ao parque fabril da empresa e também foram apresentados à metodologia que Bruning tem utilizado para desenvolver pesquisas aplicadas. Além disso, a agenda teve como propósito alinhar a interação entre os professores pesquisadores da Universidade e os profissionais pesquisadores do P&D Bruning. “A perspectiva futura é de que a partir dessas interações a Unijuí e a Bruning possam trabalhar em conjunto para encontrar soluções e melhorias tecnológicas que possam servir de beneficio para a Universidade e para a empresa”, destaca Maiquel. 


Unijuí debate ampliação do polo tecnológico com instituições de ensino da região

A Pró-Reitoria da Unijuí Santa Rosa recepcionou na tarde de quarta-feira, dia 17, o diretor das Faculdades Integradas Machado de Assis (Fema), Antônio Ternes, e o administrador da Tecnopuc, Júlio Cesar Ferst, para abordar assuntos referentes ao fortalecimento do Polo de Inovação e Tecnologia da Fronteira Noroeste. Durante a visita foi destacado o potencial da Unijuí no desenvolvimento da região e mencionadas algumas ações para o futuro que poderão envolver as diversas Instituições de Ensino Superior (IES), por meio de um projeto consistente e único de fortalecimento e estímulo à inovação e à tecnologia da Grande Santa Rosa.

Na conversa também foi ressaltada a importância da Setorial do Ensino Superior, criada pelo Corede/FN, que teve início neste ano e que poderá ser o caminho de fortalecimento das IES para vencer os desafios vivenciados pelo setor educacional e pela transformação a partir da inovação tecnológica. Durante o encontro, o administrador da Tecnopuc detalhou como se deu o processo de criação do Parque Tecnológico da PUC em parceria com a iniciativa privada e do Parque Tecnológico da Unisinos, o qual também teve oportunidade de acompanhar desde sua criação, seguindo cada um o seu próprio modelo.

Para o Pró-Reitor do campus Santa Rosa, professor Marcos Paulo Scherer, essa visita fortalece o diálogo já iniciado a partir da criação da setorial de Ensino Superior da Região Fronteira Noroeste, unindo-se às intenções da Universidade. “A Unijuí já avançou em algumas ações em prol do desenvolvimento regional e disponibilizou, inclusive, a possibilidade de utilização em conjunto e de modo colaborativo dos prédios do antigo Núcleo de Modernização Tecnológica de Santa Rosa, localizados na área aos fundos do Parque de Exposições, para novas empresas incubadas ou já graduadas de outras IES também se instalarem no local”, finalizou.


Instituições de Ensino recebem exposição itinerante de Sebastião Salgado

A exposição temporária de Sebastião Salgado proporcionou à comunidade escolar santa-rosense, do Instituto Sinodal Da Paz e do Colégio Salesiano Dom Bosco, acesso aos bens culturais do Museu Antropológico Diretor Pestana (MADP), mantido pela Fidene. As Instituições de Ensino receberam nas últimas semanas a exposição itinerante que mostra a história de pessoas que, pressionadas por circunstâncias políticas, sociais ou econômicas, deixaram para trás sua terra natal, provocando reflexões, através do olhar humanista de Sebastião Salgado, sobre a situação de migrantes, refugiados ou exilados que tentam escapar da pobreza, da repressão ou da guerra.

A exposição é composta por 58 quadros, divididos em cinco partes: Refugiados e Migrados, África, Luta pela Terra, Megacidades e Retratos de Crianças. As escolas receberam 20 quadros que destacam a infância nas mais diferentes situações e culturas. Os interessados em levar as exposições para suas entidades podem entrar em contato com o Museu pelo e-mail madp@unijui.edu.br ou pelo telefone (55) 3332- 0257 ou (55) 3332-0252.


Incubada da Criatec é destaque regional na prestação de serviço ambiental empresarial

Atuando há dois anos no noroeste do estado, a empresa Químea Ambiental trouxe para a região inovação em serviços ambientais. Integrante da Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica da Unijuí (Criatec), em Santa Rosa, a empresa conta com uma equipe multidisciplinar composta por profissionais especializados em diferentes áreas. Hoje possui como carro chefe o Programa Consciência Verde, o qual caracteriza-se por um mix de serviços que visam a melhoria contínua, redução de riscos ambientais e consequentemente de multas, suporte técnico especializado, adequação e monitoramento ambiental, gerenciamento de resíduos, baixo investimento e valorização da marca a partir da responsabilidade ambiental.

