Destaques do Mestrado e Doutorado - Unijuí

Desenvolvimento

Unijuí promove missão de estudos cooperativos

O cooperativismo tem importante participação no desenvolvimento dos locais onde está inserido. Na região Noroeste, por exemplo, os interesses econômicos e sociais defendidos pelo modelo promovem benefícios diretos e indiretos aos cooperados e comunidades. Também em busca do desenvolvimento regional, a Unijuí é parceira do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado do Rio Grande Do Sul (Sescoop/RS) em diversas atividades, a exemplo da oferta do MBA em Gestão de Cooperativas, que conta com a participação exclusiva de colaboradores ou pessoas que possuem vínculos com cooperativas da região.

Nos dias 18 e 19 de novembro, a Unijuí promoveu uma missão de estudos cooperativos, que contemplou visitas a entidades e representações do cooperativismo em Porto Alegre e Nova Petrópolis. Participaram da viagem estudantes do MBA, que pertencem às cooperativas Cotrirosa, Coopermil, Sicredi, Unicred e Unimed, bem como convidados dessas entidades que possuem interesse na temática. Além disso, integraram o grupo mestrandos e doutorandos em Desenvolvimento Regional que têm como tema de pesquisa o cooperativismo e docentes da Unijuí. 

O coordenador do MBA em Gestão de Cooperativas, professor Pedro Büttenbender, destaca que a viagem teve como objetivo oportunizar aos estudantes pós-graduandos da Unijuí, tanto do MBA quanto do Mestrado e Doutorado, um contato direto com experiências exitosas do cooperativismo e das origens do mesmo. “A viagem foi de pleno sucesso, pois atingimos nossos objetivos e tivemos uma excelente recepção das cooperativas e entidades visitadas, reforçando o papel estratégico que a Unijuí cumpre no processo de educação cooperativa, tanto no ensino, quanto na pesquisa e no relacionamento com o sistema cooperativo e sua representação”, afirma o professor.

As visitas iniciaram no Sescoop/RS, em Porto Alegre, onde os participantes foram acolhidos pelo diretor, Hélio de Oliveira, e pelo professor da Escoop/RS, Deivid Forgiarini. O grupo pôde aprofundar o conhecimento sobre a organização do cooperativismo a nível estadual, nacional e mundial. Na oportunidade, também foram apresentados os programas já desenvolvidos em parceria com as cooperativas e as novidades do Serviço. 

Na sequência, os participantes visitaram o Centro Administrativo Sicredi, onde foram recebidos pelo presidente nacional da Sicredi Participações, Fernando Dall’Agnese, e conheceram alguns espaços físicos e projetos, especialmente ações ligadas ao ESG (Governança Ambiental, Social e Corporativa).

No segundo dia, as atividades iniciaram na Sicredi Pioneira, em Nova Petrópolis, onde os participantes conheceram projetos, estruturas e as marcas das origens do cooperativismo de crédito no Rio Grande do Sul, através de uma palestra ministrada pelo presidente da Sicredi Pioneira, Tiago Schmidt, e de uma visita guiada pelo professor Mário Konzen ao Memorial do Padre Amstad e à Casa Cooperativa de Nova Petrópolis. 

A última experiência, com objetivo cultural, foi no município de Encantado, junto ao monumento Cristo Protetor, projeto viabilizado coletivamente a partir de lideranças locais e que contribui para o crescimento do setor de turismo da região.

A estudante do MBA em Gestão de Cooperativas, Cláudia Arenhardt, destaca a importância das vivências, para complementar os aprendizados da Pós-Graduação e das rotinas de trabalho. “Tivemos a oportunidade de conhecer de perto aquilo que, ao longo do MBA, estudamos e referenciamos. A troca de ideias e experiências com diferentes ramos do cooperativismo foi de grande valia e agregou ainda mais conhecimento, especialmente com ideias e aplicações passíveis às nossas cooperativas”, relata Cláudia.


Últimos dias de inscrições para o Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional

As inscrições para o Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional (PPGDR) da Unijuí encerram-se no próximo domingo, dia 27 de novembro. Para as turmas de 2023, estão sendo ofertadas 25 vagas para o Mestrado e 12 para o Doutorado. Interessados podem acessar o edital completo e realizar sua inscrição no site www.unijui.edu.br/ppgdr, na aba “Processo seletivo e matrícula”.

Organizado a partir da área de concentração de Planejamento e Gestão, o PPGDR engloba duas linhas de pesquisa: Políticas Públicas, Planejamento Urbano e Gestão do Território; e Gestão de Organizações e Dinâmicas de Mercado. O processo seletivo será composto por três etapas: Currículo Lattes documentado, memorial descritivo-reflexivo e entrevista.

