Estudantes do Dinter realizam estágio no Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências

O Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências (PPGEC) recepcionou os estudantes do Dinter, Doutorado Interinstitucional entre a Unijuí e Unibalsas, na segunda-feira, dia 24, com a presença de representantes da reitoria, coordenação, professores, secretárias e estudantes, com explanação sobre o Programa e a Unijuí como um todo. 

Com o tema “Tempo passado como recordação e expectativa”, o professor Paulo Rudi Schneider fez uma reflexão sobre a importância da pesquisa e, para enriquecer ainda mais o momento, fez uma apresentação de violino.

A maioria destes doutorandos são docentes da Unibalsas e irão permanecer no Programa no período de 30 dias, para a realização do estágio, que prevê muitas demandas. Será um período de muita aprendizagem, pois os estudantes serão inseridos em atividades planejadas pelo PPGEC, sobretudo, momento intenso com seus orientadores, para a elaboração da tese de cada um. 

Destaca-se que o PPGEC iniciou as atividades do Minter e Dinter (mestrado e doutorado interinstitucional) em março deste ano, com um total de 30 estudantes. É a primeira oferta do Minter e Dinter, pela Unijuí, através do Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências, pelo convênio firmado com a Unibalsas.

Segundo a Reitora e professora da Unijuí/PPGEC, Cátia Maria Nehring, o Minter e Dinter representa uma ousadia de uma Instituição do interior do Noroeste do Rio Grande do Sul e de uma Faculdade no interior do sul do Maranhão que possuem a missão de transformar vidas, para que possam transformar o mundo.

Para o doutorando e Professor da Unibalsas, Jefferson Carvalho Barros, o curso trará resultados positivos. “Estou muito confiante de que essa imersão no universo do conhecimento aqui na UNIJUÍ trará muitos resultados para nossa formação acadêmica. Fomos muito bem recebidos e esperamos que esse momento seja de profunda reflexão e construção do conhecimento através do programa de Doutorado em Educação nas Ciências e que as vivências aqui experimentadas sirvam para contribuirmos com o desenvolvimento da educação em nossa região”, comentou.

De acordo com os professores do Colegiado do Programa e representantes da Coordenação, Maria Simone Vione Schwengber e Sidinei Pithan da Silva, o Programa empenha-se em formar estes doutores da Unibalsas, aptos a responder pelo título, sobretudo, pelas pesquisas desenvolvidas ao longo dos seus quase 25 anos de existência, com oferta de mestrado, doutorado e pós-doutorado, e nota 5 atribuída pela CAPES na última avaliação quadrienal, 2013-2016.

Trata se de um compromisso social pelo viés da pesquisa e da formação com a construção de um País e de uma nação. Outrossim, um desafio de compreender e intervir  na educação tendo em vista o enfrentamento de realidades que nos exigem do ponto de vista do comprometimento científico, filosófico, ético e político.

 

Compartilhe!