De acordo com um dos sócios, Anderson Decker, “na região Noroeste apenas 30% das empresas cumprem a legislação ambiental de forma satisfatória. Desse modo, o maior desafio é posicionar-se como uma empresa que busca atender, realmente, a legislação ambiental e não apenas realizar o processo administrativo de licenciamento, sem observar, no mínimo, o cumprimento das condicionantes, uma vez que nos deparamos com uma forte cultura da não conformidade ambiental”, ressalta.

A Químea tem uma relação muito forte com a Universidade, o contato empresa e universidade é uma relação recíproca. “Ao mesmo tempo em que a empresa tem a possibilidade de usufruir de uma ótima infraestrutura, enriquece suas áreas de inovação e criatividade, através da participação em cursos e workshops de capacitação, além do contato com professores especialistas e jovens alunos, ela também leva a realidade do mercado para dentro da universidade, fomentando e inspirando o espírito empreendedor nos alunos. Nesse sentido, a Criatec é uma grande parceira da Químea na região Noroeste”, afirma Anderson.

Anderson também destaca os diferenciais da empresa. “Nosso grande diferencial é desenvolver soluções para melhorar as práticas ambientais dos negócios, por meio da gestão, controle e acompanhamento de todas as atividades através de relatórios fotográficos e descritivos, com plano de ação para adequação, treinamento de todos os colaboradores, além da busca de oportunidades na área ambiental, como melhoria de processos, novos negócios e redução de custos. Também possuímos setor de marketing interno para demandas de clientes na área ambiental e uma plataforma de busca por destinos adequados para os resíduos. Auxiliamos nosso cliente desde um orçamento até a execução de toda e qualquer atividade que possa trazer risco ambiental e implantamos um Sistema de Gestão Ambiental eficiente e economicamente viável”, conclui.

Interessados poderão visitar a empresa na Incubadora Tecnológica, localizada na Unijuí campus Santa Rosa, ou contatar pelo telefone (55) 3511-5200, ramal 4023 e (55) 9 9947-9363.

Equipe Químea Ambiental em Santa Rosa


Programa de estímulo ao empreendedorismo da Unijuí está com inscrições abertas

Universidade estimula o empreendedorismo e oferece auxílio a pessoas que desejam investir no próprio negócio.

A Incubadora de Empresas da Unijuí oferece estrutura e formações para quem deseja empreender.

A Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica da Unijuí (Criatec), buscando alavancar o empreendedorismo e a inovação nas regiões de atuação da Universidade, está trabalhando o Programa Viver Empreendedor com um novo formato. O foco de atuação do Programa é em negócios nas áreas de tecnologia, informação e comunicação, energias renováveis, automação residencial e industrial, eficiência e qualidade de energia, tecnologia de alimentos, saúde, economia criativa e agronegócio.

O novo formato visa constituir turmas, integradas por pessoas interessadas em empreender com o apoio da Incubadora. Os interessados devem realizar a inscrição até o dia 31/07. No primeiro dia de agosto haverá um encontro com a presença de todos os inscritos. Serão oito encontros de qualificação com duração de duas horas cada.

Durante os encontros, o Programa oferecerá aos inscritos contato com metodologias de negócio e oficinas de criatividade, contando com o apoio da pós-doutoranda em Desenvolvimento Regional da Unijuí, Dra. Glória Charão Ferreira. Os encontros serão finalizados no mês de novembro, quando os participantes inscritos já estarão aptos para o processo de incubação ou de criação do próprio negócio fora da Incubadora. Após isso, será aberto um novo período de inscrições.

A Criatec disponibiliza infraestrutura física e tecnológica qualificada para atender as empresas incubadas. Possui 11 salas equipadas para o uso individual das empresas, espaço de coworking e laboratório de soluções criativas, laboratório de prototipagem e testes, sala de reuniões com videoconferência, sala de capacitação, e ainda a possibilidade de uso dos demais laboratórios da Universidade. 

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas por meio do site www.criatecunijui.com.br.

A Criatec oferece formações e estrutura para empreender. Confira imagens:


Campus Três Passos passa a atender em novo horário

               

Para melhor atender a comunidade local, a partir do dia 15 de julho o horário de atendimento externo da Pró-Reitoria, da Central de Atendimento ao Aluno, do Núcleo Acadêmico e da Tesouraria do campus Três Passos passa a ser das 16h às 22h. A Biblioteca manterá o horário normal das 13h30 às 22h.

O Escritório Modelo funciona terça, quinta e sexta-feira das 13h40 às 17h. Já o Balcão do Consumidor atende segunda, terça, quarta e sexta-feira, das 13h às 18h.