Os cursos de Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Regional são destinados a profissionais de Administração, Economia, Ciências Contábeis, Gestão Pública, Sociologia, Direito, Psicologia, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Sistemas de Informação, Arquitetura e Urbanismo, Design, História, Geografia, Agronomia, Nutrição e áreas que implicam no desenvolvimento de sociedades. 

Mais informações podem ser obtidas junto à Secretaria do Programa, por meio do e-mail ppgdr@unijui.edu.br ou do telefone (55) 3332 0452 - Ramal 3102.


Simpósio promovido pelo PPGDR inicia com debate sobre perspectivas e desafios para a América Latina

Nesta quarta-feira, dia 9 de novembro, iniciou oficialmente o III Simpósio Latino-Americano de Estudos de Desenvolvimento Regional (SLAEDR), promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional da Unijuí (PPGDR), Red Latinoamericana de Gestión Social (Relags) e Rede Aranduassu de Estudos Regionais, em parceria com a Red Cidir, Redeteg e Observa DR. 

Esta edição do evento, que abrange ainda o III Encuentro Latinoamericano de Gestión Social (Elags) e o VII Seminário Internacional de Integração e Desenvolvimento Regional (Sider), acontece de forma online e aborda a temática “Sustentabilidade, Inovação, Estatalidades, Capacidades Territoriais e Cidadania na Nova (Des)Ordem Mundial”. São apoiadores o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). 

Após a solenidade de abertura, que ocorreu ontem, às 10h, e contou com a participação do coordenador do PPGDR, professor Sérgio Allebrandt, e do vice-reitor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Unijuí, professor Fernando González, foi realizada a primeira conferência da programação, intitulada “Ordem Mundial e Relações Sul-Sul: Perspectivas e Desafios para a América Latina”. No turno da tarde, a Mesa 1 teve como tema “O Cooperativismo e Desenvolvimento Regional” e foi seguida por apresentações de trabalhos científicos.

Já nesta quinta-feira, 10, as apresentações iniciaram no turno da manhã, às 8h15. Na sequência, às 10h30, ocorreu a Mesa 2, sobre “Geopolítica - A (Des)Ordem Mundial”. Das 14h às 15h45, a Mesa 3 trouxe para debate o assunto “O Papel da Inovação no Desenvolvimento e Integração Regional”, sendo seguida por uma nova sessão de apresentações. Já no turno da noite, às 19h30, acontecerá a Mesa 4: “Planejamento Urbano e o Desenvolvimento das Cidades e Territórios”.

Na sexta-feira, 11, das 8h15 às 12h30, será realizada a última rodada de apresentações de trabalhos. Durante a tarde, a partir das 15h30, ocorrerá a Mesa 5, com o tema “Gestão Social e Desenvolvimento Territorial”. Logo após, às 17h30, acontecerá o encerramento oficial do III SLAEDR.

As conferências e mesas temáticas estão sendo transmitidas ao vivo, no canal do PPGDR no YouTube. Além disso, no site unijui.edu.br/eventos estão disponíveis os links para acesso e o cronograma completo.


III SLAEDR reúne pesquisadores de diversos países na próxima semana 

Na próxima semana, de 8 a 11 de novembro, será realizado o III Simpósio Latino-Americano de Estudos de Desenvolvimento Regional (SLAEDR), simultaneamente com o III Encuentro Latinoamericano de Gestión Social (ELAGS) e o VII Seminário Internacional de Integração e Desenvolvimento Regional (SIDER). A programação ocorrerá de forma online e terá a temática “Sustentabilidade, Inovação, Estatalidades, Capacidades Territoriais e Cidadania na Nova (Des)Ordem Mundial”. 

As atividades irão iniciar na terça-feira, dia 8, com a realização de três reuniões pré-evento: às 10h haverá a Reunião Projeto-Rede Propat, com o tema “Patrimônio territorial como referência no processo de desenvolvimento de territórios ou regiões”. No turno da tarde, às 14h30, ocorrerá a Reunião Projeto-Rede Farpergs, que abordará o assunto “Pesquisador Gaúcho: Observando o desenvolvimento regional no Rio Grande do Sul: gestão e controle social nos territórios dos Coredes Noroeste Colonial, Vale do Rio Pardo, Missões e Litoral”. Além disso, às 15h30, acontecerá a Reunião da Red Latinoamericana de Gestión Social.

