Mestrandos de Atenção Integral à Saúde produzem vídeo de orientação sobre o trabalho de parto

Estudantes do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Atenção Integral à Saúde, ofertado numa parceria entre a Unijuí e a Unicruz, desenvolveram um vídeo educativo que orienta as mamães sobre o trabalho de parto e o período que o antecede. A proposta foi realizada na disciplina de Educação em Saúde, sob orientação das professoras doutoras Adriane Kolankiewicz, Janaina Coser e Marília Krug. 

O grupo que elaborou o vídeo foi composto por Bernardo Cadó, Denise Casagrande, Douglas da Silva, Gabriela Garcez Breunig e Paula Friske. Os mestrandos perceberam que há desconhecimento, por parte das gestantes e acompanhantes, do parto e da rotina que envolve todo o trabalho de parto, além de não conhecer as estratégias que podem ser utilizadas nesse momento, e foi partindo desse contexto que produziram a proposta de roteiro interdisciplinar, mesclando todas as áreas de saúde essenciais para esse momento.

Segundo Denise Casagrande, uma das integrantes do grupo, a ideia surgiu pois o grupo percebeu que esse problema é constatado tanto no nível de Atenção Primária quanto no nível hospitalar, ou seja, na maternidade. “O objetivo do grupo é alcançar o maior número de gestantes e sensibilizar os profissionais de saúde, que acompanham o pré-natal, para que estes disponibilizem o conteúdo como uma ferramenta educacional para as mamães,” explica a mestranda.

O vídeo é de fácil compreensão e também possui o intuito de empoderar a gestante como protagonista do seu cuidado no momento do parto. O material ainda contribui para a Aliança Nacional para o Parto Seguro e Respeitoso, que reúne entidades dispostas a atuar em prol da redução da mortalidade materna e neonatal, além da garantia de direitos básicos para o parto e para os nascimentos seguros em nosso país.

Inicialmente, o grupo identificou o problema e a partir de artigos científicos encontrou como uma das possíveis soluções a elaboração do vídeo. Após a pesquisa, elaboraram um roteiro de gravação e ensaios, para que o conteúdo ficasse compreensível e de ótima qualidade. “Houve uma preocupação em relação ao preparo do ambiente, bem como de uma gestante para participar das encenações, de forma a conferir uma maior aproximação com a  realidade,” comenta Denise.

A mestranda ainda finaliza que “a partir desta experiência o grupo ampliou o olhar sobre a atuação enquanto educadores em Saúde, como  também percebeu a importância da atuação multiprofissional e intersetorial."

Para conferir o vídeo, acesse:

Gabriel R. Jaskulski, acadêmico de Jornalismo da Unijuí


Compartilhe!