Criatec conecta a região Noroeste ao mapa das startups gaúchas

                        

O Rio Grande do Sul tem se tornado, ao longo dos últimos anos, um fértil terreno para o nascimento e crescimento de Startups. O estudo Gaúcho Tech Mining Report, noticiado por Zero Hora neste mês de julho, que mapeou 422 empresas deste tipo para montar um panorama do setor, mostra o potencial destes empreendimentos.

O maior número delas (mais de 56%) está na região metropolitana, em áreas como marketing, tecnologia da informação, saúde, sistema financeiro, varejo, indústria e agropecuária. A região Noroeste ainda está no início do florescimento de Startups, concentrando 1,5% delas, de acordo com o levantamento. Muitas destas empresas surgem a partir de incubadoras e polos tecnológicos desenvolvidos por Universidades gaúchas, entre elas a Unijuí, a partir da atuação da Criatec, a Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica, fundada em 2007, que conecta a região Noroeste com os principais polos de inovação do Estado e promove qualificação aos empreendedores.

Uma das Startups incubadas na Criatec é a Infinutum Tecnologia e Inovação, que trabalha com solução para gestão de frota, acerto e jornada de trabalho. “A gente também trabalha com o desenvolvimento de sistemas web e aplicativos sob demanda”, observa Ana Prante, uma das sócias da empresa.

A empresa surgiu a partir da Olimpíada Empreendedora, desenvolvida pela Universidade no ano de 2015. O grupo foi vencedor desta competição proposta e conquistou uma vaga de Pré-Incubação. Na época, a ideia era desenvolver um aplicativo sobre os ônibus urbanos em Ijuí, uma solução em forma de aplicativo que monitorava o local e o tempo de demora em que a linha solicitada pelo usuário demoraria para chegar no local onde ele se encontrava. Depois de a equipe entrar na Criatec novas ideias foram surgindo e modelando o perfil da empresa.

Segundo Ana a Criatec tem auxiliado muito no desenvolvimento e amadurecimento da Infinitum: “em primeiro lugar com a estrutura necessária, nos proporcionando sala própria, equipamentos e na questão de qualificação, de networking. Aprendemos muito aqui, pois não tínhamos conhecimentos de gestão, de negócio, financeiro, comercial, etc, e na Incubadora somos capacitados em todas estas áreas”, complementa.

                         

A Criatec

A Incubadora Criatec conta com uma infraestrutura física e tecnológica qualificada para atender as empresas incubadas, composta por 11 salas equipadas para uso individual das empresas, espaço de coworking e laboratório de soluções criativas, laboratório de prototipagem e testes sala de reuniões com videoconferência, sala de capacitação, e ainda a possibilidade de uso dos demais laboratórios da Universidade. Disponibiliza também um pacote de serviços de qualificação e consultorias de apoio aos empreendedores para desenvolver as empresas.

O que é uma Startup

Segundo a Associação Brasileira de Startups, dentre as principais características que diferenciam e definem uma startup, destacam-se:

Inovação: a startup apresenta um produto ou serviço novo – ou com aspectos novos em seu modelo de negócio – para o mercado a que se destina, como elementos de diferenciação.

Escalabilidade: o modelo de negócio de uma startup precisa ser escalável, isto é, poder atingir rapidamente um grande número de usuários a custos relativamente baixos.

Repetibilidade: o modelo de negócios de uma startup deve ser repetível, ou seja, deve ser possível replicar ou reproduzir a experiência de consumo de seu produto ou serviço de forma relativamente simples, sem exigir o crescimento na mesma proporção de recursos humanos ou financeiros.

Flexibilidade e rapidez: em função de sua característica inovadora, do ambiente incerto e altamente competitivo, a startup deve ser capaz de atender e se adaptar rapidamente demandas do mercado. Geralmente, tem estruturas enxutas, com equipes formadas por poucas pessoas, com flexibilidade e autonomia.


Mérito Fidene homenageou professores e técnicos-administrativos marcando os 50 anos de Fundação

                    

Ao longo de toda a história de Ensino Superior na região Noroeste, desde a criação da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ijuí, a FAFI, há mais de 60 anos, a Instituição valoriza o comprometimento dos seus professores e técnicos-administrativos. Em 2019 a Fidene - Fundação de Integração, Desenvolvimento e Educação do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul completa 50 anos e, para marcar a data, uma homenagem especial foi conferida aos professores e técnicos-administrativos das quatro mantidas: Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul - Unijuí, Museu Antropológico Diretor Pestana, Rádio Educativa Unijuí FM e Centro de Educação Básica Francisco de Assis - EFA. 