Na quarta-feira, dia 9, às 10h, haverá a abertura oficial do evento. Na sequência, ocorrerá a Conferência “Ordem mundial e relações sul-sul: perspectivas e desafios para a América Latina”. Já às 14h30, acontecerá a Mesa 1, com a temática “Cooperativismo e Desenvolvimento Regional”. Encerrando a programação do dia, das 16h45 às 18h45, serão realizadas apresentações de trabalhos.

Já na quinta-feira, as apresentações iniciam no turno da manhã, das 8h15 às 10h15. Em seguida, ocorrerá a Mesa 2: “Geopolítica - a (des)ordem mundial”. Das 14h às 15h45, a Mesa 3 irá tratar do assunto “O papel da inovação no desenvolvimento e integração regional”. Às 16h45, seguem as apresentações de trabalhos. Já no turno da noite, às 19h30, acontecerá a Mesa 4: “Planejamento Urbano e o Desenvolvimento das Cidades e Territórios”.

Na sexta-feira, dia 11, das 8h15 às 12h30, será realizada a última rodada de apresentações de trabalhos. Durante a tarde, a partir das 15h30, ocorrerá a Mesa 5, com o tema “Gestão Social e Desenvolvimento Territorial”. Logo após, às 17h30, acontecerá o encerramento oficial dos eventos.

As inscrições para ouvintes seguem abertas até segunda-feira, dia 7 de novembro. Estudantes e pesquisadores interessados em participar devem se inscrever através do site unijui.edu.br/eventos, onde consta a programação completa e os links para acessar cada atividade. Mais informações podem ser obtidas junto à coordenação geral do evento, pelo e-mail slaedr@unijui.edu.br, ou com a Central de Eventos da Unijuí, pelo telefone 55 9 9218-5008.

Realização e apoio

O III SLAEDR, o III ELAGS e o VII SIDER estão sendo promovidos pelo Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional da Unijuí, pela Red Latinoamericana de Gestión Social (Relags) e pela Rede Aranduassu de Estudos Regionais, em parceria com a Red Cidir, Redeteg e Observa DR. São apoiadores o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). 


Professores do PPGDR representam Unijuí em eventos na América Latina

De 13 a 15 de outubro, aconteceu a II Jornada Internacional de Inovação e Empreendedorismo (II Innova Cidir), promovida pela Rede Interuniversitária de Cooperação para o Desenvolvimento e Integração Regional (Red Cidir). A Unijuí, a Incubadora de Empresas de Inovação Tecnológica (Criatec) e o Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional estiveram representados no evento pelos professores Pedro Luís Büttenbender e Tarcisio Dorn de Oliveira.

A atividade ocorreu na Universidade Gastón Dachary, em Posadas, na Argentina, reunindo empreendedores e incubadoras das instituições que integram a Red Cidir. “Esta jornada contou com palestras, painéis, rodadas de negócios e apresentação de trabalhos. A Unijuí esteve participando de forma qualificada dos painéis e também da apresentação de trabalhos”, relatou o professor Pedro, representante da Universidade na coordenação da Red Cidir.

O II Innova Cidir tem como objetivos ampliar as oportunidades de exposição e disseminação de conhecimento e experiências acadêmicas em áreas e atividades científicas relacionadas ao comércio internacional, desenvolvimento e integração regional, promovendo o empreendedorismo e a inovação e fortalecendo vínculos entre instituições de ensino superior, governos e comunidades e iniciativa privada em nível regional transfronteiriço.

O professor Pedro Büttenbender também participou, nos dias que antecederam o II Innova Cidir, do XIX Encontro de Jovens Rurais Cooperativistas do Mercosul, na cidade de Hohenau, no Paraguai. O evento reuniu mais de 120 jovens do país-sede, Argentina e Uruguai. “Estive ministrando uma palestra sobre as perspectivas de inclusão dos jovens no ambiente cooperativo, bem como a importância do cooperativismo no futuro dos mesmos. 


Mestranda de Desenvolvimento Regional realiza estudo sobre a justiça itinerante

Ao voltar a residir em Pejuçara, município localizado na região Noroeste do Estado, a mestranda do curso de Desenvolvimento Regional da Unijuí, Luana Carolina Bonfada, percebeu que a população encontrava dificuldades em acessar seus direitos. Dessa necessidade, surgiu a ideia de trabalhar a justiça itinerante como objeto de pesquisa de sua dissertação de mestrado. 

“A justiça itinerante é uma previsão constitucional que possibilita a descentralização dos serviços judiciários de comarcas para que os cidadãos possam ter acesso aos serviços em suas localidades”, explica Luana, acrescentando que viu nesse contexto uma alternativa para os cidadãos que residiam em sua cidade natal e que, por não se tratar de uma sede de comarca, acabavam tendo mais dificuldades em buscar o acesso aos seus direitos.