O evento denominado “Mérito Fidene” realizado na tarde desta quinta-feira, 11, no Salão de Atos Argemiro Jacob Brum, homenageou 218 pessoas que completam 15, 20 e 25 (ou mais) anos de casa neste ano. Na oportunidade foram homenageadas 21 pessoas na categoria Ródio, completando 15 anos, 22 pessoas na categoria Prata, que estão completando 20 anos e, por fim, 170 pessoas na categoria ouro, completando 25 anos ou mais de Fundação em 2019. Todos os homenageados receberam da professora Cátia Nehring, presidente da Fidene e reitora da Unijuí, um Pin comemorativo. Durante o evento também ocorreu a apresentação artística do professor e músico Oseias Machado e posteriormente foi servido um coquetel de confraternização.  

Junto ao Pin comemorativo os homenageados receberam a seguinte mensagem:

“O Mérito Fidene simboliza o reconhecimento institucional pelo trabalho desempenhado durante esses anos com dedicação e comprometimento.

Destaca sua importância como pessoa que auxiliou na concretude do propósito da FIDENE de conseguir “a integração e o desenvolvimento regional pela educação”.

Parabéns pelo seu percurso profissional nesta Instituição!”

Nelite Monteiro, técnica-administrativa com mais tempo de casa, com 43 anos de atuação, fez um pronunciamento em nome da categoria. “Tive muitos desafios e aprendi com todos com quem convivi. Me sinto realizada e tenho muito orgulho e gratidão pela Fidene”. Em seguida a professora Eronita Silva Barcelos, docente com mais tempo de atuação, contando com 54 anos na Universidade, também realizou um pronunciamento. “O meu sentimento é de gratidão pela trajetória coletiva percorrida durante todos esses anos. Tenho orgulho de pertencer a essa comunidade institucional e satisfação de ter contribuído com essa caminhada. Todos aprendemos juntos e crescemos com muito esforço. Recebam a nossa história como herança”, complementou.

Para a Reitora da Unijuí e presidente da Fidene, Cátia Maria Nehring, que realizou o pronunciamento final, o Mérito Fidene é um momento de reconhecimento e agradecimento pelo trabalho desenvolvido na Instituição. “Esse é um momento de muita emoção. Neste ato formalizamos esse desejo de reconhecer o empenho e a dedicação de nossos técnicos-administrativos e docentes, pessoas que nessas décadas construíram a sua história sendo protagonistas de muitas ações regionais. Uma grande instituição só se faz com grandes pessoas, que possuem um propósito em comum. Somente pela educação podemos fazer novas revoluções e transformações”, salientou.

 


Atuação das universidades comunitárias é pauta de encontro entre Comung e Assembleia Legislativa

O Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung) realizou nesta quarta-feira, 10, um encontro na Assembleia Legislativa entre representantes das universidades comunitárias, legislativo e executivo do estado. O encontro teve o objetivo de apresentar, oficialmente, as universidades comunitárias e a atuação de cada uma nas suas respectivas regiões.

A tesoureira do Comung e Reitora da Unijuí, professora Cátia Maria Nehring, destacou a atuação da Unijuí no desenvolvimento regional e a necessidade de alternativas para o fomento da atuação da Universidade. “Explicitamos o impacto de nossa atuação durante mais de 63 anos de existência no noroeste gaúcho e a necessidade de buscar alternativas de financiamento estudantil. O café foi muito positivo também na perspectiva de revermos os deputados da região, Ijuí, Panambi, Três Passos e Santa Rosa, destacando nossa contribuição para o desenvolvimento econômico a partir do nosso fazer: ensino, extensão, pesquisa e inovação”, comenta a professora.

O café da manhã reuniu mais de 20 deputados estaduais, liderados pelo presidente, Luís Augusto Lara, e pelo representante do governo Leite, secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luís da Cunha Lamb. Entre os presentes estavam os deputados estaduais da região noroeste, Gerson Burmann (PDT), Zilá Breitenbach (PSDB) e Aloisio Classmann (PTB). O presidente da Assembleia Legislativa, Luís Augusto Lara (PTB), destacou, na abertura do encontro, a necessidade de uma nova agenda para discutir a educação.

Na próxima segunda-feira, 15, o Deputado Gabriel Souza (MDB), presidente da Comissão da Educação, visitará Santa Rosa onde será recebido pelo Pró-Reitor do Campus da Unijuí no município, Marcos Paulo Scherer.