Segundo Luana, a pesquisa tem como objetivo estudar cidades que não são sedes de comarcas e que, portanto, enfrentam o mesmo problema. “Eu acredito que levando o acesso à justiça de forma mais fácil ou compreensível, com certeza estaremos implementando melhor o exercício da cidadania, que nada mais é do que um direito fundamental previsto na Constituição”, ressalta.   

O Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional (Mestrado e Doutorado) objetiva a geração de conhecimento e de produção científica a partir da pesquisa, tendo a interdisciplinaridade como referência metodológica e como temática os diversos aspectos que envolvem planejamento, gestão e inovação, na perspectiva da sustentabilidade do desenvolvimento regional. O PPGDR possui duas linhas de pesquisa: Políticas Públicas, Planejamento Urbano e Gestão do Território e Gestão de Organizações e Dinâmicas de Mercado, sendo destinado a graduados e mestres formados nas áreas de Ciências Humanas, Sociais Aplicadas e áreas afins.

Para saber mais sobre o programa, acesse o site ou entre em contato pelo telefone (55) 3332.0200 - Ramal: 3102 e e-mail ppgdr@unijui.edu.br.


Desenvolvimento Regional abre inscrições para o Mestrado e Doutorado

Estão abertas as inscrições para o Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional (PPGDR) da Unijuí. Para este processo seletivo, estão sendo ofertadas 25 vagas para o Mestrado e 12 para o Doutorado. As inscrições iniciaram nesta segunda-feira, 12, e podem ser feitas até 27 de novembro, no endereço unijui.edu.br/ppgdr

Organizado a partir da área de concentração de Planejamento e Gestão, o PPGDR engloba duas linhas de pesquisa: Políticas Públicas, Planejamento Urbano e Gestão do Território; e Gestão de Organizações e Dinâmicas de Mercado.  “A primeira realiza estudos e pesquisas em diversas áreas voltadas à discussão das próprias capacidades estatais, principalmente dos municípios, e voltadas à atuação da sociedade civil no processo de controle social de políticas públicas e ação dos gestores públicos. Além disso, discutimos as políticas nacionais, regionais e locais em torno do planejamento e mobilidade urbana e integração regional”, explicou o coordenador do programa, professor doutor Sérgio Allebrandt.  

A segunda linha de pesquisa tem por objeto a discussão voltada à governança corporativa, competitividade e estratégias organizacionais, além das capacidades territoriais necessárias para a formação de ecossistemas de inovação. “Ambas as linhas trabalham também com a discussão em relação ao cooperativismo, a economia colaborativa e solidária e, mais recentemente, estamos aprofundando as discussões em torno do papel das cidades médias nos processos de desenvolvimento das regiões, portanto, com um olhar importante para as cidades e para as cidades criativas e sustentáveis”, completou o coordenador.

Conforme explica Allebrandt, um dos principais diferenciais do Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Regional é a interdisciplinaridade, já que os cursos são destinados a profissionais de Administração, Economia, Ciências Contábeis, Gestão Pública, Sociologia, Direito, Psicologia, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Sistemas de Informação, Arquitetura e Urbanismo, Design, História, Geografia, Agronomia, Nutrição e áreas que implicam no desenvolvimento de sociedades. Outro ponto importante é a possibilidade de intercâmbio para os estudantes, tanto em universidades brasileiras quanto no exterior. 

Mais informações podem ser obtidas junto à Secretaria do Programa em Desenvolvimento Regional pelo e-mail ppgdr@unijui.edu.br ou pelo telefone 55 3332 0452 - Ramal 3102.


Programa em Desenvolvimento Regional participa de reunião sobre o cooperativismo

Nesta quinta-feira, dia 8 de setembro, foi realizada uma reunião conjunta entre professores e pesquisadores do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional da Unijuí e integrantes das direções do Sistema Sescoop/RS e da Faculdade de Tecnologia do Cooperativismo (Escoop). O objetivo do encontro, que ocorreu de forma online, foi proporcionar uma aproximação entre as instituições e a exposição de temas considerados prioritários pelo Sistema Cooperativo.

A reunião foi coordenada pelos professores do PPGDR, Pedro Luís Büttenbender e Nelson José Thesing, e contou com a participação do coordenador do Programa, professor Sérgio Luis Allebrandt, bem como de docentes vinculados ao tema do cooperativismo e pós-graduandos bolsistas do Sistema Cooperativo. Participaram também o diretor geral da Escoop, professor José Máximo Daronco, e o gerente de formação profissional do Sescoop/RS, Hélio Loureiro de Oliveira. 

O professor Pedro Luís Büttenbender destacou que o debate visou o alinhamento de temas relacionados ao cooperativismo, gestão e governança tanto presentes no PPGDR como nos órgãos de representação do cooperativismo. “Tivemos uma histórica e qualificada reunião. Essa aproximação e alianças estratégicas entre a Unijuí, Sescoop e Escoop, com apoio das cooperativas da região, constituem-se em um centro de referência e de estudos de inovação direcionados ao cooperativismo”, ressaltou.

Atualmente, o PPGDR possui aproximadamente 10 mestrandos e doutorandos pesquisando e estudando o tema do cooperativismo como um tema estratégico para o seu respectivo projeto de Dissertação ou Tese, sendo que cinco deles possuem bolsa por meio de convênio firmado entre a Unijuí e o Sescoop/RS. “O cooperativismo é um tema importante na abordagem da temática do desenvolvimento regional, bem como traz aportes e contribuições decisivas no que diz respeito a qualificação da gestão e governança do próprio Sistema Cooperativo”, afirmou o professor Pedro Büttenbender.


PPG em Desenvolvimento Regional é parceiro na organização do XII Encontro Latino-Americano de Pesquisadores em Cooperativismo

A Unijuí, por meio do Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Regional, é uma das instituições parceiras na organização do XII Encontro Latino-Americano de Pesquisadores em Cooperativismo (XII EILAC). O evento, que acontecerá entre esta quarta e sexta-feira, dias 27 e 29 de julho, na PUCPR, em Curitiba, reunirá os maiores pesquisadores da América Latina sobre a temática do cooperativismo. As atividades também serão transmitidas ao vivo, de forma online.

Durante os três dias de evento, painéis, grupos de trabalho e mesas redondas constituirão espaços de construção de conhecimentos e trocas de experiências acadêmicas e profissionais. Dentro da discussão sobre o futuro do cooperativismo, serão abordados temas como governança, diversidade, desenvolvimento sustentável e estratégias de inovação organizacional. Para conferir a programação completa e realizar sua inscrição, clique aqui.

De acordo com o professor do PPG em Desenvolvimento Regional, Pedro Büttenbender, que integra a equipe de coordenação do evento, o encontro consolida a Unijuí como centro de referência na área do cooperativismo, através de suas pesquisas e ofertas de pós-graduação. “Este encontro, novamente no Brasil, valoriza a qualidade da parceria da Universidade com o cooperativismo e gera contribuições para o cooperativismo do presente e do futuro”, ressalta o professor.

Durante o evento será realizado também o lançamento do livro “Dicionário Contemporâneo do Cooperativismo”, organizado por professores da Unijuí e das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat). A obra foi publicada pela Editora Conceito e está disponível para download gratuito neste link.

O XII EILAC é organizado pela Rede Latino-Americana de Pesquisadores em Cooperativismo (RILAC), em parceria com as seguintes instituições: Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí), Universidade Federal d e Santa Maria (UFSM), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Instituto Federal do Pará - Campus Castanhal (IFPA), Universidade Federal de Viçosa (UFV) e Faculdade de Economia da Universidade de Buenos Aires (UBA).


Professores da Unijuí participam da organização de Dicionário Contemporâneo de Cooperativismo

Foi lançado nesta quinta-feira, dia 21 de julho, o Dicionário Contemporâneo de Cooperativismo. O livro é resultado de uma parceria entre a Unijuí e as Faculdades Integradas de Taquara (Faccat), por meio de seus Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional. A obra engloba mais de 80 verbetes de diferentes temas relacionados ao cooperativismo contemporâneo, com autoria de 65 docentes e pesquisadores do Brasil e exterior. 

O lançamento do dicionário ocorreu durante o Programa Imersão, evento promovido pelo Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Regional da Unijuí. A publicação conta com organização dos professores Pedro Büttenbender, Ariosto Sparemberger, Nelson José Thesing, Marcos Paulo Dhein Griebeler, Roberto Tadeu Ramos de Morais e Jorge Amaral de Moraes.

O professor Pedro Büttenbender destaca que o cooperativismo vem crescendo, nacional e internacionalmente, e incorporando significativas inovações em suas práticas de gestão e governança cooperativa. “Dentro deste contexto, é necessário ter um suporte para fundamentação de novas terminologias que o próprio cooperativismo assume nos tempos atuais, justificando assim a importância de oferecer este dicionário à comunidade acadêmica e também ao sistema cooperativo e seus integrantes”, ressaltou.

O Dicionário Contemporâneo de Cooperativismo, publicado pela Editora Conceito, também possui apoio do Sicredi. O e-book está disponível para download de forma aberta e gratuita, por meio deste link.